Sessão Estaleiro do AMA Supercross

Por Mariah Morgado | Fotos por Divulgação | 05 de abril de 2014 - 20:43

Categoria 450

Justin Brayton – Pé e dedo mindinho quebrado
Justin Brayton quebrou um pequeno osso em seu pé durante a heat em St. Louis e também quebrou o dedo mindinho no main event, mas ele vai corer em Houston.

73057_brayton-stlouissx14-c_42d25

Kyle Chisholm – Ombro
Chisholm caiu durante a semana antecedente a Dayton e machucou o ombro. Ele não vai correr em Houston.

Matt Goerke – Cotovelo quebrado
Goerke sofreu uma fratura grave e vai ficar de fora do restante do campeonato e talvez perca parte do AMA Motocross 2014.

Wil Hahn – Crânio rachado, úmero direito quebrado e clavícula quebrada

Depois de um acidente grave em St. Louis, Hahn vai ficar de fora do restante do campeonato e provavelmente a maior parte do AMA Motocross 2014.

73058_hahnw-stlouissx14-cudby-028

Davi Millsaps – LCA rompido
Millsaps rompeu o LCA na pré-temporada em Milestone e passou por uma cirurgia em meados de Dezembro. Ele já voltou a treinar e está focando em estar preparado para o AMA Motocross 2014.

Kyle Partridge – LCA rompido
Partridge passou por uma cirurgia no início dessa semana para reparar seu LCA e provavelmente ficará de fora do restante do AMA Supercross.

Chad Reed – Escápula, clavícula e vértebra T1 quebrados
Reed caiu feio na última volta em San Diego. Ele ficará de fora do restante do AMA Supercross e está focado em se preparar para o AMA Motocross 2014.

Broc Schmelyun – Pernas quebradas
O piloto privado nativo da Pensilvânia, Broc Schmelyun, vai ficar de for a do AMA Supercross depois de quebrar as duas pernas no final de dezembro em um acidente treinando.

Shane Sewell – Pé quebrado
O piloto da cidade de Westville, no estado de Indiana, Shane Sewell quebrou o pé em A1 durante a segunda bateria da categoria 450SX. Ele agora está no processo de preparação para o AMA Motocross 2014.

Ivan Tedesco – Dedo
Tedesco, que já estava correndo com um dedo quebrado, sofreu um acidente violento em Toronto que o deixou bastante machucaco. Cole Thompson irá substituí-lo em Houston.

Broc Tickle – Vértebra T7
Tickle lesionou a vertebra T7 durante os treinos em Toronto e passou por cirurgia. Ainda não há previsão de seu retorno.

Jake Weimer – Ombro e punho
Weimer quebrou um osso no punho e deslocou o ombro nas classificatórias de San Diego. Ele planeja retornar na etapa de New Jersey daqui a três semanas.

Categoria 250

Zach Bell – Clavícula quebrada
Bell caiu em uma sessão tripla em Phoenix. O osso quebrou em três lugares e precisou de cirurgia. Ele ficará de fora do Campeonato até o AMA Motocross.

Matt Bisceglia – Tíbia quebrada
Bisceglia sofreu uma fratura fina em sua tíbia. Ele passou por um pequena procedimento para reparar a fratura e vai correr quando o campeonato Costa Leste retornar em New Jersey.

Adam Cianciarulo – Lesão no ombro
Cianciarulo passou por uma cirurgia nesta semana para reparar seu omrbo esquerdo que deslocou duas vezes em Toronto. Ele ficará de molho de três a quatro meses.

Darryn Durham – Concussão
Durham sofreu um acidente feio nos treinos em A2 e desmaiou. Ele já voltou a treinar, mas só retornará as competições no AMA Motocross 2014.

Dean Ferris – Lesão no punho

Ferris sofreu uma lesão no punho enquanto treinava na Australia e ficará de for a do restante da temporada 2014 do AMA Supercross. Ele também pode perder uma parte do AMA Motocross 2014.

Casey Hinson – Punho direito esmagado e deslocado, mão esquerda fraturada e rosto fraturado
O piloto privado sofreu um acidente em dezembro enquanto se preparava para a temporada. Ainda não há previsão para seu retorno.

Brady Kiesel – Mandíbula quebrada
Kiesel quebrou sua mandíbula em dois lugares em Arlington. Teve complicações com os dentes que foram quebrados até a raíz e que requisitaram canais de raíz e coroas. Ele tentou correr assim, mas decidiu se retirar do restante da temporada do AMA Supercross.
Ele vai retornar para o AMA Motocross.

Vann Martin – Punho quebrado
Martin passou por cirurgia e espera voltar a treinar o mais rápido possível.

Cole Martinez – Punho quebrado
Martinez quebrou o punho em A3. Ele passou por cirurgia e espera voltar a correr em Seattle.

Marvin Musquin – LCA rompido
O francês da Red Bull KTM rompeu o LCA no início de dezembro e já passou por uma cirurgia na França. Ele já voltou a treinar nos Estados Unidos e é esperado para retornar para o AMA Motocross 2014.

Fredrik Noren – Punho quebrado
Noren ficará de fora do restante do AMA Supercross com um punho quebrado. Ele espera estar pronto para a abertura da temporada do AMA Motocross 2014.

Mitchell Oldenburg – Clavícula quebrada
Oldenburg quebrou a clavícula em Toronto, mas espera correr nas duas últimas etapas da Costa Leste.

Zach Osborne – Clavícula quebrada
Osborne teve duas fraturas pequenas na clavícula durante os treinos em A3. Ele vai correr em Houston.

Kyle Peters – Ombro
Peters deslocou o ombro no main event de Toronto. Ele passou por cirurgia e vai retornar em New Jersey.

Austin Politelli – Fêmur quebrado
O piloto privado quebrou o fêmur enquanto fazia testes em Milestone na semana antecedente à Phoenix. Ele está na reabilitação e já voltou a pedalar para tentar voltar aos treinos com moto o mais rápido possível.

Anthony Rodriguez – Clavícula quebrada
Rodriguez quebrou a clavícula quando caiu durante o Main Event em Atlanta e passou por cirurgia. Ele está esperando retornar para o AMA Motocross.

Blake Wharton – Joelho
O piloto Geico / Honda passou por cirurgia em seu menisco durante a semana e espera voltar em New Jersey.

Ryan Zimmer – Vértebras L1, L2, L3 e L4 quebradas
Zimmer caiu em St. Louis, mas felizmente não precisa de cirurgia, apesar de estar muito dolorido.

 

 fonte: RacerX

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly