Entrevista com o locutor Wilson Cleber

Por Mariah Morgado | Fotos por Divulgação | 14 de agosto de 2013 - 11:27

Estamos dando seguimento aqui no site Mundocross da série de entrevistas com os locutores de Motocross pelo nosso Brasil afora. Como comentamos na primeira entrevista, que foi com Cristian Mascary, a intenção é valorizar quem ajuda a dar brilho aos eventos de Motocross e Velocross nos nossos campeonatos Regionais, Estaduais e Nacionais, informando ao público o que está rolando na pista, e também fazendo entrevistas com os pilotos, que são as grandes estrelas das corridas.

O segundo entrevistado, da série que será mensal aqui no Mundocross, foi o gaúcho Marcio Frozza, o ‘Marcinho’, que é locutor oficial do campeonato Gaúcho de  Motocross e Gaúcho de Velocross. O terceiro entrevistado da série foi o simpático sergipano Antônio Alves, o ‘Carira’. Falando em Carira, todas as quintas-feiras, das 20:30 às 21:30 horas ele tem um programa pela rádio web que fala exclusivamente de Motocross. Se você não escutou ainda, Clique Aqui e curta o programa.

E agora vamos para a quarta entrevista com um locutor do Estado do Rio de Janeiro. Fiquem agora com a entrevista com o Wilson Cleber, o ‘Clebinho’. Boa leitura !!!

Mundocross – Como você entrou nessa vida de locutor de Motocross ?

Wilson Cleber – Bom pra começar sempre gostei de Motocross, sempre fiz trilha e alguns Motocross. Logo vi que meu mundo seria esse !!! Até que um belo dia em uma prova de Cross Country em Saquarema, Rio de Janeiro, não tinha locutor e lá foi eu pro microfone e deu no que deu estou ate hoje.

Mundocross – Como é a vida na estrada para as corridas de Motocross ?

Wilson Cleber – Nossa nem me fale, além do meu trabalho, nos finais de semana às vezes viajamos vários quilômetros 300 kms, 500 kms…, mas vale a pena.

Mundocross – Conte um fato pitoresco que te aconteceu durante uma narração de uma corrida de Motocross.

Wilson Cleber – Lá estava eu narrando o 30º Motocross de São Sebastião do Alto, no Rio de Janeiro, em um Trio Elétrico onde os amigos faziam um churrasco e eu como todo locutor tomo muita água. Ao lado da churrasqueira havia varias garrafas de água e eu na empolgação passei a mão em uma das garrafas e dei aquela golada. Me dei mal amigo, era álcool da churrasqueira !!!

292867_3341339191669_939381636_n

Wilson ‘Clebinho’

Mundocross – Qual corrida que mais te marcou ? E por quê ?

Wilson Cleber – Uma das corridas entre tantas que me marcou, foi em eresópolis, no Estado do Rio de Janeiro, fiz a festa com os pilotos da PR Racing dando um show para galera. Só que eles andavam de maquinas 2 Tempos bem antigas, foi quando eu comecei a elogiar e pedindo os aplausos da galera e eu falando que eles mereciam patrocínio da cidade, pois eles levam o nome de Teresópolis por onde passavam, ai prefeito da cidade veio até a mim e disse no meu ouvido: ‘Clebinho chama ele (Philipe de Pinho) aqui, pois vou lhe dar uma moto zerada’ !!! Imagine a festa !!!

Mundocross – Quais os campeonatos de Motocross que você está narrando no momento na temporada 2013 ?

Wilson Cleber – Narro para a Femerj, narro provas Regionais e algumas em Minas Gerais.

Mundocross – Qual a maior dificuldade (ou maiores) que você enfrenta como narrador de corrida de Motocross ?

Wilson Cleber – É chegar ao evento e não ter um som compatível.

Mundocross – Você acha que durante os eventos de Motocross, deve haver junto com o narrador um comentarista, para que aja uma dinâmica maior e uma folga para o locutor, pois narrar por 6 a 8 horas seguidas não é fácil, não é mesmo ?

Wilson Cleber – Sem dúvida iria acrescentar. Eu já tive a experiência de narrar com um amigo e foi bem legal. Quanto a narrar de 6 a 8 horas, fico triste quando acaba rsrsrsrs.

296106_4285939566088_1179464476_n

Wilson Cleber, o ‘Clebinho’

Mundocross – Atualmente você só faz narrações de Motocross ou também tem trabalhado em outros seguimentos ?

Wilson Cleber – Bom, além da locução eu tenho uma loja de confecção de troféus (vidro e mdf). Geralmente quando me contratam fecho na locução e no troféu.

Mundocross – Qual a sua visão sobre o Motocross na mídia hoje em dia ?

Wilson Cleber – Lamentável que um esporte tão bonito como esse não tenha a mídia que merece.

Mundocross – Agora a palavra e o espaço são todos seus.

Wilson Cleber – Gostaria de parabenizar vocês pelo trabalho importante na divulgação do Motocross que está muito carente e obrigado pela matéria sobre os locutores de Motocross.

Perfil do locutor Wilson Cleber
Nome completo : Wilson Cleber Mendes da Silva
Data de nascimento : 23 de julho de 1971
Cidade onde nasceu : Rio Bonito – RJ.
Cidade onde mora : Rio Bonito – RJ.
Apelido : Clebinho
Quem é para você uma lenda do Motocross Brasileiro : Jorge Negretti
Pista de Motocross favorita no Brasil : Não fui a todas, mas Canelinha
Comida favorita : Omelete
Bebida favorita : Coca-cola
Tipo de filme preferido : Ação, comédia, aventura
Lazer preferido : Narrar Motocross
E-mail : [email protected]
Facebook :Wilson Cleber

 

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly