Brasileiro de Velocross 2013 – 1ª Etapa – Lapa

Por Comunic.Ativa | Foto por Divulgação | 25 de Março de 2013 - 18:34

Os pilotos que abrilhantaram a abertura do Brasileiro de Velocross, nesse fim de semana, dias 23 e 24, tiveram o fator ‘clima’ como um grande concorrente. No sábado os pilotos enfrentaram o sol, já no domingo muita chuva e lama, o que dificultou bastante a competição e acirrou o clima de disputa entre eles.

Cerca de 450 pilotos abriram a disputa da competição, na cidade de Lapa, no Paraná. O evento foi realizado no CTG da Lapa e também foi válido pela segunda etapa do campeonato Paranaense de Velocross.

Um dos destaques do final de semana foi o gaúcho Fernando Sanches. Com 44 anos de idade e 30 dedicados ao motociclismo, levou o primeiro lugar na categoria VX3 Especial. Fernando que já havia brilhado na 1 etapa do Paranaense em Rio Negro, voltou a se destacar na Lapa. Ele ressalta que sua experiência, concentração e jogo limpo nas pistas são fatores que contribuem para o seu desempenho nas competições.  Sanches afirma que está com muita vontade e determinação para conquistar o titulo de campeão brasileiro este ano e que vai lutar pra isso.

E as mulheres também arrasaram nas pistas, Maiara Basso conquistou o sexto lugar na categoria VX3 Especial, mas durante os primeiros minutos liderou a prova. Outro destaque foi o piloto paranaense Gustavo Oliveira, que correu na categoria VX2. Com apenas 16 anos venceu no final de semana e mostrou a força da nova geração do motociclismo nas pistas.

De acordo com o presidente da Federação Paranaense de Motociclismo – FPRM, Gilberto Rosa, o evento foi um sucesso. “Os pilotos mostraram que a cada ano o Velocross está conquistando seu espaço. A velocidade e o ronco dos motores fizeram a Lapa tremer no final de semana. Foi uma grande honra realizar em nosso estado a abertura do campeonato Brasileiro”, destacou o presidente.

fprm-25-mar-2013-001a_b

Resultados da primeira etapa do Brasileiro de Velocross 2013

Categoria VX1
1º – Lucas Basso
2º – Rodrigo Taborda
3º – Mateus Basso
4º – Luciano Oliveira
5º – Danilo Gorrera Veltroni
6º – Thiago Erdmann
7º – Marcelo Maziero
8º – Jacson Keil
9º – Eduardo Falconi Faisst
10º – Alexandro De Lara
11º – Helinson Lugarini
12º – Jeison Scheidt

Categoria VX2
1º – Gustavo Oliveira
2º – Luís Felipe Fietz
3º – Leandro Matos Lemos
4º – Jeison Scheidt
5º – Marcelo Maziero
6º – Mateus Basso
7º – Tiago Pykocz
8º – Lucas Basso
9º – Alexandro De Lara
10º – Mateus Felipe Kunz
11º – Rayllan Calixto
12º – Carilo Porkote
13º – Luciano Battistella Junior
14º – Felipe Pick

Categoria VX3 Importadas:
1º – Fernando Sanches
2º – Fabiano Ribeiro
3º – Giovane Pick
4º – Nasri Sarkiss
5º – Márcio Fernando Borox
6º – Maiara Basso
7º – Marcelo Alexandre Marques
8º – Alencar Krefta
9º – Flávio Roberto Alves Brito
10º – Edinei Bueno
11º – Renato Stachiw
12º – Cristiano Baptista Pipino
13º – Elder Piroli
14º – Reinaldo Grechinski
15º – Fabiano Grahl De Souza
16º – João Pedro
17º – Márcio Batista
18º – Anderson Ribas Machado
19º – José Luiz Marchiotto Junior
20º – Tatiane Lobchenko
21º – Jonas Ceccon
22º – Jairo Pedro
23º – Daiane Lobchenko
24º – Delton Butori Junior

Categoria VX3 Nacional
1º –  Márcio Lago
2º – Álvaro Cesar de Campos Júnior
3º – Braúlio de Jesus Andrade Nego
4º – Almir Rogério Iargas de Paula
5º – Adir Langhammer
6º – Ricardo Ribeiro Batista
7º – Luciano Francisco
8º – Augusto Amhof
9º – Márcio José Ivanowski
10º – Ana Cláudia Fietz
11º – Marcelo Couto
12º – Ilio Venet
13º – Marcos Augustin
14º – Roberto Marinho Santini
15º – Juliano Marcelo Ramos
16º – Vandir Fracaro
17º – Antonio Marcos
18º – Acir Padilha De Siqueira
19º – João Silvério Francener
20º – Fernando Rodrigues
21º – Erika Rogalski
22º – Sergio Izidoro
23º – Ezequias Rodrigues Dos Santos

Categoria Força Livre Nacional
1º – Wandrey Niels
2º –  Jacson Keil
3º –  Deivid Souza
4º – Douglas Korelo
5º – Willian Langhammer
6º – Jocimar Fereira de Lima
7º – Marcelo Couto
8º – Luiz Gustavo Gueno
9º – Álvaro Cesar De Campos Junior 7
10º – Deivid Ribas de Souza
11º – Luiz Guilherme Nepomoceno
12º – Iago Sgorla

Categoria VX4 Nacional
1º – Rudimar Sebben
2º – Gumercindo Simoes Neto
3º – José Roberto Ferlini
4º – Edival André Ferreira
5º – Carlos Figueiredo
6º – José Vitor Cit
7º – Ilio Venet
8º – Vandir Fracaro
9º – Sérgio Izidoro
10º – Marcos Augustin
11º – Marco Aurélio Farias

Categoria VX4 Importadas
1º – Marcelo Alexandre Marques
2º – Renato Stachiw
3º – Márcio Fernando Borox
4º – Giovane Pick
5º – Fernando Sanches
6º – Alencar Krefta
7º – Nasri Sarkiss
8º – Elder Piroli
9º – Fabiano Grahl De Souza
10º – José Luiz Marchiotto Junior
11º – João Pedro
12º – Cristiano Fernandes
13º – Reinaldo Grechinski
14º – Jairo Pedro
15º – Márcio Batista

Categoria Nacional 230
1º – Leandro Matos Lemos
2º – Wandrey Niels
3º – Jordan Prade Martini
4º – Volnei da Fonseca
5º – Ricardo Ribeiro Batista
6º – Preslei de Carli
7º – Luiz Gustavo Kovalczyk Fila
8º – Edson Refundini Filho
9º – Guilherme Roberto da Silva
10º – Marcelo Bonifácio
11º – Jacó Koch
12º – Jeferson Keil
13º – Eduardo Leobet
14º – Leonardo Rosa
15º – Gabriel Figueiredo
16º – Ricardo Belli
17º – Giovanni Veiga Adriano

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly