AMA Supercross 2013 – 6ª Etapa – San Diego

Por Renato Dalzochio Jr. | Fotos por Divulgação | 10 de fevereiro de 2013 - 11:53

O AMA Supercross fez neste sábado sua última parada na Califórnia. O Qualcomm Stadium em San Diego, no extremo sul do Estado, foi o palco da sexta etapa. Na categoria 450, com uma surpreendente atuação em 2013, Davi Millsaps, conquistou sua segunda vitória no campeonato, a primeira da história da Suzuki na categoria 450 em San Diego. Agora ele é mais líder do que nunca na tabela de classificação.

Já na despedida da categoria 250 costa Oeste antes das ‘férias’ para a disputa do campeonato da costa Leste, o atual campeão Eli Tomac reagiu após duas etapas ruins e voltou a vencer, diminuindo a diferença para o líder Ken Roczen na pontuação. Além das emocionantes disputas, a corrida em San Diego também foi especial para nós brasileiros.

Em sua despedida da competição, Jean Ramos se classificou para mais uma final, e no Main Event somou sete pontos graças aos décimo quarto lugar. Confira como foram as disputas das baterias finais da sexta etapa disputada neste sábado, 9 de fevereiro.

Categoria 450

Na largada Davi Millsaps fez o holeshot e disparou na frente, seguido por Broc Tickle, Chad Reed, Justin Brayton e Justin Barcia. Rapidamente Reed e Barcia se estabeleceram na segunda e na terceira posição respectivamente e passaram a pressionar Millsaps.

Largada 450cc

Largada da categoria 450 na etapa de San Diego 2013

s780_9I9D2035

Broc Tickle

Maior vencedor da categoria em San Diego com seis tentos, Reed buscava sua sétima vitória. Apesar da pressão, em nenhum momento o australiano desferiu um ataque definitivo para tentar ultrapassar Millsaps, embora os dois tenham andado muito próximos o tempo todo.

Na metade da corrida, quando tinha chance de tentar a ultrapassagem sobre o líder do campeonato, Reed perdeu a dianteira em uma curva para a direita e foi ao chão. O australiano voltou em sétimo lugar. A partir daí Barcia passou a pilotar o tempo todo na sombra de Millsaps, mas assim como Reed, andou muito próximo mas em nenhum momento tentou a ultrapassagem.

Vídeo do momento da queda de Chad Reed

Imagem de Amostra do You Tube
Chad Reed

Chad Reed

O líder do campeonato garantiu sua segunda vitória na temporada e a primeira da história da Suzuki na categoria 450cc em San Diego, quebrando um longo tabu. Barcia foi o segundo e o vencedor da etapa anterior, Ryan Dungey, completou o pódio na terceira posição. James Stewart foi o quarto e Reed completou os cinco primeiros. Largadas ruins não permitiram que o atual campeão Ryan Villopoto e Trey Canard, outro favorito ao título, fossem além da sexta e oitava posição respectivamente.

“Fiz o holeshot e liderei todas as voltas. Sou muito grato. Não fiz todos os holeshots do campeonato mas acho que temos sido muito consistentes até agora. A maioria dos retardatários eram meus amigos. Acho que eles olharam pra trás e me deixaram passar (risos)”, disse Millsaps.

s780_9I9D2063

James Stewart e Ryan Dungey

Ryan Dungey

Ryan Dungey

No campeonato, Millsaps abriu 19 pontos de vantagem sobre Dungey e 27 sobre Villopoto e Canard, que agora aparecem empatados respectivamente na terceira e na quarta posição. Reed fecha os cinco primeiros, 35 pontos distante do líder.

s780_9I9D2424

Millsaps e Barcia se cumprimentam após a chegada em San Diego

Pódio 450cc

Pódio da categoria 450 do AMA Supercross em San Diego em 2013

Heat 2 – Categoria 450
1. James Stewart (Suz)
2. Davi Millsaps (Suz)
3. Trey Canard (Hon)
4. Ryan Dungey (KTM)
5. Matt Lemoine (Kaw)
6. Broc Tickle (Suz)
7. Robert Kiniry (Yam)
8. PJ Larsen (Hon)
9. Broc Tickle (Suz)

Heat 2 – Categoria 450
1. Ryan Villopoto (Kaw)
2. Andrew Short (Hon)
3. Chad Reed (Hon)
4. Chris Blose (Yam)
5. Justin Barcia (Hon)
6. Matt Goerke (KTM)
7. Justin Brayton (Yam)
8. Weston Peick (Suz)
9. Mike Alessi (Suz)

Last Chance – Categoria 450
1. Joshua Hill (Suz)
2. Kyle Partdrige (Suz)

Main Event – Categoria 450
1. Davi Millsaps
2. Justin Barcia
3. Ryan Dungey
4. James Stewart
5. Chad Reed
6. Ryan Villopoto
7. Justin Brayton
8. Trey Canard
9. Andrew Short
10. Mike Alessi
11. Broc Tickle
12. Matt Goerke
13. Matt Lemoine
14. Weston Peick
15. PJ Larsen
16. Robert Kiniry
17. Chris Blose
18. Joshua Hill
19. Ben Lamay
20. Kyle Partridge

Classificação do AMA Supercross categoria 450 após seis etapas
1. Davi Millsaps – 132 pontos (2 vitórias)
2. Ryan Dungey – 113 (1 vitória)
3. Ryan Villopoto – 105 (2 vitórias)
4. Trey Canard – 97
5. Chad Reed – 97
6. Justin Barcia – 83 (1 vitória)
7. Andrew Short – 83
8. James Stewart – 74
9. Justin Brayton – 67
10. Broc Tickle – 57
11. Matt Goerke – 56
12. Jake Weimer – 48
13. Mike Alessi – 40
14. Josh Grant – 40
15. Kyle Chisholm – 37
16. Matt Lemoine – 34
17. Vince Friese – 30
18. Weston Peick – 29
19. Kevin Windham – 21
20. Jimmy Albertson – 21 pontos

Categoria 250 Costa Oeste

Na largada, Jason Anderson fez o holeshot e saiu na frente, seguido pelo atual campeão Eli Tomac em segundo e pelo líder do campeonato, o alemão Ken Roczen em terceiro. Um dos favoritos ao título, Cole Seely se envolveu em uma confusão na primeira volta e começou a corrida no último pelotão.

s780_9I9D1626

Largada da categoria 250 na etapa de San Diego 2013

Jason Anderson

Jason Anderson

Vídeo do momento da queda de Martín Davalos

Imagem de Amostra do You Tube

No final da quinta volta, em uma curva para a direita Tomac deslizou pelo traçado de dentro e ultrapassou Anderson, assumindo a liderança da prova. Três voltas depois, Roczen roubaria a vice-liderança de Anderson.

Austin Politelli

Austin Politelli

No fim das contas Tomac venceu por uma diferença mínima de pouco mais de 200 milésimos de segundos sobre Roczen. Anderson completou o pódio na terceira posição. Austin Politelli foi o quarto e Kyle Cunningham completou os cinco primeiros.

Kyle Cunningham

Kyle Cunningham

s780_9I9D1705

Ken Roczen e Eli Tomac

“Foi uma grande corrida, a pista estava incrível. San Diego tem sido bom para mim. O intervalo do campeonato também será bom. Voltarei de sangue doce em Seattle”, disse Tomac.

Ken Roczen

Ken Roczen

“Lutei durante todo o dia. Não sei por que mas só consegui pegar Tomac no final do Main Event. Foi uma boa corrida. É importante manter o number plate vermelho”, disse Roczen.

No campeonato a diferença entre Roczen e Tomac caiu de 20 para 17 pontos. Seely é o terceiro, Anderson o quarto e Cunningham fecha os cinco primeiros.

s780_9I9D1937

Roczen e Tomac se cumprimentam após a chegada em San Diego

Pódio 250cc

Pódio da categoria 250 do AMA Supercross em San Diego em 2013

Heat 1 – Categoria 250 Oeste
1. Kyle Cunningham (Yam)
2. Eli Tomac (Hon)
3. Joey Savatgy (KTM)
4. Austin Politelli (KTM)
5. Malcolm Stewart (KTM)
6. Travis Baker (Yam)
7. Jean Ramos (Kaw)
8. Aaron Siminoe (Kaw)
9. Chad Gores (Hon)

Heat 2 – Categoria 250 Oeste
1. Martín Davalos (Kaw)
2. Jason Anderson (Suz)
3. Chistian Craig (Hon)
4. Kenny Roczen (KTM)
5. Zach Osborne (Hon)
6. Tyla Rattray (Kaw)
7. Chris Plouffe (Hon)
8. Travis Bright (Hon)
9. Josh Cachia (KTM)

Last Chance – Categoria 250 Oeste
1. Cole Seely (Hon)
2. Jessy Nelson (Hon)

Main Event – Categoria 250 Oeste
1. Eli Tomac
2. Kenny Roczen
3. Jason Anderson
4. Austin Politelli
5. Kyle Cunningham
6. Travis Baker
7. Zach Osborne
8. Tyla Rattray
9. Martín Davalos
10. Jessy Nelson
11. Joey Savatgy
12. Josh Cachia
13. Christian Craig
14. Jean Carlo Ramos
15. Cole Seely
16. Aaron Siminoe
17. Chad Gores
18. Travis Bright
19. Malcolm Stewart
20. Chris Plouffe

Classificação do AMA Supercross categoria 250 Oeste após seis etapas
1. Ken Roczen – 138 pontos (2 vitórias)
2. Eli Tomac – 121 (4 vitórias)
3. Cole Seely – 95
4. Jason Anderson – 88
5. Kyle Cunningham – 83
6. Martin Davalos – 82
7. Zach Osborne – 82
8. Joey Savatgy – 62
9. Christian Craig – 62
10. Jessy Nelson – 60
11. Tyla Rattray – 58
12. Austin Politelli – 57
13. Travis Baker – 53
14. Malcom Stewart – 46
15. Max Anstie – 38
16. Ryan Sipes – 31
17. Josh Cachia – 29
18. Jake Canada – 21
19. Jean Ramos – 21
20. Michael Leib – 16 pontos

Jean Ramos

Nosso representante na categoria 250cc costa Oeste, o brasileiro Jean Ramos se despediu do campeonato em grande estilo, já que o resultado não poderia ser melhor. Primeiro foi destaque novamente na TV, ao alinhar ao lado do atual campeão Eli Tomac no gate, durante a Heat 1.

Nesta mesma bateria largou na quarta posição, ganhando outra vez destaque ao disputar posições como nomes de peso como Austin Politelli, Malcom Stewart e Travis Baker. Classificou-se para a final com a sétima posição.

No Main Event somou sete pontos ao finalizar na décima quarta posição, ficando na frente de ninguém menos que Cole Seely, um dos favoritos ao título, que fez uma corrida ruim. No campeonato, Jean se despede na décima nona posição, com 21 pontos somados.

Próximas etapas do AMA Supercross 2013
Sétima Etapa – 16 de Fevereiro – Cowboys Stadium – Dallas
Oitava Etapa – 23 de Fevereiro – Georgia Dome – Atlanta
Nona Etapa – 2 de Março – Edward Jones Dome – St. Louis
Décima Etapa – 9 de Março – Daytona International Speedway – Daytona Beach
Décima Primeira Etapa – 16 de Março – Lucas Oil Stadium – Indianapolis
Décima Segunda Etapa – 23 de Março – Rogers Centre – Toronto
Décima Terceira Etapa – 6 de Abril – Reliant Stadium – Houston
Décima Quarta Etapa – 13 de Abril – Metrodome – Minneapolis
Décima Quinta Etapa – 20 de Abril – CenturyLink Field – Seattle
Décima Sexta Etapa – 27 de Abril – Rice-Eccles Stadium – Salt Lake City
Décima Sétima Etapa – 4 de Maio – Sam Boyd Stadium – Las Vegas

Próximas etapas do AMA Supercross 250 Costa Oeste 2013
Sétima Etapa – 20 de Abril – CenturyLink Field – Seattle
Oitava Etapa – 27 de Abril – Rice-Eccles Stadium – Salt Lake City
Nona Etapa – 4 de Maio – Sam Boyd Stadium – Las Vegas

Calendário do AMA Supercross 250 Costa Leste 2013
Primeira Etapa – 16 de Fevereiro – Cowboys Stadium – Dallas
Segunda Etapa – 23 de Fevereiro – Georgia Dome – Atlanta
Terceira Etapa – 2 de Março – Edward Jones Dome – St. Louis
Quarta Etapa – 9 de Março – Daytona International Speedway – Daytona Beach
Quinta Etapa – 16 de Março – Lucas Oil Stadium – Indianapolis
Sexta Etapa – 23 de Março – Rogers Centre – Toronto
Sétima Etapa – 6 de Abril – Reliiant Stadium – Houston
Oitava Etapa – 13 de Abril – Metrodome – Minneapolis
Nona Etapa – 4 de Maio – Sam Boyd Stadium – Las Vegas

Shootout – Costa Oeste versus Costa Leste
Etapa Única – 4 de Maio – Sam Boyd Stadium – Las Vegas

Confira como foram as etapas anteriores do AMA Supercross 2013
Primeira Etapa – 5 de Janeiro – Angel Stadium – Anaheim
Segunda Etapa – 12 de Janeiro – Chase Field – Phoenix
Terceira Etapa – 19 de Janeiro – Angel Stadium – Anaheim
Quarta Etapa – 26 de Janeiro – O.co Coliuseum – Oakland
Quinta Etapa – 2 de Fevereiro – Angel Stadium – Anaheim

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly