Max Nagl fora do GP de Motocross na Tailândia

Por Jorge Soares | Foto por Divulgação | 09 de março de 2013 - 8:46

A equipe Honda de Motocross anunciou que o piloto Max Nagl não vai participar no Grande Prémio da Tailândia neste fim de semana, na segunda etapa do campeonato do Mundial de MX1 em Si Racha. Nagl está no hospital com uma infecção no estômago.

Nagl, que já estava sofrendo com uma lesão na mão durante sua estreia na Honda último fim de semana, lutou durante todo o dia da corrida na abertura da temporada no Qatar com dor de estômago, fadiga e vômitos. O diagnóstico inicial da equipe médica no circuito foi intoxicação alimentar, e ele foi dado remédios para reidratação para ajudá-lo a recuperar depois das baterias. Mas as condições de Nagl pioraram após a etapa do Qatar, e ele foi internado no hospital local, em Doha para continuar o tratamento.

Ele voou para a Tailândia um dia depois, apesar de ainda sofrer com problemas em seu estômago, condição que melhorou ao longo da semana e quinta-feira o piloto de 25 anos de idade, sentia bem o suficiente para começar um treinamento leve, embora ele tenha sido incrivelmente cuidadoso com sua ingestão de alimentos. Mas a condição piorou novamente durante a noite e ele teve novamente vômitos e diarreia, que acabou com Nagl indo de volta para o hospital. Outros testes pela equipe no hospital de Banguecoque, em Pattaya, deu o diagnóstico de uma infecção no estômago e Nagl está recebendo antibióticos intravenosos e fluidos para a reidratação, assim, portanto, não será capaz de competir este fim de semana em Racha Si.

nagl

Maximilian Nagl

Lorenzo Resta, chefe da equipe Honda no Mundial de Motocross comentou sobre o assunto : “Obviamente, esta é uma grande decepção para Max e a equipe, mas não há nada que possamos fazer. Max estava com muita dor após a corrida da semana passada, mas o diagnóstico fez com que nós esperamos uma boa recuperação na metade da semana. Temos acompanhado ele cuidadosamente com o tratamento médico, e apesar de Max mostrar alguma melhora quinta-feira, ele estava realmente doente. Max é um lutador e com certeza vai estar pronto rapidamente para voltar as corridas, Ele está recebendo tratamento no hospital local, onde esperamos a sua condição melhorar rapidamente para que ele seja capaz de voar para casa para fazer uma boa recuperação”, completou Lorenzo.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly