Carlos Barbosa não repete vencedor desde 2007

Por Adriano Winkler | 09 de abril de 2013 - 9:36

Quase tudo pronto para a abertura do campeonato Brasileiro de Motocross de 2013. O motódromo Fabiano Audibert, localizado na cidade de Carlos Barbosa, no Rio Grande do Sul, foi o palco escolhido para a primeira etapa da temporada, e promete iniciar a briga pelo título nacional no mais alto nível. Por enquanto, as únicas máquinas na pista ainda são os tratores, que dão os últimos retoques no traçado que receberá os melhores pilotos do país e mais de uma dezena de estrangeiros, entre eles os espanhóis Carlos Campano, atual campeão Brasileiro e ex-campeão Mundial de Motocross MX3, e Adrian Garrido, bem como o britânico Adam Chatfield, o americano Sean Lipanovich, e os portugueses Paulo Alberto e Joaquim Rodrigues. Entre os brasileiros, nomes certos como Jorge Balbi Júnior, Marcello Lima, Jean Ramos, Wellington Garcia e muitos outros.

“Carlos Barbosa é uma prova já tradicional. Agrada aos pilotos, às equipes, à imprensa e ao público. Com sol ou chuva sempre temos arquibancadas lotadas para ver as melhores disputas dentro da pista”, diz Claudio Chies, presidente do Moto Clube de Carlos Barbosa.

“A divulgação da prova aqui no Rio Grande do Sul está sendo muito forte. Fechamos grandes parcerias de mídia e tenho certeza de que o evento será inesquecível”, completou Chies.

Iniciar a disputa na frente é o objetivo de todos os pilotos, mas um dado curioso chama a atenção em relação aos vencedores da categoria MX1 em Carlos Barbosa. Desde 2007 a etapa da Serra Gaúcha não vê o mesmo piloto subir ao lugar mais alto do pódio duas vezes. Mais do que isso, nem pilotos do mesmo Estado venceram duas vezes desde então. Em 2007, a vitória foi do goiano Wellington Garcia. Já em 2008, o eterno campeão, o catarinense João Paulino ‘Marronzinho’ Júnior foi o vencedor da prova. Em 2009, a etapa gaúcha não foi realizada em Carlos Barbosa, mas, sim, em Canoas, na grande Porto Alegre.

De volta ao motódromo Fabiano Audibert em 2010, o mineiro Jorge Balbi Júnior deu show debaixo de chuva e faturou o primeiro lugar. Em 2011 foi a vez do paranaense Leandro Nunes da Silva conquistar a vitória. Já na etapa gaúcha de 2012 o vencedor foi o espanhol Carlos Campano, piloto da equipe oficial Geração / Yamaha.

Carlos Barbosa cartaz(1)

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly