Série Perspectivas 2013 – Adam Chatfield

Por Sandra Souza | Fotos por Divulgação | 03 de abril de 2013 - 14:57

Hoje o destaque vai para Adam Chatfield, britânico, piloto da equipe satélite Vulcano / Ipiranga / IMS Racewear / Honda de Motocross. Agora para você mais uma entrevista exclusiva da ‘Série Perspectivas 2013′ do site Mundocross. Confira os planos de Chatfield para a temporada nacional que iniciará daqui 10 dias.

Placa de 5 segundos no ar, largou…

Mundox – Adam, antes de falar de 2013, comente sobre como foi tua temporada em 2012.

Adam Chatfield – 2012  foi um ano bom. Passei a correr de 450 e ganhei o campeonato Arenacross, além dos vice-campeonatos do Brasileiro de Motocross e da Superliga de Motocross.

Mundox – Você participou de algum campeonato de verão ou de um campeonato  dentro do seu programa de pré-temporada ?

Adam Chatfield – Participei do campeonato Arenacross Britânico em janeiro e fevereiro. Foram quatro etapas, das quais ganhei duas, fiquei em segundo em uma e em quarto em outra, e acabei conquistanto o título de campeão do campeonato.

Mundox – Quais os campeonatos nacionais ou estaduais pretende disputar e em quais as categorias em cada um destes campeonatos ?

Adam Chatfield – Minha categoria é a MX1 no campeonato Brasileiro de Motocross e a MX Pro no Arenacrosss, e vou disputar o Brasileiro de Motocross, o Arenacross e algumas etapas do campeonato Goiano de Motocross.

550581_105751852901152_143199318_n

Mundox – O que você achou da CBM ter criado o campeonato por equipes no Brasileiro de Motocross 2013 ?

Adam Chatfield – Interessante !! Isst dá chance das equipes fortalecerem sua imagem perante o público e seus patrocinadores.

Mundox – Sobre a sua pré-temporada, o que você já fez e o que ainda pretende fazer para 2013 em relação a preparação física e técnica ?

Adam Chatfield – Além de participar do Arenacross na Inglaterra, estive na Califórnia treinando por duas semanas, e recentemente venho treinando com a minha equipe aqui no Brasil.

Mundox – Você vai disputar a temporada 2013 por qual equipe e quais os patrocinadores?

Adam Chatfield – Continuo representando a equipe satélite Honda / Vulcano / Ipiranga / IMS Racewear.

Mundox – Você pretende disputar quais campeonatos no exterior este ano ?

Adam Chatfield – Não pretendo competir no exterior este ano.

179534_107998922676445_1523216157_n

Mundox – Já faz algumas temporadas que não se tem campeonato Brasileiro de Supercross. O que você acha sobre isto ? Gostaria que tivesse um Brasileiro de Supercross ?

Adam Chatfield – Sim, gosto muito da modalidade Supercross. Se tivesse um campeonato aqui no Brasil eu com certeza participaria. Seria legal ter seis etapas num período relativamente curto entre elas.

Mundox – Agora a palavra e o espaço são todos seus.

Adam Chatfield – Estou contente de voltar ao Brasil, rever os amigos e companheiros de equipe. Gosto de morar em Indaiatuba e de competir no Brasil, e até tenho alguns fãs !!

Perfil do piloto Adam Chatfield
Nome completo : Adam Brian Chatfield
Data de nascimento : 3 de setembro de 1987
Cidade onde nasceu : Devizes – Inglaterra
Cidade onde mora : Indaiatuba – SP.
Motos atuais : Honda CRF 450
Principais títulos : Campeão da Superliga  2011 /  Campeão Arenacross 2012 / Campeão Britânico Arenacross 2013
Ídolo no Motocross Nacional : Cristiano Lopes
Ídolo no Motocross Internacional : Jeremy Mcgrath
Pista de Motocross favorita em São Paulo : Kalango Cego em Itupeva
Pista de Motocross favorita no Brasil : Canelinha – SC.
Comida favorita: Filé a parmeggiana
Bebida favorita : Guaraná
Estilo de filme preferido : Comédia
Comida nos dias de corridas : Massa
Bebida nas corridas : Água e Vulcano (energético)
Lazer preferido : Ciclismo e corrida a pé
Esporte preferido fora o Motocross : Ping-pong
E-mail : [email protected]
Facebook : Adam Chatfield

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly