Foto do Dia Mundocross

Por VipComm Comunicação | Foto por Divulgação | 11 de agosto de 2013 - 2:00

Um dos brasileiros mais experientes em provas de Rally, André Azevedo está entre os principais nomes confirmados na 31ª edição do Enduro da Independência, que vai reproduzir o trajeto da Rota Imperial de Vitória, Espírito Santo a Ouro Preto, Minas Gerais, de 4 a 7 de setembro. O currículo de André em competições de rali é extenso. O piloto de São José dos Campos, São Paulo, já participou de 25 edições do Rally Dakar, sendo 10 nas motos, 14 nos caminhões e uma nos carros. Seu melhor resultado no geral foi o vice-campeonato dos caminhões, em 2003, enquanto nas motos alcançou a nona posição geral, em 1993. Em 2013, André volta às origens atrás de novas aventuras sobre duas rodas. “O que eu busco nessa volta é um resgate da aventura. Não estou pensando tanto em competir, mas sim em diversão. Com a experiência que tive no Dakar, eu posso afirmar que gosto muito dessa emoção”, comenta o piloto, que não disputa uma prova na categoria motos há 16 anos, desde o Dakar de 1997. Além da aventura, André espera reviver o clima que encontrou nas primeiras edições do Enduro da Independência. “Participei das nove primeiras edições, conseguindo por três vezes o vice-campeonato, e tenho lembranças muito boas. A festa que se faz, o encontro com outros trilheiros do Brasil, as histórias de superação nas adversidades. Enfim, é um mini-Dakar com outros ingredientes,  com muito mais calor humano”, comenta o piloto, que vai disputar na categoria Dupla Graduado ao lado de Cristiano Moreira da Silva. Para André, seu maior desafio será se adaptar à navegação em uma prova de enduro. “Já são 23 anos sem participar de um enduro de regularidade. Será um desafio ver toda a tecnologia para navegação de hoje e manter a média horária. Vou ter aulas novamente”, brinca. Sobre os desafios do trajeto, que irá reproduzir o caminho feito por Dom Pedro II através da Rota Imperial entre os Estados do Espírito Santo e de Minas Gerais, André afirmou que espera poder desfrutar da bela vista das cidades por onde passará. “As trilhas que o TCMG – Trail Clube Minas Gerais, levanta são de uma beleza natural muito grande e cheias de novidades para quem gosta de aproveitar a natureza”, conclui.

f81feef88e47be72250125a3fc8a1d7d

André Azevedo

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly