Prévia do Mundial de Motocross na Tailândia

Por Mariah Morgado | 06 de Março de 2014 - 19:20

Dos desertos do Qatar para o interior da Tailândia, a segunda etapa do campeonato Mundial de Motocross 2014 está preparada para acontecer no circuito de Si Racha pelo segundo ano consecutivo. Localizada na província de Chonburi. Si Racha é um distrito que é reconhecido amplamente por seu circuito de nível mundial de MXGP. Enquanto isso, a província (Chonburi) é notória por sua indústria de turismo, sendo a casa do melhor point de turistas da Tailândia, Pattaya.

O circuito em Si Racha é localizado no Pinthong Industrial Estate 3 e é feito de um solo suave que foi extraído localmente de um rio não muito distante da pista. A pista tem 1.550 metros de cumprimento, larga e tem 18 curvas e uma série de saltos grandes e difíceis, e no ano passado um deles foi saltado por apenas dois pilotos no Mundial.

As condições climáticas serão um fator determinante nas corridas do final de semana com a previsão de temperaturas acima de 30ºC e com 100% de umidade.

O MXGP da Tailândia do ano passado foi o segundo Grand Prix mais assistido na TV, com mais de 83.6 milhões de expectadores em 171 países, ligados na transmissão. Rápidos para marcar suas autoridades na temporada 2013, os dois atuais campeões mundiais, Antonio Cairoli e Jeffrey Herlings, venceram as duas baterias de suas respectivas categorias para presentear a equipe Red Bull / KTM Factory Racing com os plates vermelhos das categorias MXGP e MX2.

Categoria MXGP

Esse ano quem vai correr com o plate vermelho é Gautier Paulin que lidera o campeonato depois de sua performance impressionante na primeira etapa no Qatar. O francês que ficou em segundo colocado em Si Racha no ano passado, vai tentar melhorar ainda mais quando o gate cair nesse final de semana, mas não sem um verdadeiro desafio do line up estelar que ele vai enfrentar na categoria.

Depois de subir no segundo degrau do pódio no último final de semana, Max Nagl provou que está em forma, saudável e preparado para 2014. Esta será a primeira vez que o alemão vai correr no circuito de Si Racha, já que ele adoeceu com uma infecção estomacal nesse período do ano passado. Tomando todas as precauções para evitar adoecer este ano, Nagl voltou a Europa onde ele pode retornar a sua rotina diária antes de embarcar para a Tailândia na sexta-feira.

No ano passado Antonio Cairoli brilhou em Si Racha quando ele levou para casa a vitória dupla. No último final de semana, o atual campeão Mundial estava com o tornozelo lesionado e ficou em terceiro no geral, embora ele tenha admitido que o tornozelo não prejudicou sua pilotagem. Apesar disso, um descanso de mais do que seis dias irá fazer bem e podemos esperar ver o italiano se recuperando nesse final de semana em Si Racha.

Categoria MX2

Jeffrey Herlings carrega o peso do mundo nos ombros com a expectativa de que ele será tão dominante este ano quanto foi em 2013. O atual campeão mundial da MX2 venceu no Qatar no fim de semana passado, embora não tenha sido tão fácil quanto o esperado. Este final de semana na Tailândia, o ás da MX2 vai estar focado em seu jogo e tentar repetir a performance do ano passado.

Muitos pilotos da MX2 levaram o guidão este ano e momentaneamente parecem ameaças genuínas ao campeonato da MX2. Dylan Ferrandis vai entrar na pista para provar que não é uma fascinação de uma corrida só, depois de vencer a primeira corrida no Qatar e ficar em sexto na outra, faturando o segundo lugar do pódio da etapa. No ano passado jovem talento francês não teve seu melhor desempenho na Tailândia, mas já mostrou que ele pode acompanhar de verdade o ritmo e vai tentar provar isso no final de semana.

Romain Febvre teve uma ótima largada na abertura da temporada passada. O francês teve dois pódios nas primeiras etapas de 2013, ficando em terceiro no Qatar e em segundo na Tailândia. Neste final de semana, os fãs do Mundial terão a oportunidade de ver o quanto ele já chegou enquanto ele parece correr do mesmo jeito ou até mesmo melhor.

Cronograma (lembrando que é no horário de Bangkok, que corresponde a 7 horas a mais do que o horário de Brasília)

Sábado: 

MX2 Free Practice 10:15

MXGP Free Practice 10:45

MX2 Time Practice 14:00

MXGP Time Practice 14:35

MX2 Qualifying race 16:10

MXGP Qualifying race 17:00

Domingo: 

MX2 Warm-up 09:15

MXGP Warm-up 09:40

MX2 Race 1 13:10

MXGP Race 1 14:10

MX2 Race 2 16:10

MXGP Race 2 17:10

Stampa

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly