Novas regras no AMA Supercross em 2014

Por Divulgação | 09 de dezembro de 2013 - 9:32

Nesta semana a Feld Motorsports anunciou mudanças para o formato de classificação as corridas do Main Event do AMA Supercross, com destaque para a adição de Semifinais entre as Heats e as Last Chance da categoria 450.

 

As Heats 450 levarão os quatro primeiros pilotos para o Main Event, além de que os pilotos que terminarem nas posições pares ainda nas eliminatórias vão para Semi 1, e pilotos que terminarem nas posições finais ímpares vão para Semi 2.

 

Cada Semifinal classificarão os cinco primeiros para o Main Event (Evento Principal). A Last Chance classificará quatro pilotos (até este ano classificavam apenas dois) para o Main Event, resultando em um evento principal com 22 pilotos, ao invés dos 20 atuais.

Duas voltas serão cortadas a partir das eliminatórias existentes, aumentando com isto o tempo entre as Heats e as Semifinais e Last Chances, para os pilotos poderem descansar um pouco mais.

Serão mais corridas !!! Esse é o aspecto principal desta mudança de formato. De alguma forma isso é apenas reverter à forma como eram realizadas as classificatórias do AMASupercross há alguns anos, mas a adição de mais duas vagas para o evento principal é definitivamente um alívio para muitos pilotos. Adicionando baterias de Semifinal na programação é um fator de mais segurança para os pilotos, pois antes um acidente ou pequeno problema mecânico nas Heats levaria o piloto direto para a Last Chance.

Agora, com a semi, há outra rodada de classificação para tirar um pouco do risco de ficar de fora do Main Event. Serão estas boas mudanças de regra ? Qual é a sua opinião ?

logo-ama-mc9

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly