Motivos para assistir o AMA SX Ao Vivo de Indianápolis

Por Renato Dalzochio Jr. | Fotos por Divulgação | 15 de Março de 2013 - 23:25

Separamos abaixo alguns motivos que podem tornar as corridas em Indianápolis mais interessantes e ser fazer você definitivamente desistir de qualquer outro programa e ficar de olho na tela do computador assistindo a décima primeira etapa do maior e melhor camepeonato de Supercross do mundo. Os treinos terão início às 15:00 horas, e as corridas às 20:30 horas pelo horário de Brasília, e você poderá assistir aqui pelo site Mundocross. Confira.

image_13632807060518161

Pista está prontíssima no Lucas Oil Stadium

Disputa pelo título na categoria 450

Restando sete etapas para o final do campeonato, Ryan Villopoto pela primeira vez em 2013, desde a abertura em Anaheim, vai correr com o number plate vermelho, de líder do campeonato. O atual campeão é o piloto com mais vitórias na temporada, cinco em dez etapas, e assumiu a liderança no último sábado em Daytona, por apenas dois pontos de vantagem sobre Davi Millsaps. Millsaps apostou na consistência e com apenas duas vitórias liderou o campeonato por dez etapas. Teve péssimos resultados nas duas últimas corridas e agora vai ter que usar a inspiração das etapas anteriores para tentar se redimir e permanecer na briga pelo título.

Davi Millsaps

Millsaps não estará usando o number plate com fundo vermelho em Indy

Despedida de Eli Tomac

Eli Tomac vai fazer sua última corrida na categoria 450 em Indianápolis neste sábado. Ele ficará de fora das etapas de Toronto, Houston e Minneapolis, a fim de se preservar para a disputa do título da categoria 250 costa Oeste, que voltará a ser disputado na décima quinta etapa, em Seattle.

48187_tomac-stlouissx2013-c_2aa38_600

Eli Tomac

Dean Wilson

O escocês era apontado como o grande favorito ao título da categoria 250 costa Leste durante a pré-temporada. Começou comprovando isso ao vencer a abertura em Arlington, mas viu seu principal oponente, Wil Hahn, vencer em Atlanta, St. Louis e Daytona. Hahn pegou confiança principalmente depois da primeira vitória em Atlanta. Wilson é o vice-líder com cinco pontos de desvantagem e precisa reagir caso não queira ficar para trás na disputa pelo título.

48188_wilson-dallassx2013-_e8e73f_600

Dean Wilson

Volta o padrão Supercross

Daytona possui a volta mais longa do AMA Supercross. E não é pra menos, afinal a pista é considerada a mais ‘Motocross’ do campeonato. Mas neste sábado em Indianápolis o padrão Supercross volta ao campeonato, com pista mais curta, mais técnica, com mais saltos e tempos de volta girando nas tradicionais casas de 45 e 50 segundos.

Veteranos em alerta

Difícil de acreditar que James Stewart e Chad Reed se transformaram de candidatos ao título a coadjuvantes. Ambos possuem condições de vencer corridas (Stewart venceu em Atlanta) mas estão muito, muito atrás dos líderes na tabela de pontuação. Mas nunca se sabe quando eles poderão surpreender, e quem sabe reeditar as disputas pelas vitórias, que tanto marcaram a rivalidade entre os dois.

48189_reed-atlantasx2013-089_600

Chad ‘CR22’ Reed

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly