AMA Supercross 2013 – 8ª Etapa – Atlanta

Por Renato Dalzochio Jr. | Fotos por GuyB | 24 de fevereiro de 2013 - 17:52

Após quase um ano de jejum, James Stewart foi o dono da noite na oitava etapa do AMA Supercross 2013, realizada neste sábado , 23 de fevereiro, no Geórgia Dome, em Atlanta, capital do Estado da Geórgia. Foi uma noite para os fãs matarem a saudades do Bubba dos velhos tempos.

Considerado um dos favoritos ao título na categoria 450, o piloto da equipe oficial Yoshimura / Suzuki se redimiu de uma péssima metade de temporada, onde colecionou inúmeros resultados ruins. Em Atlanta tudo foi diferente.

Stewart foi o mais rápidos nos treinos classificatórios da tarde, venceu sua Heat Race e fez 20 voltas perfeitas no Main Event, conquistando sua primeira vitória no campeonato, coroada também com a volta mais rápida da corrida. O atual campeão Ryan Villopoto foi o segundo e o líder do campeonato, Davi Millsaps, completou o pódio em terceiro.

Villopoto agora é o vice-líder, 22 pontos atrás de Millsaps. Já na categoria 250 costa Leste, Will Hahn venceu à frente do escocês Dean Wilson, vencedor da semana passada em Arlington. O que colocou ainda mais fogo na disputa entre as equipes Geico / Honda e Pro Circuit / Kawasaki. Wilson e Hahn estão separados por apenas dois pontos na classificação.

Categoria 450

James Stewart fez o holeshot e liderou de ponta a ponta todas as 20 voltas do Main Event. O atual campeão Ryan Villopoto finalizou em segundo, e durante toda a corrida foi à sombra de Stewart, com a diferença entre dois sempre oscilando entre um e dois segundos. No final Bubba recebeu a bandeira quadriculada com um segundo e 400 milésimos de vantagem.

s780_022413atlantablast033

Largada da categoria 450 em Atlanta

s780_022413atlantablast034

James Stewart venceu de ponta a ponta

“O que eu posso dizer, venci esta noite. Isso significa muito pra mim. Desde o início do campeonato que eu estava louco atrás dessa vitória. Consegui largar na frente. Foi tudo praticamente perfeito. Fui o mais rápido nos treinos, na heat, fiz o holeshot e liderei todas as 20 voltas do Main Event. Mas não vou mentir que eu estava um pouco nervoso porque eu não vencia faz algum tempo”, disse Stewart.

s780_022413atlantablast037

Jacob Weimer e David Millsaps

s780_022413atlantablast038

Trey Canard

Líder do campeonato Davi Millsaps fez uma corrida inteligente, acelerando apenas o suficiente para garantir o terceiro degrau do pódio, já que o resultado ainda lhe mantém na liderança, agora com 22 pontos de vantagem sobre Villopoto, que assumiu a segunda posição. Justin Barcia foi o quarto e Trey Canard completou os cinco primeiros.

s780_022413atlantablast039

Eli Tomac

s780_022413atlantablast041

Ryan ‘RV’ Villopoto

Corrida frustrante para Ryan Dungey e Chad Reed, que com largadas ruins, não foram além da sexta e nona posição respectivamente. Dungey caiu para terceiro no campeonato, agora com 26 pontos de desvantagem para Millsaps. Reed fecha os cinco primeiros, 47 pontos atrás do líder. Barcia aparece na sexta posição, 58 pontos distante de Millsaps.

s780_022413atlantablast040

Mike Alessi

s780_022413atlantablast042

Equipe comemora primeira vitória de Bubba pela Suzuki no AMA SX

Canard é o quarto colocado, 39 pontos atrás de Millsaps. Com a vitória Stewart chegou aos 100 pontos e subiu da nona para a oitava posição, com 74 pontos de desvantagem para o líder. Em sua estreia na categoria, Eli Tomac finalizou na sétima posição.

Resultados da oitava etapa da categoria 450

Heat 1 – Categoria 450
1. Davi Millsaps (Suz)
2. Andrew Short (Hon)
3. Jake Weimer (Kaw)
4. Chad Reed (Hon)
5. Mike Alessi (Suz)
6. Eli Tomac (Hon)
7. Ryan Dungey (KTM)
8. Jimmy Albertson (Hon)
9. Josh Hill (Suz)
 
Heat 2 – Categoria 450
1. James Stewart (Suz)
2. Justin Barcia (Hon)
3. Ryan Villopoto (Kaw)
4. Justin Brayton (Yam)
5. Broc Tickle (Suz)
6. Matt Goerke (KTM)
7. Chris Blose (Yam)
8. Les Smith (KTM)
9. Peter Larsen (Hon)

Last Chance – Categoria 450
1. Trey Canard (Hon)
2. Robert Kiniry (Yam)

Main Event – Categoria 450
1. James Stewart (Suz)
2. Ryan Villopoto (Kaw)
3. Davi Millsaps (Suz)
4. Justin Barcia (Hon)
5. Trey Canard (Hon)
6. Ryan Dungey (KTM)
7. Eli Tomac (Hon)
8. Jake Weimer (Kaw)
9. Chad Reed (Hon)
10. Mike Alessi (Suz)
11. Matt Goerke (KTM)
12. Broc Tickle (Suz)
13. Justin Brayton (Yam)
14. Andrew Short (KTM)
15. Peter Larsen (Hon)
16. Josh Hill (Suz)
17. Chris Blose (Yam)
18. Les Smith (KTM)
19. Jimmy Albertson (Hon)
20. Robert Kiniry (Yam)

Classificação do campeonato na categoria 450 após oito etapas
1. Davi Millsaps – 174 pontos (2 vitórias)
2. Ryan Villopoto – 152 (3 vitórias)
3. Ryan Dungey – 148 (1 vitória)
4. Trey Canard – 135
5. Chad Reed – 127
6. Justin Barcia – 116 (1 vitória)
7. Andrew Short – 102
8. James Stewart – 100 (1 vitória)
9. Justin Brayton – 91
10. Matt Goerke – 79
11. Broc Tickle – 77
12. Jake Weimer – 61
13. Mike Alessi – 60
14. Josh Grant – 40
15. Weston Peick – 39
16. Kyle Chisholm – 37
17. Matt Lemoine – 34
18. Jimmy Albertson – 31
19. Vince Friese – 30
20. Robert Kiniry – 24 pontos

Categoria 250 Costa Leste

Seguindo o exemplo da categoria 450cc, a segunda etapa da 250cc costa Leste também viu uma corrida de um homem só. Terceiro colocado em Arlington, Will Hahn conquistou a primeira vitória de sua carreira e colocou fogo na disputa. Ele fez o holeshot e liderou todas as 15 voltas do Main Event.

s780_022413atlantablast027

Largada da categoria 2450 Leste em Atlanta

s780_022413atlantablast028

Wilborn Hahn

Vencedor da etapa de abertura, o escocês Dean Wilson foi o segundo colocado. Já o francês Marvin Musquin se redimiu do sexto lugar em Arlington e completou o pódio na terceira posição em Atlanta. Blake Wharton foi o quarto e Jeremy Martin completou os cinco primeiros.

s780_022413atlantablast029

Justin Hill

“Trabalhei duro e esta noite fui recompensado. Mantive uma atitude positiva e procurei fazer uma corrida inteligente. É uma sensação incrível conquistar a primeira vitória da minha carreira aqui no Georgia Dome, na frente de tantos fãs. Esperei esse momento por um longo tempo”, disse Hahn.

s780_022413atlantablast030

Marvin Musquin

s780_022413atlantablast032

Wil Hahn e Dean Wilson se cumprimentam após a bandeirada final

No campeonato Wilson segue na liderança, mas agora com apenas dois pontos de vantagem sobre Hahn. Wharton é o terceiro, Musquin o quarto e Kyle Peters fecha os cinco primeiros. Entre o segundo e o quarto colocado, apenas cinco pontos separam os pilotos. Peters está quatro pontos atrás de Musquin. A nona etapa acontecerá na noite do próximo sábado, 2 de março, no Edward Jones Dome, em St. Louis, no Missouri.

Resultados da segunda etapa da categoria 250 Costa Leste

Heat 1 – Categoria 250 Leste
1. Dean Wilson (Kaw)
2. Gavin Faith (Hon)
3. Jeremy Martin (Yam)
4. Justin Hill (Kaw)
5. Steven Clarke (KTM)
6. Mitchell Olden (Hon)
7. Vince Friese (Hon)
8. Lance Vincent (KTM)
9. Kurtis McCabe (Hon)

Heat 2 – Categoria 250 Leste
1. Wil Hahn (Hon)
2. Marvin Musquin (KTM)
3. Blake Wharton (Suz)
4. Kyle Peters (Hon)
5. Zach Bell (Hon)
6. James Decotis (Hon)
7. Jackson Richardson (Hon)
8. Gareth Swanepoel (Kaw)
9. AJ Catanzaro (Kaw)

Last Chance – Categoria 250 Leste
1. Cole Thompson (Hon)
2. Adam Gulley (Kaw)

Main Event – Categoria 250 Leste
1. Wil Hahn (Hon)
2. Dean Wilson (Kaw)
3. Marvin Musquin (KTM)
4. Blake Wharton (Suz)
5. Jeremy Martin (Yam)
6. Justin Hill (Kaw)
7. Gavin Faith (Hon)
8. Kyle Peters (Hon)
9. Vince Friese (Hon)
10. Zach Bell (Hon)
11. Mitchell Oldenburg (Hon)
12. Lance Vincent (KTM)
13. Cole Thompson (Hon)
14. James Decotis (Hon)
15. Steven Clarke (KTM)
16. Gareth Swanepoel (Kaw)

Classificação do campeonato na categoria 250 Costa Leste após duas etapas
1. Dean Wilson – 47 pontos (1 vitória)
2. Wil Hahn – 45 (1 vitória)
3. Blake Wharton – 40
4. Marvin Musquin – 35
5. Kyle Peters – 31
6. Justin Hill – 31
7. Gavin Faith – 28
8. Vince Friese – 24
9. James Decotis – 20
10. Lance Vincent – 20
11. Mitchell Oldenburg – 19
12. Jeremy Martin – 16
13. Zach Bell – 14
14. Gareth Swanepoel – 13
15. Cole Thompson – 12
16. Jackson Richardson – 11
17. Adam Gulley – 10
18. Levi Kilbarger – 7
19. Steve Clarke – 6
20. Ryan Zimmer – 5 pontos

Próximas etapas do AMA Supercross 2013
Nona Etapa – 2 de Março – Edward Jones Dome – St. Louis
Décima Etapa – 9 de Março – Daytona International Speedway – Daytona Beach
Décima Primeira Etapa – 16 de Março – Lucas Oil Stadium – Indianapolis
Décima Segunda Etapa – 23 de Março – Rogers Centre – Toronto
Décima Terceira Etapa – 6 de Abril – Reliant Stadium – Houston
Décima Quarta Etapa – 13 de Abril – Metrodome – Minneapolis
Décima Quinta Etapa – 20 de Abril – CenturyLink Field – Seattle
Décima Sexta Etapa – 27 de Abril – Rice-Eccles Stadium – Salt Lake City
Décima Sétima Etapa – 4 de Maio – Sam Boyd Stadium – Las Vegas

Próximas etapas do AMA Supercross 250 Costa Oeste 2013
Sétima Etapa – 20 de Abril – CenturyLink Field – Seattle
Oitava Etapa – 27 de Abril – Rice-Eccles Stadium – Salt Lake City
Nona Etapa – 4 de Maio – Sam Boyd Stadium – Las Vegas

Calendário do AMA Supercross 250 Costa Leste 2013
Terceira Etapa – 2 de Março – Edward Jones Dome – St. Louis
Quarta Etapa – 9 de Março – Daytona International Speedway – Daytona Beach
Quinta Etapa – 16 de Março – Lucas Oil Stadium – Indianapolis
Sexta Etapa – 23 de Março – Rogers Centre – Toronto
Sétima Etapa – 6 de Abril – Reliiant Stadium – Houston
Oitava Etapa – 13 de Abril – Metrodome – Minneapolis
Nona Etapa – 4 de Maio – Sam Boyd Stadium – Las Vegas

Shootout – Costa Oeste versus Costa Leste
Etapa Única – 4 de Maio – Sam Boyd Stadium – Las Vegas

Confira como foram as etapas anteriores do AMA Supercross 2013
Primeira Etapa – 5 de Janeiro – Angel Stadium – Anaheim
Segunda Etapa – 12 de Janeiro – Chase Field – Phoenix
Terceira Etapa – 19 de Janeiro – Angel Stadium – Anaheim
Quarta Etapa – 26 de Janeiro – O.co Coliuseum – Oakland
Quinta Etapa – 2 de Fevereiro – Angel Stadium – Anaheim
Sexta Etapa – 9 de Fevereiro – Qualcomm Stadium – San Diego
Sétima Etapa – 16 de Fevereiro – Cowboys Stadium – Arlington

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly