A realidade infelizmente não é mais a mesma

Por Jorge Soares | Foto por Divulgação | 09 de janeiro de 2013 - 18:37

Muitas vezes tem se falado em pouco público nos eventos de Motocross pelo Brasil afora. Mas se formos avaliar alguns aspectos, não necessariamente existe algo errado com esta constatação. A vida da gente não é mais a mesma do que era há 20 anos, e nem o que era na semana semana !!!

Muita coisa nova entrou na vida das pesssoas pelo menos nestes últimos 20 anos, como telefone celular em que a pessoa recebe informações via SMS, internet onde a pessoa busca informações e pode assistir algumas provas de Motocross, Supercross e Arenacross Ao Vivo, e por exemplo também o cinema, que é uma forma de diversão que divide espaço com o Motocross. Além disso tem o famigerado futebol, que assim como o cinema e passeios aos shoppings também concorrem com a decisão do que fazer no final de semana.

E mais do que isto, ainda tem os vídeo games para a gurizada, que acabam ficando em casa, e com isto os pais também não saem. E tem a TV, veículo de entretenimento que não custa ‘nada’ e as pessoas ficam no conforto de suas casas. Por isto cabe esta reflexão, de pegarmos o tempo e o modo em que vivíamos há 20 anos, com o modo que vivemos atualmente.

E tudo que relatei acima não irá voltar atrás, e sim haverá cada vez mais opções de lazer e diversão para dividir o espaço com o Motocross. Lembrar que há 20 anos as provas de Motocross, que fossem Estaduais, Brasileiro, Hollywood, Skol normalmente davam público de 25.000 pessoas, infelizmente isto ficou para trás.

Agora, se os dirigentes e organizadores quiserem mesmo mudar este cenário, terão que se mexer e serem muito mais criativos do que estão sendo no momento. Achar que basta fazer divulgações dos eventos igual se faz de jogo de bola de gude (esta é velha hehehehe) é simplesmente fadar o evento a um fracasso de público, se contentando com 2 ou 3 mil pessoas !!!

Os dirigentes e/ou organizadores de competições de Motocross no Brasil tem que contratarem profissionais nas áreas comerciais e também de marketing, pois na grande maioria dos casos quem organiza os eventos não tem profundo conhecimento nestas áreas. Vou deixar aqui uma pequena dica, sendo que os profissionais sabem de outras tantas, de como atrair público para os eventos de Motocross.

Nas etapas do Brasileiro de Motocross, ao invés de cobrar os meros R$15,00, que cobrem R$20,00 ou R$25,00 e sorteiem uma ou duas motos entre o público. Com isto, além do público assistir as corridas de Motocross, estarão concorrendo por apenas R$5,00 ou R$10,00 a uma ou duas motos e isto com certeza é um grande motivo de decisão para as pessoas irem, ou não, nas corridas !!!

LogoMundocross

582272_298946450197157_100002454133069_687901_1130191719_n

Nos tempos do Hollywood MX 25.000 iam aos motódromos

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly