Sessão Estaleiro AMA Supercross 2014

Por Mariah Morgado | Fotos por Divulgação | 28 de Fevereiro de 2014 - 22:09

Categoria 450

Justin Barcia – Joelho
Barcia ficou de fora na semana passada em Atlanta depois de cair nos treinos. Ele não vai correr nesse final de semana e espera retornar em Daytona.

Trey Canard – Braço quebrado
Trey Canard da Honda Muscle Milk quebrou o braço durante o final de semana de Ação de Graças fazendo testes e passou por cirurgia para colocar uma placa no braço. A previsão inicial era de que Canard voltaria em Dallas, mas ele ainda não pode retornar. A equipe diz que eles estão focando agora em Detroit. Enquanto isso, Cole Seely, da equipe Lucas Oil/TLD Honda na categoria 250, vai ficar em seu lugar.

Ben LaMay – Punho deslocado,maxilar quebrado, cavidade ocular quebrada
LaMay sofreu um grave acidente antes de Anaheim e desde então está fora de ação. LaMay sofreu danos em alguns ligamentos o que está atrasando um pouco a sua recuperação, mas já recebeu a liberação para começar a terapia em seu punho. Ele espera voltar a correr em Detroit.

Davi Millsaps – LCA rompido
Millsaps rompeu o LCA na pré-temporada em Milestone e passou por uma cirurgia em meados de Dezembro. Em A2, Millsaps disse que esperava voltar até Atlanta, mas alterou a data de seu retorno para Houston.

Kyle Partridge – LCA rompido
Partridge passou por uma cirurgia no início dessa semana para reparar seu LCA e provavelmente ficará de fora do restante do AMA Supercross.

Chad Reed – Escápula, clavícula e vértebra T1 quebrados
Reed caiu feio na última volta em San Diego, mas apesar das lesões, ele ainda tentou correr em Dallas, mas não conseguiu. Reed disse em um anúncio a imprensa: “Eu estou pronto para me recuperar e voltar aos treinos, e focar meu tempo e energia em me preparar para o AMA Motocross.” O piloto da Monster Energy/Pro Circuit Kawasaki, Dean Wilson, vai substituir Reed a partir deste final de semana em Indianapolis.

Broc Schmelyun – Pernas quebradas
O piloto privado nativo da Pensilvânia, Broc Schmelyun, vai ficar de for a do AMA Supercross depois de quebrar as duas pernas no final de dezembro em um acidente treinando.

Shane Sewell – Pé quebrado
O piloto da cidade de Westville, no estado de Indiana, Shane Sewell quebrou o pé em A1 durante a segunda bateria da categoria 450SX. Ele planeja voltar a correr em Indianapolis.

Jake Weimer – Ombro e punho
Weimer quebrou um osso no punho e deslocou o ombro nas classificatórias de San Diego. Weimer postou hoje no instagram que ficará de duas a três semanas sem poder mexer o ombro até que seja liberado para a terapia. Ele espera voltar o mais rápido possível, mas só retornará quando estiver 100%, se sentindo forte e preparado.

7000

Categoria 250

Zach Bell – Clavícula quebrada
Bell caiu em uma sessão tripla em Phoenix. O osso quebrou em três lugares e precisou de cirurgia. Ele ficará de fora do Campeonato até o AMA Motocross.

70002_bell-anaheim12014-cudby-002

Darryn Durham – Concussão
Durham sofreu um acidente feio nos treinos em A2 e desmaiou. Ele ficará de fora de A3 e San Diego e voltará a correr quando o campeonato Costa Oeste retornar em Houston. Ele tweetou ontem que ele espera voltar a treinar por esses dias.

Casey Hinson – Punho direito esmagado e deslocado, mão esquerda fraturada e rosto fraturado
O piloto privado espera voltar no final do campeonato depois do acidente de dezembro onde ele errou uma recepção numa sessão de ritmo e caiu de cabeça no salto seguinte.

Brady Kiesel – Mandíbula quebrada
Kiesel quebrou sua mandíbula em dois lugares e teve que suturar com fios, e também lascando cinco dentes nos treinos em Dallas. Kiesel se classificou para os eventos da noite, mas não pôde competir. Ele já passou por cirurgia e espera retornar em Daytona.

Vann Martin – Punho quebrado
Os planos de Martin para disputar o campeonato Costa Leste foram prejudicados por um punho quebrado. Ele passou por uma cirurgia na quinta-feira e espera voltar a treinar o mais rápido possível.

Cole Martinez – Punho quebrado
Martinez quebrou o punho em A3. Ele passou por cirurgia e espera voltar a correr em Houston.

Marvin Musquin – LCA rompido
O francês da Red Bull KTM rompeu o LCA no início de dezembro e já passou por uma cirurgia na França. A sua equipe disse em Dallas que ele já voltou a treinar nos Estados Unidos, mas ainda não voltou para a moto. Nesse momento ainda não se sabe se Musquin volta a competir em algumas etapas no AMA Supercross ou se ele só irá voltar no AMA Motocross.

Zach Osborne – Clavícula quebrada
Osborne teve duas fraturas pequenas na clavícula durante os treinos em A3. Espera-se que ele esteja pronto para o retorno do campeonato da Costa Oeste em Houston.

Austin Politelli – Fêmur quebrado
O piloto privado quebrou o fêmur enquanto fazia testes em Milestone na semana antecedente à Phoenix. Não tem uma data confirmada para seu retorno.

Anthony Rodriguez – Clavícula quebrada
Rodriguez quebrou a clavícula quando caiu durante o Main Event em Atlanta. Ele passou por cirurgia e espera-se que fique longe das motos por quatro semanas.

Joey Savatgy – Punho quebrado, luxação acromioclavicular, costelas quebradas e colapso parcial de pulmões
O Novato do Ano de 2013 vai ficar de fora do Campeonato Costa Leste por um tempo depois de um grave acidente, no início de dezembro, em Milestone que resultou em um punho quebrado, uma luxação acromioclavicular (ombro), costelas quebradas e colapso parcial de pulmões. Ele tem ido ao médico a cada duas semanas para verificar seu progresso, mas ainda não está liberado para correr.

 

 fonte: RacerX

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly