Copa Verão de MX abre com recorde de inscritos

Por Sílvio Bilhar | Fotos por Sílvio Bilhar | 23 de janeiro de 2013 - 7:32

Com recorde de inscrições, foram 248 no total, começou neste último final de semana, 19 e 20 de janeiro, a Copa Verão SobreRodas de Motocross 2013. A pista do Parque do Balonismo, na cidade de Torres, litoral norte do Rio Grande do Sul, foi o palco das disputas em 15 categorias de motos nacionais, importadas, categoria Feminina e categorias de base. Veja como foram as disputas e seus vencedores.

Gauchinha largou bem na Feminina
Mayree Ribeiro, A Gauchinha largou na ponta para vencer a categoria feminina. Marina Becker  pressionou mas não teve êxito chegando em 2º na prova seguida de Nathalia da Silva, Joelma Peruchi e Mariana Koenig.

Rapadura venceu na Máster Nacional
A categoria Máster Nacional deu começo a copa. Alex dos Santos, “O Rapadura”, largou na frente seguido de Joel Pires e Dirceu da Luz. Alex venceu de ponta a ponta seguido de Joel e Marcos Zili que ultrapassou Dirceu que perdeu terreno na prova. Abimael Silveira e Joares Silva em 4º e 5º lugares.

IMG_1333

Na 50 deu Garmichel
Garmichel Giehl largou na ponta e venceu a etapa da 55cc, com Marlon Lazaretti em 2º. Erik Vitorassi foi 3º após o duelo final com Henrique Henicka o 4º colocado.  Brunno Silva fechou o pódio na 5ª colocação.

IMG_1007

Estreantes Importada A
Largando no pelotão da frente, o piloto de Portão Nícolas Oliveira venceu a corrida da Estreantes Importadas A de ponta a ponta. Geovane Ramos Carlos chegou em 2º seguido de Marcelo Minho, Eduardo Silva e Rangel Cardoso que fizeram duelo nas voltas finais em disputa da posição.

Menuzzi levou a 65
Numa grande disputa na volta inicial com Vitor Gonçalves largando na frente, Felipe Menuzzi assumiu a ponta ainda na 1ª volta, aos poucos abre boa vantagem para vencer a categoria 65cc. Vitor confirmou o 2º lugar com Diogo Zanco confirmando o 3º lugar, o mesmo da largada. Olivio Gabriel e João Pedro Roncatto completaram o pódio na 4ª e 5ª colocações consecutivamente.

IMG_1094

Timm venceu a Intermediária 40
Na prova da Intermediária 40, Ademir D’Alacqua largou na ponta seguido de Eduardo Timm Bergmann e Guilherme Mémi Benatto. Timm pressionou e na 3ª volta assumiu a liderança da competição com Guilherme em 2º e Ademir caindo para 3º lugar. Após a metade da prova, Sergio Fernandes e Adecir de Lima que largaram no 2º pelotão, buscam posições melhores na prova. Serginho foi 2º na etapa, Adecir em 3º, com Ademir e Guilherme completando as cinco peças do pódio que teve Timm como vencedor.

IMG_1271

A categoria 85 teve Enzo Lopes correndo na praia
Tiago Brenner fez o hole shote seguido de Gabriel Della Flora na curva um. Logo no começo da bateria, o piloto Enzo Lopes assume a liderança, seguido de perto por Gabriel Della Flora. Os dois ficam por várias voltas com pouca diferença, nas voltas finais, Enzo abre. Com o erro de Tiago, o piloto de SC cai para o 5º lugar e Axel Hahn chega em 4º e Leonardo Limberger, “O Zanelinha” em 3º. Resultados finais.

IMG_1150

Intermediária foi vencida por Saccon
Com o gate cheio, Ândrio Seben largou na ponta e assim ficou por 3 voltas quando Willian Saccon, que largara em 3º assume a ponta da categoria. Willian venceu a bateria, seguido de Maicon Rota, que largou no pelotão da ponta. Ândrio chegou em 3º em sua nova categoria, seguido de Lucas de Oliveira que também fazia parte da 85cc em 2012. Rangel Cardoso completou o pódio.

Ismael venceu a Nacional Força Livre em seu retorno às pistas
Thiago Cardeal e Jucemar de Almeida, Julian Peretto e mais atrás Ismael da Cruz largam formando o primeiro pelotão. Ismael vai pra cima, busca posições na volta inicial e assume a liderança da prova. Thiago fica em 2º. Jucemar erra e perde muitas posições. Ismael vence a etapa após longo tempo fora das pistas. Thiago vem em 2º com Alexandre Otto, “O Cascata” que fez prova de recuperação. Sueder Viana foi 4º com Julian Peretto na 5ª colocação.

Cássio Anacleto venceu na MX2
Com a chegada da chuva, a MX2 teve Cássio Anacleto largando na frente. Seguido de Rafael Testa e Tauan Brenner, Willian Saccon.Cássio venceu a etapa de ponta a ponta seguido de Willian Saccon que pressionou desde as voltas iniciais. Ele ultrapassou Rafael Testa o 2º na largada e Tauan Brenner, que largou em 3º. O pódio foi composto por Cássio, Willian, Tauan,Giovani Ramos que também teve boa largada e Rafael em 5º.

IMG_1263

Na MX3 Catatau foi o mais rápido na abertura
Guilherme Benatto e Ângelo Matos dividem a curva um da categoria MX3. Mais atrás Paulo Silveira, O Catatau veio como uma flecha para assumir a liderança da prova. Com o barro, as posições do pelotão principal mudaram. Timm Bergmann entra no jogo assim como Jair Ribeiro. Catatau vence a etapa, seguido de Guilherme, Jair, Timm e Ângelo Matos, os cinco do pódio.

IMG_1268

Pilotos da Nacional Promocional também venceram os desafios da chuva
Maxuel Godoi e Gean Simon dividem a 1ª curva. Com o barro as posições iniciais se modificam e Simon leva a melhor completando a 1ª volta na frente. Nilson Silva, Sueder Vieira, Jaisson de Jesus e Jaison Menegas vinham logo atrás. Maxuel cai para o nono lugar e Gean venceu a prova. As demais posições ficaram como na volta inicial.

Piloto da casa venceu a Estreantes Importada B
Marcelo Cazzera e Renato Freitas se chocam na 1ª curva e ficam pelo caminho. Com isso, o piloto da casa, Cristiano Freitas “O Japa” que havia feito a curva um em 1º, abre boa vantagem na pista. Mais atrás, Vitor Garcia que vinha em 2º, encosta e na 4ª volta parte para o ataque assumindo a liderança. Posição durou menos que duas voltas, pois Cristiano dá o troco e recupera a liderança. Cristiano vence a etapa, seguido de Vitor e Michel Lenon que largou em 3º. Jair Ribeiro e Maicon Godinho fecharam o pódio.

IMG_1305

IMG_1324

230: Segunda vitória de Ismael
Alex dos Santos largou na frente seguido de Ismael da Cruz ao seu lado. Mais atrás Alexandre Otto, “O Cascata”. Logo na terceira volta Ismael “Tigrinho” da Cruz já aparecia em 1º seguido de Alex e Cascata. Ismael segue na frente até a bandeirada. Flávio Júnior, que largou entre os cinco, chegou em 2º seguido de Julian Peretto que largou no pelotão da frente. Alex completa a prova em 4º seguido de Deivid Carradorre.

IMG_1349

Duda Parise venceu a MX1
Com a presença de um dos mais profissionais pilotos da cross gaúcho, Douglas Parise “Duda”, a categoria MX1, a prova mais esperada da tarde. Duda largou na frente seguido de Paulo Silveira, “O Catatau” e Tauan Brenner. Duda cai na volta inicial indo para o 6º lugar. Fazendo prova de Recuperação, a corrida ganhou com emoção. Tauan assume a liderança com Catatau, Cássio Anacleta Júnior Rotta. Em meia prova, Duda já alcançava o 2º lugar, mas Tauan mantinha distância confortável. As voltas finais foram emocionantes com Duda tirando a diferença e fazer a ultrapassagem na curva da cronometragem faltando duas voltas para o fim da bateria. Foram duas voltas de grande disputa que culminou com a vitória de Duda. Tauan em 2º, Catatau em 3º. Júnior Rotta foi o 4º e Timm Bergamann completou o pódio.

IMG_1390

IMG_1405

Próxima etapa ocorrerá em Arroio do Sal neste final de semana, dias 26 e 27 de janeiro.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly