Foto do Dia Mundocross

Por Comunic.Ativa | Foto por Divulgação | 27 de junho de 2013 - 2:00

Adrenalina, pressão e manobras de tirar o fôlego fizeram parte da primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Stunt (Wheeling), realizada em Lins (SP), nos dias 4 e 5 de maio. Essa foi a primeira vez que a modalidade foi disputada oficialmente como Campeonato Brasileiro, já que no começo deste ano recebeu a chancela da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo). “Acredito que agora que o esporte será reconhecido de verdade e para nós isso é muito bom. Valoriza o nosso trabalho”, aponta Lucas Jorge, um dos maiores nomes da modalidade. “A competição foi bastante elogiada por todos os pilotos, que vieram de todo o Brasil para participar. Entre eles, Deivid Silva, que ganhou a categoria Super-Street. O piloto é de Pendências (RN) e viajou 3.700 km para estar presente. Ele representou muito bem os pilotos do Nordeste”, afirmou Leandro Calegas, Diretor de Stunt da CBM. A segunda e terceira etapas já foram confirmadas, e serão realizadas em Brasília (DF), nos dias 24 e 25 de agosto, e em São Miguel (SP), nos dias 21 e 22 de setembro, respectivamente. Na segunda etapa haverá ainda a categoria Feminina. Mais informações: (11) 96058-2323 (Vivo) e (11) 98688-7555 (Tim). O Stunt é praticado no Brasil desde 1980. Ganhou notoriedade a partir de 1990, mas somente foi reconhecido como prática esportiva pelo Ministério dos Esportes em 2010.

Stunt

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly