Duda Parise e Pinho Ribeiro fazem os melhores tempos nos cronometrados em Fagundes Varela

Por André Charão | Fotos por André Charão | 04 de abril de 2015 - 23:03

Com uma grande presença de pilotos a cidade de Fagundes Varela abriu neste sábado a programação da terceira etapa do Rinaldi Gaúcho de Motocross. O piloto da casa Douglas Parise fez o melhor tempo nos treinos cronometrados da principal categoria da competição, a MXPró, cravando 1:26.081. João Pinho Ribeiro (Torres) fez o melhor tempo dos treinos cronometrados ao cravar durante o treino da MX2.

11130283_856432764422774_1715015624006739427_n

A programação começou com os treinos livres na parte da manhã, a tarde foram realizados os cronometrados, que serviram como prévia do que está por acontecer no domingo. O sábado ainda contou com a 1:25.214 realização de quatro largadas com cinco categorias em disputa.

19092_856333831099334_4869991458050568476_n

O primeiro vencedor da terceira etapa foi Henrique Nicoletti (Ijuí), que conquistou sua segunda vitória consecutiva na categoria Novatos Importadas. Nas categorias 230cc e MXF, que largaram juntas, Leandro Fole (Montauri) e Maiara Basso (Mato Castelhano) mantiveram o 100% de aproveitamento em suas categorias com vitórias consistentes. Pablo Florin (Cardona/Uruguai) voltou a vencer na categoria MX4, Pablo havia vencido a categoria na etapa de abertura e ficado de fora da segunda etapa em Ibirubá.

230cc + MXF

230cc + MXF

A prova que marcou o primeiro dia da etapa foi a disputa da categoria MX2 entre Enzo Lopes (Lajeado) e Brayan Soares (Massaranduba/SC), os dois dominaram a prova do começo ao fim, Enzo largou na frente e teve Brayan durante todo o tempo como sua sombra. No final da prova a pressão de Brayan deu certo, Enzo errou na penúltima volta e perdeu a liderança da prova para Brayan.

11088334_856432814422769_5166956855065021021_n

Confira os melhores tempos do cronometrado:

MX Pró
Douglas Parise – Fagundes Varela (1:26.081)
MX2
João Pinho Ribeiro – Torres (1:25.214)
MX2 Júnior
José Brayan Soares – Massaranduba/SC (1:27.413)
MX3
Marcos Campos Cordeiro – Araranguá/SC (1:29.223)
MX4
Leandro Schwindt – Novo Hamburgo (1:36.059)
Intermediária MX1
Luis Henrique Zottis – Passo Fundo (1:32.381)
Intermediária MX2
Andrio Sebben – Farroupilha (1:32.104)
Novatos Importadas
Henrique Nicoletti – Ijuí (1:40.087)
Júnior
Bruno Schmitz – Três Passos (1:34.328)
65cc
Carlos Eduardo Baltazar – Torres (1:44.739)
50cc A (Pista Reduzida)
Gabriel Bilhar – Guaporé (1:19.321)
50cc B (Pista Reduzida)
Santiago Leiria – Frederico Westphalem (1:07.047)
230cc
Leandro Fole – Montauri (1:44.129)

MXF
Maiara Basso – Mato Castelhano

O campeonato Gaúcho de Motocross 2015 tem o patrocínio máster da RINALDI, IMS e apoio da MCR, Racing, Farover, Mormaii Knee Breace, Artemoto, Works Suspensões, Líder MX, Moto Style, CTLS – Centro de Treinamento Leandro Silva, Rádio Cross, MundoCross e Jornal O Podium.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly