10 coisas para conferir no AMA SX em Phoenix

Por Mariah Morgado | Fotos por Divulgação | 11 de janeiro de 2014 - 7:21

Escapando
As habilidades de Ken Roczen no Supercross não estão em questão, afinal de contas ele é o atual campeão da 250 Costa Oeste, mas ninguém, talvez nem mesmo o próprio Roczen, esperava que ele vencesse a abertura da categoria 450. Mas foi exatamente isso que aconteceu depois de vinte voltas em Anaheim1. O piloto da equipe oficial Red Bull / KTM mostrou pose de veterano dentro da pista e obviamente sua forma física não foi um problema. Sua vitória em Anaheim1 foi uma anomalia ou foi o impulso de confiança que ele precisa para disputar no pelotão da frente a cada final de semana a partir de agora ?

O show de Anderson e Seely
Jason Anderson e Cole Seely já estavam dando um show antes mesmo do show da noite começar. Na primeira sessão de treinos cronometrados, eles disputaram o primeiro lugar e na segunda classificatória, eles ficaram pescoço a pescoço por umas duas voltas. Então não foi uma surpresa vê-los se encontrarem no Main Event da 250 Costa Oeste. Suas habilidades, pelo menos na pista de A1, pareciam equivalentes, o que significa que podemos ver ótimas batalhas toda vez que eles estiverem juntos. Será que eles vão se encontrar novamente na pista de Phoenix ?

66064_anderson-anaheim12014_150b4_600

Cole Seely e Jason Anderson

Aparando o terreno
Teve tanta ação para acompanhar no pelotão da frente na noite do último sábado que poucos olhos estavam voltados para Justin Barcia, que foi forçado a sair lá de trás depois de uma péssima largada. Mas tirando a largada ruim, na verdade o piloto da equipe oficial Honda / Muscle Milk teve uma ótima corrida e conseguiu subir até a quinta posição. Depois da corrida, Barcia otimista com sua pilotagem e disse que estava ansioso para voltar para Phoenix, onde ele fez o holeshot e aparou o terreno liderando todas as voltas no Main Event do ano passado. Será que Barcia vai vencer dois anos consecutivos em Phoenix ?

Holy Schmidt !!!
Nick Schmidt. Antes da semana passada, provavelmente você não tinha ouvido falar dele, mas ele se colocou no mapa em Anaheim acompanhando Kyle Partridge, Matt Goerke e Jake Weimer no LCQ e depois fazendo o 14º lugar no Main Event contra os melhores pilotos de Supercross do mundo. Schmidt está correndo com um baixo orçamento com a The Privateet Journey, mas obviamente o #415 tem grandes habilidades. Será que elas estarão em exibição novamente hoje em Phoenix ?

Permanecendo no jogo
Um grande acidente treinando na quarta-feira antecedendo A1 deixou Dean Wilson extremamente dolorido e em dúvida se ele iria conseguir correr na noite de sábado passado. O piloto da equipe semi-oficial Monster / Pro Circuit / Kawasaki acabou tentando e quase faturou o terceiro lugar antes de cometer um erro que permitiu que Zach Osborne roubasse a última posição do pódio. Enquanto um quarto lugar não é o que Wilson espera para ele mesmo, ele fez o que precisava fazer para ficar na corrida da pontuação. Depois de ter uma semana para se recuperar, ele vai voltar a boa forma e vencer em Phoenix ?

Melhor do que um ano atrás
O fato de que Ryan Villopoto estava liderando, caiu e terminou na quarta posição ficou perdido na saga Stewart. Isso vai causar algum impedimento de avanço ? Provavelmente não. Mas RV novamente se encontra em um buraco no início da temporada, embora não seja os quinze pontos que ele perdeu a um ano atrás. Nós sabemos que RV pode esquentar a qualquer momento e começar a vencer. Será que ele vai encontrar o toque mágico neste final de semana e ganhar o controle do campeonato ?

66066_villopoto-anaheim1201_14dbc_600

Ryan Villopoto fez o holeshot em Anaheim1

Tudo ou nada
As opiniões variam sobre o acidente de James Stewart na abertura. “Se ele estivesse fazendo as costelas uns centímetros mais baixo, ele não teria caído,” disse David Vuillemin. “Eu sei que vocês vão olhar para os resultados e ver James Stewart caído e dizerem, ‘É, o mesmo James Stewart de sempre !!!’ Mas digo uma coisa a vocês, teve algo de diferente nessa,” comentou Steve Matthes. Seja qual for a vertente que você seguir, não importa, o resultado final diz o mesmo. Seguindo um 16º lugar na abertura da temporada passada, Ryan Villopoto se recuperou com um segundo lugar em Phoenix. O resto é história. Será que Stewart vai voltar a disputa neste final de semana ?

Os garotos de azul
Os pilotos da Toyota JGRMX / Yamaha, Justin Brayton e Josh Grant combinaram para quatro lugares ente os sete primeiros (ou melhor que isso) em 17 etapas em 2013. Em uma etapa em 2014, a dupla já tem metade desse número. Brayton foi rápido durante todo o dia, se classificando como o sexto mais rápido, e foi o melhor colocado da noite. Enquanto isso, Grant, em sua primeira corrida do AMA Supercross desde A3 há um ano, teve sua melhor colocação desde o quinto lugar em Las Vegas em 2013. Será que os garotos de azul podem continuar suas boas corridas nesta temporada ?

Negligenciado
Enquanto os colegas novatos estavam sendo o alvo dos holofotes com suas respectivas vitória no caso de Roczen e lesão no caso de Tomac, Wil Hahn estava calado cuidando de seus negócios, ficando fora dos dez primeiros. Essa semana não será muito fácil para Hahn, com os murmúrios circulando ao redor, “Será que Roczen vence de novo ?” e “Tomac vai correr ?”. Mas algumas vezes ter a atenção voltada para outro lugar pode trabalhar a seu favor. “Eu preciso fazer um trabalho melhor em trazer todas as coisas positivas que eu faço durante a semana para Phoenix.” Hahn disse em uma declaração liberada pela equipe. “Eu estava em uma roda gigante em Anaheim1 e preciso consertar isso e apenas ser suave. Na verdade, eu não corro em Phoenix já faz um tempo, mas eu sempre gostei de correr lá no passado. Estarei pronto.” Será que Hahn pode sacudir graduação de novato e atrair os holofotes ?

Experiência de aprendizado
Não tem como negar que Cooper Webb, da equipe oficial Yamalube / Star Racing / Yamaha tem a maioria das expectativas de qualquer novato na Costa Oeste.  Embora Anaheim1 tenha sido ‘um pouco mais estressante’ do que ele esperava, a jovem estrela brilhou com uma performance de Top 5. Com as teias de aranha de novato sacudidas, será que Webb vai disputar o pódio ?

66065_cu1_0141_600

Cooper Webb

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly