Sessão Estaleiro AMA Supercross 2014

Por Mariah Morgado | Fotos por Divulgação | 01 de fevereiro de 2014 - 14:08

Trey Canard – Braço quebrado
Trey Canard da Honda / Muscle Milk quebrou o braço durante o final de semana de Ação de Graças fazendo testes e passou por cirurgia para colocar uma placa no braço. Canard disse que espera voltar a correr em Dallas.

Matt Goerke – Dedo quebrado
Goerke teve uma noite difícil em Anaheim1 e acabou quebrando o dedo indicador da mão esquerda. Ele fez uma pequena cirurgia e conseguiu correr em Phoenix ficando em 15º lugar. Goerke voltou a correr em Anaheim e vai continuar correndo durante sua recuperação.

Cody Gilmore – Clavícula quebrada
Gilmore quebrou a clavícula nos treinos de Anaheim2. Ele passou por cirurgia na semana passada para colocar uma placa e seu retorno as pistas deverá ser em Dallas.

Josh Hill – Clavícula quebrada
Hill quebrou a clavícula em Oakland e vai perder pelo menos três ou quatro semanas de corrida. Em um comunicado a imprensa, Hill disse: “Eu não estou com muita dor. Mais do que qualquer coisa, estou frustrado por ter que perder umas duas corridas.”

Austin Howell – Laceração de baço, pulmão perfurado e colapso de pulmão, contusão pulmonar, costelas quebradas, clavícula fraturada, vértebra C3 fraturada, cirurgia no punho
Howell disse que a recuperação está indo bem e que espera voltar em Dallas. Se ele não puder voltar nesse prazo, ele diz que vai focar em se preparar e estar em forma para o AMA Motocross.

Dillon Huddleston – Polegar quebrado
O piloto privado Dillon Huddleston quebrou o polegar esquerdo em Phoenix. Ele vai ficar de fora de A3.

Ben LaMay – Punho deslocado,maxilar quebrado, cavidade ocular quebrada
LaMay sofreu um grave acidente antes de Anaheim e desde então está fora de ação. LaMay sofreu danos em alguns ligamentos o que está atrasando um pouco a sua recuperação, mas ele espera voltar a correr em Detroit.

Davi Millsaps – LCA rompido
Millsaps, o vice-campeão das duas últimas temporadas, caiu enquanto treinava em Milestone e rompeu seu LCA. É a primeira lesão que Millsaps teve nessa perna, o joelho lesionado que lhe custou o campeonato 2013 do AMA Motocross foi na outra perna. Ele passou por uma cirurgia em meados de dezembro. Em Anaheim 2, Millsaps anunciou que espera retornar as corridas em Atlanta.

67743_1402146_10150337036404955_336056061_o

Davi Millsaps

Broc Schmelyun – Pernas quebradas
O piloto privado nativo da Pensilvânia, Broc Schmelyun, vai ficar de for a do AMA Supercross depois de quebrar as duas pernas no final de dezembro em um acidente treinando.

Shane Sewell – Pé quebrado
O piloto da cidade de Westville, no estado de Indiana, Shane Sewell quebrou o pé em A1 durante a segunda bateria da categoria 450, mas espera voltar a treinar em cerca de um mês.

Les Smith – Costelas deslocadas
Smith caiu feio nos treinos em A2. Ele ainda persistiu durante o dia, mas mais tarde descobriu que tinha deslocado quatro costelas. Ele não correu em Oakland, mas vai correr em A3.

Broc Tickle – Torção de punho, contusão de costelas e mão machucada
Depois de cair feio em A2, Tickle sofreu outra queda feia em Oakland. Se ele vai ou não correr neste final de semana, só será decidido depois dos treinos da manhã de sábado. No início desta semana, ele tweetou: “Outro final de semana difícil. Cai na heat e torci meu punho, machuquei a palma da mão e prendi o dedo indicador. Estou ansioso para voltar a 100% e continuar avançando. Obrigado por toda a ajuda e apoio.”

Eli Tomac – Contusão do Manguito Rotador do ombro esquerdo
Tomac bateu em Jake Weimer na volta de abertura de sua bateria em A1 e machucou o ombro no acidente o que o forçou a perder as quatro primeiras etapas. Tomac já anunciou seu retorno em A3.

67744_tomac-anaheim12014-cu_15484

Eli Tomac 

250SX

Blake Baggett – Pé quebrado
O piloto da Monster / Pro Circuit / Kawasaki quebrou o pé durante os testes pré-temporada. Ele já voltou a treinar e estará pronto para o começo do campeonato Costa Leste das 250.

67742_1475823_10150345190064955_1381844960_n

Blake Baggett

Zach Bell – Clavícula quebrada
Bell caiu na complicada sessão triplo-triplo-triplo da pista de Phoenix e ficará de fora do restante da temporada. Ele quebrou a clavícula em três lugares e precisa de cirurgia para reparação.

Justin Bogle – Cinco vértebras quebradas e escápula quebrada
Justin Bogle da equipe Geico / Honda sofreu um grave acidente na pista de testes da equipe em Milestone no início de dezembro. Ele disse que bateu na pedaleira enquanto mandava um scrub em um triplo e quebrou cinco vértebras e uma escapula. Bogle já voltou a treinar com a moto e espera estar no gate em Dallas para a abertura do campeonato Costa Leste.

Darryn Durham – Concussão
Durham sofreu um acidente feio nos treinos em A2 e desmaiou. Ele ficará de fora de A3 e San Diego e voltará a correr quando o campeonato Costa Oeste retornar em Houston.

Casey Hinson – Punho direito esmagado e deslocado, mão esquerda fraturada e rosto fraturado
O piloto privado espera voltar no final do campeonato depois do acidente de dezembro onde ele errou uma recepção numa sessão de ritmo e caiu de cabeça no salto seguinte.

Marvin Musquin – LCA rompido
O francês da Red Bull / KTM rompeu o LCA no início de dezembro e vai ficar de fora do início do Campeonato da Costa Leste. Musquin já passou por uma cirurgia na França. Ainda não se tem uma previsão para seu retorno.

Austin Politelli – Fêmur quebrado
O piloto privado quebrou o fêmur enquanto fazia testes em Milestone na semana antecedente à Phoenix. Não tem uma data confirmada para seu retorno.

Joey Savtgy – Punho quebrado, luxação acromioclavicular, costelas quebradas e colapso parcial de pulmões
O Novato do Ano de 2013 vai ficar de fora do campeonato Costa Leste por um tempo depois de um grave acidente, no início de dezembro, em Milestone que resultou em um punho quebrado, uma luxação acromioclavicular (ombro), costelas quebradas e colapso parcial de pulmões.

Cooper Webb – Torção no punho
Webb caiu nos treinos em Oakland, torcendo e abrindo o punho. Ele correu no Main Event e vai correr em A3.

 

 fonte: RacerX

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly