Enzo Lopes retorna ao Brasil com títulos no Mini O´s

Por Sandra Souza | Fotos por Divulgação | 28 de novembro de 2012 - 23:26

Com mais de 1.600 pilotos no Supercross e 2.400 pilotos no Motocross, terminou no último sábado, 24 de novembro, na Flórida o maior campeonato amador do mundo em número de inscritos numa mesma prova, o Mini O´s. Foi sem dúvida uma semana intensa de treinos, classificatórias e corridas, que recompensou os melhores pilotos com o título de campeão americano.

Embora muitos pilotos tenham se aventurado a alinhar no gate de largada ao lado dos mais rápidos pilotos amadores, os olhos de toda a indústria e patrocinadores, somente alguns se sobressaíram na multidão e chegaram ao topo.

Para o gaúcho Enzo Lopes, que já era considerado um dos favoritos aos títulos das categorias 85cc, a recompensa por tanto esforço e dedicação foi um saldo prá lá de positivo:  Enzo terminou entre os top 5 nas principais categorias que disputou – na modalidade Motocross, Enzo faturou dois primeiros lugares e um 4o lugar, e  na modalidade Supercross, conquistou um 2o lugar e dois 4os lugar.

380254_342225912516285_1727233252_n

Competindo com sua moto KTM 85cc original mesmo nas categorias em que são permitidas motos de 105cc e até de 112cc, os resultados do Enzo definitivamente o colocam entre os melhores pilotos amadores do mundo.  Havia categorias em que o número de inscritos chegava a 103 motos, com três grupos de classificatórias para chegarem nos melhores 40 pilotos no gate de largada.

Enzo Lopes encerra sua temporada nos Estados Unidos nesse ano e agradece aos seus patrocinadores que estão sempre do seu lado.  O Piloto retornou ao Brasil nessa quarta-feira, 28 de novembro.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly