Resultados do Supercross de Bercy 2012

Por Renato Dalzochio Jr. | Fotos por Divulgação | 12 de novembro de 2012 - 18:04

O Supercross de Bercy comemorou sua trigésima edição consolidado como a melhor prova de Supercross do calendário europeu. Durante as três noites as disputas foram intensas, e a capital francesa ficou pequena para tanta festa. Garotas dançando, manobras de Freestyle com alguns dos melhores nomes do esporte na atualidade e um show de pilotagem na pista levaram a multidão a loucura.

No meio disso tudo, o domínio foi norte-americano, com Jake Weimer faturando duas das três rodadass e se tornando o novo Rei de Bercy. Confira abaixo como foi o evento realizado de sexta-feira, dia 9 de novembro, até ontem, domingo, 11 de novembro.

Corridas

Na sexta-feira Weimer venceu a primeira noite ao derrotar seu conterrâneo Eli Tomac durante as 15 voltas no apertado circuito. Weimer foi impecável e desferiu um ataque certeiro contra Tomac na última volta, garantindo a vitória. Justin Brayton foi o terceiro, Kyle Chisholm o quarto e Cedric Soubeyras completou os cinco primeiros.

Largada do Main Event da categoria principal

Largada do Main Event da categoria principal

A segunda corrida no sábado viu outra disputa apertada entre Weimer e Tomac, sendo que o piloto da Kawasaki novamente levou a melhor, ficando a uma corrida de se tornar o novo Rei de Bercy. Tomac teve que se contentar novamente com a segunda posição. Brayton finalizou outra vez em terceiro, Chisholm em quarto e Soubeyras em quinto.

Eli Tomac

Eli Tomac

Ídolo local, o francês Christophe Pourcel estava sem sorte. O ex-campeão do AMA Supercross Lites caiu no final da sessão de costelas e a queda parece ter sido dolorosa. Apesar disso, Pourcel escapou apenas com dores nas costelas esquerda. Outro que caiu foi o irmão de Ryan Villopoto, Tyler Villopoto. O piloto da Kawasaki viu seu primeiro sucesso na França se tornar algo difícil demais.

Jake Weimer

Jake Weimer

A terceira e última corrida na noite de domingo foi dramática, mas não o suficiente para impedir a conquista de Weimer na edição histórica de 30 anos do Supercross de Bercy.

O Supercross de Bercy é um show de Supercross

O Supercross de Bercy é um show de Supercross

Tomac venceu liderando de ponta a ponta, enquanto Weimer manteve a vice-liderança nas duas primeiras das quinze voltas, o suficiente para garantir o título, mas sofreu um tombo e perdeu a posição para Brayton. O piloto da Kawasaki levantou rapidamente e voltou atrás de seu compatriota da Yamaha. Weimer encontrou uma brecha na última volta para recuperar a segunda posição e se tornar o novo Rei de Bercy.

Justin Brayton

Justin Brayton

Brayton finalizou em terceiro, com Soubeyras em quarto e Fabien Izoird completando os cinco primeiros. “Estou feliz. As três noites aqui são estressante. É quase como um campeonato. Não é fácil. É realmente incrível ser o Rei de Bercy, porque todos os meus ídolos já venceram aqui. Este é meu segundo ano em Paris. Em 2011 me diverti muito mas não tive chance de vencer. Este ano consegui”, disse Weimer.

Kyle Chisholm foi o Rey de Bercy 2011

Kyle Chisholm foi o Rey de Bercy 2011

Na classificação final, que teve vitória de Weimer, o pódio foi todo norte-americano, com Tomac em segundo e Brayton em terceiro. Soubeyras foi o quarto e Hahn fechou os cinco primeiros. Weimer entra para uma galeria de vencedores que tem nomes como Bailey, O’Mara, Johnson, Stanton, Mcgrath e Bayle.

Josse Sallefranque foi o Príncipe de Bercy ao vencer a SX2

Josse Sallefranque foi o Príncipe de Bercy ao vencer a SX2

Tomac, Weimer e Brayton no pódio do Rei de Bercy

Tomac, Weimer e Brayton no pódio do Rei de Bercy

Resultado da primeira noite
1. Jake Weimer
2. Eli Tomac
3. Justin Brayton
4. Kyle Chisholm
5. Cedric Soubeyra

Resultado da segunda noite
1. Jake Weimer
2. Eli Tomac
3. Justin Brayton
4. Kyle Chisholm
5. Soubeyras

Resultado da terceira noite
1. Tomac
2. Weimer
3. Brayton
4. Soubeyras
5. Izoird

Rei do Supercross de Bercy 2012
1. Weimer
2. Tomac
3. Brayton
4. Soubeyras
5. Hahn
6. Coulon
7. Chisholm
8. Izoird
9. Lefrançois
10. Martin

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly