Novo presidente da FMEMG já definiu diretores

Por Comunic.Ativa | Foto por Divulgação | 05 de novembro de 2012 - 18:49

A Federação de Motociclismo do Estado de Minas Gerais – FMEMG, terá uma nova diretoria a partir de 2013, que ficará a frente da entidade pelos próximos quatro anos. O novo presidente eleito é o Diretor de Enduro FIM da Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM, Maurício de Paiva Brandão e o Vice-Presidente será Gustavo Jacob.

A posse da nova diretoria será somente em 2013. As eleições foram realizadas no dia 26 de outubro. “Foi consenso que a eleição fosse antecipada para que a nova diretoria tenha tempo para planejar e agir antecipadamente para o próximo ano. Isto foi muito bom”, explica Maurício Brandão.

Para o novo presidente, a sua experiência no motociclismo o levou a comandar a entidade. “Acredito que foi consequência natural de anos e anos de dedicação ao motociclismo. Sou trilheiro desde 1985 e piloto de Regularidade desde 1990. Sempre tive simpatia pelo enduro FIM. Em 2003 participei da equipe que a CBM montou para realizar o Six Days, em Fortaleza. Participei e gosto muito do Cross Country e em 2008 meu filho, Vitor, foi campeão mineiro de MotoCross. Então acredito ter envolvimento com todas as principais modalidades, sem esquecer o Trial e o Supermoto”, afirma Brandão.

Mauricio Brandão

Mauricio Brandão

A nova diretoria já começa a fazer planos para os próximos anos. De acordo com o presidente eleito, a federação irá se preocupar com o planejamento dos campeonatos. “Acredito que planejamento é tudo. Então planejar e coordenar é nossa principal meta. Com o planejamento bem executado, a consequência é a credibilidade. Com isso pilotos, parceiros e patrocinadores se multiplicarão naturalmente. A partir disso tenho certeza que as coisas vão melhorar muito. É um ciclo: bons eventos, trazem bons pilotos e bons parceiros e assim cada vez mais vamos girar este ciclo e desenvolver mais e mais”, declara Maurício.

Maurício Brandão ainda explica que a realização dos eventos deverá ficar por conta de alguns parceiros. “Acredito que toda federação deve exercer a função de supervisionar e não de promover e realizar eventos, que é tarefa e responsabilidade dos motoclubes e promotores. A federação tem por obrigação coordenar os campeonatos estaduais e os motoclubes elaborar regulamentos coerentes e calendários viáveis. Certamente isto facilitara a vida dos pilotos, que são os principais interessados”.

Já planejando a temporada 2013, o presidente eleito afirma que a FMEMG irá criar diretorias por modalidades. “Vamos dividir as modalidades em diretorias independentes, com um diretor e uma comissão para cada modalidade, para gerir e promover o campeonato mineiro. Acredito que assim vamos atender a expectativa e as necessidades dos pilotos”.

O trabalho não para por aí. A nova diretoria já está definindo o calendário de provas do próximo ano. “Já estamos com os calendários do Regularidade, do FIM, do Cross Country e do Motocross bem adiantados. Aguardamos somente os demais estados confirmarem as provas constantes no Brasileiro. Faremos o possível para elaborar um calendário que possamos cumprir. Cada modalidade deverá  realizar no máximo sete provas no ano. Então só com estas quatro modalidades são mais de 24 provas. É um bom numero. São muitas provas e certamente teremos coincidências, por isso a opção em ter diretorias independentes, para facilitar a execução e acompanhamento destes calendários”, explica.

O presidente eleito ainda explica que a nova diretoria se dedicará o máximo para o crescimento do motociclismo no Estado, mas para isso será necessário o envolvimento de todos. “Sozinho ninguém faz nada. A FMEMG precisa dos Motoclubes, promotores e principalmente dos pilotos. Só assim cada modalidade vai crescer e se desenvolver”.

Confira os nomes já confirmados que irão comandar as modalidades

Enduro de Regularidade: Gustavo Jacob (Noé de Oliveira, Ronaldo Santi e Lucio Ribeiro)

Enduro FIM: Mauricio Paiva Brandão

Cross Country: Daniel Rezende (Lipão e Alexandre “Moicano)

Motocross: Gleidson Guilherme (Cassinho e Harington Soares)

*nas demais modalidades a FMEMG aguarda contato com liderança.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly