Público recorde no Desafio de Motocross em Taquaruçu

Por Assessoria de Imprensa da FGM | Fotos por Sílvio Bilhar | 26 de fevereiro de 2013 - 8:37

Pelo segundo ano consecutivo Taquaruçu do Sul, recebeu o Desafio Sul Brasileiro de Motocross. Pilotos de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul disputaram provas acirradas em nove categorias. Um público de mais de seis mil pessoas deram um verdadeiro show ao vibrar e aplaudir a cada volta ou ultrapassagem dos pilotos.

O público também foi agraciado neste final de semana, 23 e 24 de fevereiro, com o tradicional Encontro de Trilheiros de Taquaruçu do Sul, e do Encontro de Som Automotivo, realizados no Parque da Usina Granja Velha. Veja como foram os duelos.

Desafio começou com vitória gaúcha na MX3
Na categoria MX3, Gustavo Visoto largou na frente seguido de Silvio Alchini, Everton “Grilo” da Silva e Márcio Molz. Visoto segurou à pressão de Sílvio que errou na 2ª volta perdendo muitas posições. Com isso Grilo assume a vice- liderança. Posições que não se modificaram até a quadriculada.  Vitória de Visoto com Grilo, Molz, Maiara Basso (que buscou duas colocações) e Sílvio Alchini.

DSC00400

Carbonera faturou a Intermediária
Na intermediária, quase trinta pilotos fizeram a bateria com mais pilotos na pista. Quem largou melhor na largada foi Gabriel Garbonera que largou na ponta seguido de Charles Baron, Sílvio Alchini, Luis Henrique Zottis e Virlei Wandsher. Na 2ª volta um dos maiores postulantes à vitória, Roberto Bergmann cai e abandona a bateria quando buscava recuperação. Na frente, Carbonera acelerava firme rumo à vitória. Charles ficou em 2º com Sílvio em 3º. O pódio ainda foi composto por Virlei Wandsher e Cristiano Rasia que saíram do pelotão intermediário no começo da corrida.

DSC00486

Nalin venceu a Nacional Livre
Vinícius Nalin, de Pinhalzinho já havia feito um bom treino cronometrado e confirmou a boa tocada na prova. Largou na ponta para vencer de “cabo a rabo”. Mas o fato interessante da prova foi que Vanderlei da Silva, O Chico loco caiu na volta inicial e bem ao seu estilo, conforme narrou o locutor Márcio Frozza, vinha enrolando o cabo em busca de recuperação. Ficou em 5º após o tombo e chegou em 2º na etapa. Charles Luft chegou em 3º, a mesma posição da largada. Virlei Wardsher foi o 4º, ele que não aparecia no pelotão principal na largada e Danny de Oliveira completou o pódio em 5º, após ter largado em 2º, cansou na bateria.

DSC00407

Márcio Molz venceu a Estreantes na experiência
Paulo Finkler, que havia feito o melhor tempo cronometrado, largou na ponta na prova seguido, de Márcio Molz, Emiliano Correa, Paulo Webber, “O Tocha” e João Souza. Márcio, com manobra arrojada assume a ponta na 2ª volta. Paulo tentando recuperação erra e perde posições durante a prova. Mas em plena recuperação, Tocha encosta no líder faltando 4 voltas do fim. Foram voltas de grandes duelos em que eles ficaram lado a lado por alguns momentos. Márcio “fechando a porta” e usando a experiência para vencer a etapa. Roberto Tocha Webbwr foi 2º seguido de Emiliano, Matheus Scheiht e Paulo Finkler.

DSC00642

Andrigo venceu a 50
Gabriel Andrigo largou bem e não teve dificuldades em vencer a corrida do Desafio Sulbrasileiro de Motocross com facilidades. Sua vitória foi de ponta a ponta. Santiago Leiria da Silva chegou em 2º seguido de Rafael Becker e Nícolas schneider Gauer.

DSC00529

Brayan chegou na frente na MX2 na superação
Uma das categorias mais esperadas da tarde, a MX2, teve Gabriel Carbonera largando na ponta, seguido de Daniel Reichardt, Matheus Basso,Leonardo Dambrós em 4º e José Brayan Soares em 5º. Carbonera abre boa vantagem enquanto que o segundo pelotão era disputado palmo a palmo entre os 4 pilotos. Dambros ultrapassou Basso no meio da prova e Brayan surpreendeu com uma tocada agressiva chegando no líder faltando 3 voltas da  bandeirada. Arrojado, colocou lado a lado e fez a ultrapassagem. Depois administrou e segurou o piloto gaúcho para levar a vitória na categoria. Leonardo, Mateus e Daniel subiram nas outras peças do pódio.

DSC00593

Bruno Schmitz foi o mais rápido na 65
Um grande duelo inicial na 65cc se levantou o público local que a cada volta aplaudia a gurizada da categoria de base. Felippe Manuzzi que largou na ponta sofreu pressão e foi ultrapassado por Felipe Migliorini ainda na volta inicial. Mas com troca de posição na liderança. Menuzzi recupera a liderança e Migliorini erra, cai na mioleira da pista abandonando o duelo. Mais atrás, Bruno Schmitz andava no mesmo tempo do líder. A prova estava administrada quando na penúltima volta, Menuzzi perde a concentração, cai na pista. Bruno assumiu a ponta, acelerou e vibrou com a vitória no desafio sul brasileiro. Menuzzi, Gabriel Andrigo, Lucas Moresco e João Vitor Gomes completaram o pódio.

IMG_2663

Gabriel começa vencendo a 85 em sua nova equipe
Henrique Grochanke largou na frente seguido de Bruna Zanatta e Gabriel Della Flora que estreava em sua nova equipe a Vulcano/IMS/Ipiranga (Honda satélite). Gabriel partiu para o ataque e ainda na volta inicial busca o 2º lugar e na volta seguinte assumiu a liderança da categoria. Mas na metade da prova, veio o susto, a moto de Gabriel apaga na curva do pit stop e Henrique voltou à liderança. Gabriel fez prova de recuperação e ainda consegue retornar à liderança faltando poucas voltas para o fim. Henrique chega em 2º seguido de Thiago Brenner, Bruna Zanatta e Rian Fisher.

IMG_2671

Com garra e superação Duda dominou a MX1
A última categoria da tarde, a MX1 Força Livre teve Gustavo Visoto, Lucas Basso e Leonardo Dambrós dividindo à primeira curva. Dambrós aparece liderando a corrida na volta inicial. Em seguida vem Roberto Bergmann, Mateus Basso, Lucas Basso e Douglas “Duda” Parise. Dambrós abre boa vantagem na pista enquanto que Duda enrolava o cabo fazendo ultrapassagens volta após volta. Na metade final da prova, Duda chega no líder da prova, estuda o adversário para fazer a ultrapassagem e vencer a categoria MX1 apesar de estar em luto pelo falecimento de sua avó. Dambrós veio em 2º seguido de Mateus, Lucas e Roberto.

DSC00722

A prova teve o patrocínio Máster de Sicredi e Precar Veículos. Realização: Rádio Taquaruçu (88.9FM), Prefeitura de Taquaruçu do Sul e Câmara de Vereadores.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly