AMA Supercross 2014 – 3ª Etapa – Anaheim2

Por Mariah Morgado | Fotos por GuyB | 20 de Janeiro de 2014 - 10:44

Uma corrida para a nova geração não esquecer e uma corrida para os antigos recordarem. A noite de sábado, 18 de janeiro, foi no clima retrô. A terceira etapa da temporada 2014 começou no Angel Stadium com mais de 20 ex-campeões do campeonato desfilando em comemoração dos 40 anos do AMA Supercross. A velha guarda recebeu os aplausos quando a noite começou, mas o barulho de verdade ficou guardado para o final da noite quando o competidor mais velho que ainda continua no campeonato deu um show e teve uma vitória bem saborosa que abalou completamente o estádio. Chad Reed da equipe Discount Tire Racing / Kawasaki venceu a corrida para o conjunto antigo. Não tinha um único fã, que seja novo ou velho ou entre as duas gerações, que não ficou feliz e emocionado.

Para jogar mais lenha na fogueira, Reed conseguiu a vitória da maneira mais difícil possível, largando de trás e lutando para abrir caminho, metodicamente da quinta posição para a liderança, aproveitando os acidentes dos Ryans (Villopoto e Dungey) e com mais uma batalha épica com James Stewart que voltou o relógio para a década passada. Apropriadamente, os dois veteranos ainda no jogo terminaram na primeira e segunda posições, enquanto Ken Roczen faturou a terceira posição e recuperou o plate vermelho, e a liderança do campeonato, depois de uma semana sem ele.

Pois é, o dia em Anaheim que começou como uma celebração de todos os ex-campeões, terminou com todas as atenções em apenas um deles e em uma vitória que Reed chamou de ‘A vitória mais emocionante de toda a minha carreira’.

Categoria 450

A Heat 1 da categoria 450 foi marcada pela disputa acirrada entre Justin Brayton e Ryan Villopoto pela primeira posição. O piloto Toyota / Yamaha largou na frente e fez o Holeshot com o piloto da Monster / Kawasaki bem na sua cola. Os dois brigaram a bateria inteira, levando o público ao delírio enquanto se revezavam na liderança, mas quem cruzou a linha de chegada na frente foi Brayton. Andrew Short teve uma bateria tranquila, sozinho na terceira posição até a bandeirada final.

Ryan Dungey largou em oitavo e foi se recuperando até encontrar a dupla da RCH / Suzuki, Josh Hill e Broc Tickle travando uma batalha pela quarta posição. A briga estava acirrada até que Dungey cortou Tickle, que estava se posicionando para ultrapassar Hill, por dentro e o bloqueou fazendo com que ele caísse e deixando Hill escapa na quarta posição. Dungey alcançou Hill e na última curva fez o mesmo bloqueio que fez no colega de equipe dele, e roubou a quarta posição.

O Holeshot da Heat 2 foi novamente da Toyota / Yamaha (que com o clima retrô estava com as motos amarelas, lembrando as motos dos anos 80) com Josh Grant disparando na frente, antes de ser ultrapassado por James Stewart ainda no início da primeira volta. Justin Barcia da Muscle Milk / Honda vinha logo atrás terceira na posição, perseguido de perto por Ken Roczen da Red Bull / KTM.

Mais atrás duas kawasakis brigavam pela quinta posição, Jake Weimer da Monster / Kawasaki e Chad Reed da Discount Tire / Kawasaki, enquanto James Stewart deixou todo mundo para trás e abriu vantagem na liderança.

A disputa pela segunda posição ficou a cargo de Grant e Barcia, e Roczen tentava invadir a festa e se vingar pela jogada de Barcia que o jogou no chão na semana passada em Phoenix. Na sessão de costelas, Grant errou, dando passagem para Barcia e Roczen o ultrapassarem. Era tudo que o piloto Red Bull / KTM queria. O alemão se preparou e em uma curva para a direita antes de uma sessão de costelas, passou por dentro e bloqueou Barcia da mesma maneira que tinha sido bloqueado em Phoenix, e assumiu a segunda posição. Barcia não caiu com a jogada e cruzou a linha de chegada na terceira posição seguido por Chad Reed que ficou com a última vaga para o Main Event depois de deixar Weimer para trás.

Quem largou na frente e levou o Holeshot no Main Event da categoria foi Ryan Dungey. O piloto estava muito bem na liderança, tranquilo, com todos os pilotos atrás dele travando suas próprias batalhas enquanto ele estava sozinho e abrindo vantagem até que uma avançada desgovernada na sessão de costelas atrapalhou sua entrada para uma curva para a direita e caiu, algo que não é comum com ele. Ele voltou para a corrida na sexta posição.

s1200_011914a2_450topten001

Largada do Main Event da categoria 450 em Anaheim2

s1200_011914a2_450topten002

Jake Weimer

O deslize de Dungey permitiu que James Stewart assumisse a liderança da corrida, deixando Ken Roczen e Ryan Villopoto duelando pela segunda posição. Mais tarde, Roczen ultrapassou RV e encostou no piloto Yoshimura / Suzuki.  Na oitava volta, Villopoto encontrou seu traçado e ultrapassou Roczen novamente e partiu em perseguição de Stewart.

s1200_011914a2_450topten003

Andrew Short

s1200_011914a2_450topten004

Josh Hill e Justin Brayton

Enquanto isso, quem vinha bem atrás, o tempo todo passando despercebido  diante da batalha entre os três pilotos da dianteira era Chad Reed. O australiano não largou muito bem e teve que fazer uma corrida de recuperação.

s1200_011914a2_450topten005

Weston Peick

s1200_011914a2_450topten006

Momento da queda de Ryan Dungey quando ele estava na liderança

Villopoto tentou ultrapassar Stewart por dentro, mas bateu com a roda dianteira na bota de Stewart. A roda toda Kawasaki travou e ele caiu, voltando em quinto lugar atrás de Stewart, Roczen, Reed e Justin Brayton que avançava forte e tinha entrado na briga.

s1200_011914a2_450topten007

Ryan Villopoto

s1200_011914a2_450topten008

Justin Brayton e Ryan Villopoto

As coisas começaram a melhorar para Reed na segunda parte da corrida. O veterano ultrapassou Roczen e ficou próximo de Stewart. Os fãs presentes estavam indo a loucura assistindo os dois bicampeões duelando por mais uma vitória, e ainda por cima uma vitória na noite de comemoração retrô. Reed encontrou um traçado livre por dentro de Stewart, fez a ultrapassagem e começou a se distanciar. Muitos ali presentes não podiam acreditar no que estavam testemunhando. Reed saiu de quinto colocado para primeiro! Reed fez sua corrida para vencer sua primeira vitória desde a terceira etapa da temporada 2012.

s1200_011914a2_450topten009

Ken Roczen

s1200_011914a2_450topten010

James Stewart e Ryan Villopoto

Stewart segurou a segunda posição com Roczen logo atrás em terceiro. Justin Brayton veio logo depois, na quarta posição. A disputa que estamos acostumados a ver pela liderança, entre os dois Ryans, dessa vez aconteceu pela quinta posição. Villopoto e Dungey brigaram o tempo todo pela posição até a linha de chegada. Dungey arriscou uma última tentativa para ultrapassar o campeão na última curva, mas os dois bateram e caíram. RV levantou primeiro e assegurou a posição com Dungey na sexta posição.

s1200_011914a2_450topten012

Chad ‘CR22’ Reed

s1200_011914a2_450topten014

Pódio da categoria 450 em A2 com Chad Reed com seu filho nos ombros

Classificados na Heat 1
1.
Justin Brayton
2. Ryan Villopoto
3. Andrew Short
4. Ryan Dungey

Classificados na Heat 2
1.
James Stewart
2. Ken Roczen
3. Justin Barcia
4. Chad Reed

Classificados na Semi 1
1.
Matt Moss
2. Josh Grant
3. Weston Peick
4. Nick Wey
5. Ivan Tedesco

Classificados na Semi 2
1. Josh Hill
2. Jake Weimer
3. Mike Alessi
4.
Will Hahn
5. Matt Goerke

Classificados na Last Chance
1. Jimmy Albertson
2. Vince Friese
3. Chris Blose
4. Kyle Partridge

Resultado do Main Event da Categoria 450 em Anaheim2
1.
Chad Reed – Kawasaki
2. James Stewart – Suzuki
3. Ken Roczen – KTM
4. Justin Brayton – Yamaha
5. Ryan Villopoto – Kawasaki
6. Ryan Dungey – KTM
7. Weston Peick – Suzuki
8. Josh Hill – Suzuki
9. Andrew Short – KTM
10. Jake Weimer – Kawasaki
11. Justin Barcia – Honda
12. William Hahn – Honda
13. Ivan Tedesco – KTM
14. Joshua Grant – Yamaha
15. Nicholas Wey – Kawasaki
16. Matthew Goerke – KTM
17. Vince Friese – Honda
18. Mike Alessi – Suzuki
19. Matt Moss – Suzuki
20. Chris Blose – Honda
21. 
Kyle Partridge – Honda
22. Jimmy Albertson – Honda

Classificação da categoria 450 após três etapas
1. Ken Roczen – 60 pontos (1 Vitória)
2. Ryan Villopoto – 59 (1 Vitória)
3. Chad Reed –  57 (1 Vitória)
4. Ryan Dungey – 57
5. Justin Brayton – 55
6. James Stewart – 44
7. Justin Barcia – 42
8. Andrew Short – 38
9. Wil Hahn – 30
10. Broc Tickle – 26 pontos

Categoria 250 Costa Oeste

Quem determinou o ritmo da Heat 1 da categoria 250 foi Dean Wilson da equipe Monster / Pro Circuit / Kawasaki, seu colega de equipe Justin Hill e Zach Osborne da Geico / Honda. Dean Wilson largou bem e fez o Holeshot. Depois das primeiras curvas, as três primeiras posições estavam definidas. Wilson na liderança, Hill em segundo e Osborne em terceiro.

Todos esperavam que o novato e irmão de Josh Hill não fosse aguentar a pressão do piloto Geico / Honda, mas ele mostrou que tem garra e aguentou a pressão até o final, se defendendo de cada ataque ofensivo do agressivo Osborne. Os dois deram um show a parte, se revezando na segunda posição. Osborne chegou a ocupar a posição por algumas voltas, mas Hill contra-atacou e recuperou a posição.

A disputa pela quarta posição ficou em Jessy Nelson da equipe Lucas Oil / TLD / Honda e Dakota Tedder da equipe Tedder Racing / Monster Energy. Nelson conseguiu manter-se na posição e Tedder acabou em sexto, depois de perder a batalha dos dois privados com Mike Leib da Rocket / On Track / Honda.

Mais uma vez Jason Anderson largou na frente em sua bateria e faturou o holeshot da heat 2 da categoria. Atrás dele veio a dupla Lucas Oil / TLD / Honda, Shane McElrath e Cole Seely. A dupla brigou pela posição sozinha até que Cooper Webb invadiu a festa com sua Yamalube / Star Racing / Yamaha e roubou a terceira posição de McElrath. Os dois ainda trocaram de lugar com McElrath liderando por algumas voltas. Por fim, Webb levou a melhor e cruzou a linha de chegada em terceiro com McElrath em quarto. Dean Wilson fechou o Top 5 da bateria.

Mais uma vez Cole Seely fez o Holeshot do Main Event e liderou a corrida até a bandeirada, levando sua primeira vitória da temporada. Depois de uma largada regular, Dean Wilson parecia que ia subir no pódio. Ele ocupava a terceira posição quando caiu em uma recepção em cima do bloco de feno e desencadeou um efeito dominó. O bloco derrubado também derrubou Zach Osborne.

full_011914a2_250topten001_446264

full_011914a2_250topten010_725985

Jason Anderson, que venceu as duas etapas anteriores, não largou bem, mas fez uma boa corrida, abrindo caminho com sua Rockstar / KTM até a segunda posição. Diferente das duas primeiras etapas, ele não conseguiu alcançar Seely. Ele foi penalizado com duas posições e quatro pontos por saltar uma sessão durante bandeirada amarela. Ele acabou ficando em quarto lugar.

full_011914a2_250topten003_199997

full_011914a2_250topten004_727907

Seely não teve problemas dessa vez, ele ficou na liderança pelas 15 voltas completas e com o quarto lugar de Anderson, o piloto Lucas Oil / TLD / Honda agora lidera a pontuação do campeonato, com um ponto de vantagem.

full_011914a2_250topten007_93825

full_011914a2_250topten008_262932

Cooper Webb mais uma vez estava bem rápido com sua Yamalube / Star Racing / Yamaha e faturou o primeiro pódio de sua carreira no SX com sua segunda colocação. Malcolm Stewart ficou com a terceira posição depois da penalização de Anderson.

full_GUYB2997_447733

full_011914a2_250topten012_444102

Classificados na Heat 1
1. Dean Wilson
2. Justin Hill
3. Zach Osborne
4. Jessy Nelson
5. Mike Leib
6. Dakota Tedder
7. Chris Plouffe
8. Aaron Siminoe
9. Valentin Teillet

Classificados na Heat 2
1. Jason Anderson
2.
Cole Seely
3. Cooper Webb
4. Shane McElrath
5. Dean Ferris
6. Malcolm Stewart
7. Austin Burns
8. Cole Martinez
9. Scott Champion

Classificados na Last Chance
1.
Chris Howell
2. Joseph Dalzell
3. Chris Proscelle
4. Conner Elliot

Resultado do Main Event da categoria 250 Costa Oeste em Anaheim2
1. Cole Seely – Honda
2. Cooper Webb – Yamaha
3. Malcolm Stewart – Honda
4. Jason Anderson – KTM
5. Justin Hill – Kawasaki
6. Shane McElrath – Honda
7. Dean Wilson – Kawasaki
8. Zach Osborne – Honda
9. Michael Leib – Honda
10. Jessy Nelson – Honda
11. Dean Ferris – KTM
12. Dakota Tedder – Kawasaki
13. Cole Martinez – Kawasaki
14. Chris Plouffe – Honda
15. Valentin Teillet – Kawasaki
16. Chris Howell – Yamaha
17. Chris Proscelle – Honda
18. Conner Elliott – Honda
19. Scott Champion – Yamaha
20. Austin Burns – Honda
21. Aaron Siminoe – Kawasaki
22. Joseph Dalzell – Kawasaki

Classificação da categoria 250 Costa Oeste após três etapas
1. Cole Seely – 69 pontos (1 Vitória)
2. Jason Anderson – 68 (2Vitórias)
3. Zach Osborne – 53
4. Cooper Webb – 51
5. Dean Wilson – 50
6. 
Malcolm Stewart – 47
7. Justin Hill – 44
8. Jessy Nelson – 35
9. Dean Ferris – 31
10. Shane McElrath – 29 pontos

Calendário AMA Supercross 2014
Quarta Etapa – 25 de janeiro – Oakland / Califórnia – O.co Coliseum
Quinta Etapa – 1º de maio – Anaheim / Califórnia – Angel Stadium
Sexta Etapa – 8 de fevereiro – San Diego / Califórnia – Qualcomm Stadium
Sétima Etapa – 15 de fevereiro – Arlington / Texas – Cowboys Stadium
Oitava Etapa – 22 de fevereiro – Atlanta / Geórgia – Georgia Dome
Nona Etapa – 1º de março – Indianápolis / Indiana – Lucas Oil Stadium
Décima Etapa – 8 de março – Daytona / Flórida – Daytona International Speedway
Décima Primeira Etapa – 15 de março – Detroit / Michigan – Ford Field
Décima Segunda Etapa – 22 de março – Toronto / Canadá – Rogers Centre
Décima Terceira Etapa – 29 de março – St.Louis / Missouri – Edward Jones Dome
Décima Quarta Etapa – 5 de abril – Houston / Texas – Reliant Stadium
Décima Quinta Etapa – 12 de abril – Seattle / Washington – Century Link Field
Décima Sexta Etapa – 26 de abril – East Rutherford / Nova Jersei – MetLife
Décima Sétima Etapa – 3 de maio – Las Vegas / Nevada – Sam Boyd Stadium

 

Calendário AMA Supercross 250 Costa Oeste 2014
Quarta Etapa – 25 de janeiro – Oakland / Califórnia – O.co Coliseum
Quinta Etapa – 1º de maio – Anaheim / Califórnia – Angel Stadium
Sexta Etapa – 8 de fevereiro – San Diego / Califórnia – Qualcomm Stadium
Sétima Etapa – 5 de abril – Houston / Texas – Reliant Stadium
Oitava Etapa – 12 de abril – Seattle / Washington – Century Link Field
Nona Etapa – 3 de maio – Las Vegas / Nevada – Sam Boyd Stadium

 

Calendário AMA Supercross 250 Costa Leste 2014
Primeira Etapa – 15 de fevereiro – Arlington / Texas – Cowboys Stadium
Segunda Etapa – 22 de fevereiro – Atlanta / Geórgia – Georgia Dome
Terceira Etapa – 1º de março – Indianápolis / Indiana – Lucas Oil Stadium
Quarta Etapa – 8 de março – Daytona / Flórida – Daytona International Speedway
Quinta Etapa – 15 de março – Detroit / Michigan – Ford Field
Sexta Etapa – 22 de março – Toronto / Ontário – Canadá – Rogers Centre
Sétima Etapa – 29 de março – St.Louis / Missouri – Edward Jones Dome
Oitava Etapa – 26 de abril – East Rutherford / Nova Jérsei – MetLife Stadium
Nona Etapa – 3 de maio – Las Vegas / Nevada – Sam Boyd Stadium

 

AMA Supercross Shootout 250 Oeste versus 250 Leste 2014
Etapa Única – 3 de maio – Las Vegas / Nevada – Sam Boyd Stadium

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly