Mundial de Motocross 2015 – 5ª etapa – Holanda

Por Mariah Morgado | Fotos por MXGP | 28 de abril de 2015 - 20:00

A quinta etapa do Campeonato Mundial de Motocross 2015, e a primeira corrida do ano na areia, foi tão fantástica e maluca como era esperado. Circuitos de areia sempre sacodem as coisas já que são conhecidas como serem extremamente exigentes física, mental e tecnicamente e no final de semana foram as habilidades de Gautier Paulin e Jeffrey Herlings que sobressaíram dentro do circuito traiçoeiro de Valkenswaard, quando os dois dominaram todas as baterias de suas categorias para conquistarem duas vitórias no overall da MXGP e MX2.

Largada da MXGP

Largada da MXGP

Categoria MXGP

Embora ainda esteja apenas na quinta etapa da temporada, parece que todos estavam esperando eternamente para ver aquela mistura de suavidade, estilo e agressividade que Gautier Paulin mostrou nas últimas etapas de 2014. Finalmente, muitas das apostas que seus fãs leais fizeram a cada final de semana, foram ganhas com o francês da HRC finalmente saindo de sua concha para dominar as duas baterias. Como sempre, o estilo de Paulin foi inspirador enquanto ele parecia flutuar pelo aparente circuito brutal holandês para conquistar seu primeiro grand prix do ano.

Gautier Paulin #21 e Max Nagl #12

Gautier Paulin #21 e Max Nagl #12

Max Nagl faturou a segunda posição no overall, provando ser uma força a ser considerada a conquistar o título após recuperar a liderança do campeonato pela segunda vez este ano. O alemão, que admitiu abertamente que ele não esperava subir no pódio neste final de semana, teve duas performances sólidas e consistentes para conquistar a segunda posição no geral e seu quarto pódio em cinco etapas.

A Bélgica tem o hábito de produzir ótimos e consistentes pilotos. Na temporada passada foi Jeremy Van Horebeek, que infelizmente não pôde correr neste final de semana devido a um pé quebrado, e nesta temporada é Clement Desalle. Mais uma vez, Desalle fez uma corrida inteligente para estourar sua quinta garrafa de espumante. Na coletiva de imprensa, o belga disse “Eu realmente quero vencer novamente, eu quero aquela sensação e é isso que vou tentar fazer.”

Clement Desalle #25

Clement Desalle #25

Evgeny Bobryshev finalmente espantou a nuvem negra de azar que o seguia e conquistou a quarta posição no GP. Foi um final de semana espetacular para o Bobryshev, que já teve uma série de lesões, foi fantástico vê-lo contra-atacando e voltando a ser aquele Bobby conhecido por todos. Não há dúvidas de que o russo está faminto para voltar ao pódio e se as coisas continuarem seguindo nesta direção não deve demorar para que o vejamos abrindo uma garrafa de champagne.

Evgeny Bobryshev #777

Evgeny Bobryshev #777

Conhecido como um forte piloto de areia, não foi surpresa quando Shaun Simpson completou os cinco primeiros colocados em Valkenswaard, Uma dos fatores mais impressionantes em ver o simpático escocês entre os cinco primeiros é o fato de que ele não é um piloto de fábrica. Como um piloto privado, enfrentar as motos de fábrica não é uma tarefa fácil, mas ele conseguiu uma vez quando venceu o GP da Europa como privado em 2013, então é bom ver alguém provar que é possível.

Shaun Simpson #24

Shaun Simpson #24

O final de semana acabou sendo um dos piores que Antonio Cairoli já teve faz um tempo. O atual campeão da categoria entrou na Holanda com apenas um ponto atrás da liderança do campeonato e se nos baseássemos nas estatísticas, com o campeão vencendo os cinco últimos grand prix neste mesmo circuito, era quase certo que o italiano estaria no pódio. Só para mostrar o quão imprevisível o Mundial de MX pode ser, o italiano sofreu uma queda forte na primeira bateria, ele teve sorte em sair ileso, e conseguiu terminar a segunda bateria na sétima posição, ficando fora dos dez primeiros colocados. Ele agora tem uma desvantagem de 30 pontos em relação ao líder do campeonato, Max Nagl, e ocupa a terceira posição no ranking.

Antonio Cairoli #222

Antonio Cairoli #222

O holandês novato na categoria principal, Glenn Coldenhoff também teve uma performance impressionante diante de seus conterrâneos para conquistar a nona posição, seu segundo resultado dentro dos dez primeiros colocados, dentro de casa, seguido por Tommy Searle.

Glenn Coldenhoff #259

Glenn Coldenhoff #259

Overall da MXGP em Valkenswaard

  1. 1. Gautier Paulin
  2. 2. Max Nagl
  3. 3. Clement Desalle
    4. Evgeny Bobryshev
    5. Shaun Simpson
    6. Tyla Rattray
    7. Romain Febvre
    8. Ken De Dycker
    9. Glenn Coldenhoff
    10. Tommy Searle

Classificação do campeonato da MXGP após 5 etapas

  1. 1. Max Nagl – 214 pontos
  2. 2. Clement Desalle – 209
  3. 3. Antonio Cairoli – 184
    4. Gautier Paulin – 178
    5. Romain Febvre – 156
    6. Evgeny Bobryshev – 138
    7. Ryan Villopoto – 124
    8. Shaun Simpson – 98
    9. Todd Waters – 92
    10. Glenn Coldenhoff – 86 pontos

 

Classificação do campeonato de fabricantes na MXGP após 5 etapas

  • 1. Husqvarna – 218 pontos
  • 2. Suzuki – 209
    3. KTM – 201
    4. Honda – 179
    5. Yamaha – 161
    6. Kawasaki – 157
    7. TM – 70 pontos

Pódio MXGP em Valkenswaard

Categoria MX2

Não foi surpresa, mas Jeffrey Herlings continua invencível em Valkenswaard. Embora seja esperado que Herlings vença na areia como ele tem um talento rato que você precisa ver para crer, ele dificultou a própria vida na segunda bateria quando ele fez uma largada ruim e depois caiu enquanto tentava abrir caminho pelo grupo. Quando jovem, ele foi taxado de ‘arrogante’, mas conforme amadurece, ele está provando ser bem humilde admitindo, “Não é tão fácil vencer aqui como vocês. Eu sei que todo mundo espera por isso, mas esses caras também estão rápidos, então eu preciso dar crédito a eles.

Jeffrey Herlings #84

Jeffrey Herlings #84

Enquanto isso, Jordi Tixier está começando a se recuperar do difícil começo da temporada. Subir no pódio pela segunda vez na temporada, na segunda posição, não podia ser melhor para o jovem francês que está tentando recuperar pontos depois de perder o GP da Patagônia.

Jordi Tixier #1

Jordi Tixier #1

Foi o melhor resultado de Aleksandr Tonkov nesta temporada. O russo ficou em terceiro lugar no overall, seu primeiro pódio do ano. Tonkov, que recentemente causou muita propaganda pois ele está usando a nova Husqvarna FC250 2016, está fazendo um ótimo trabalho representando a nova moto com dois holeshots impressionantes, comprovando a velocidade da moto e seu pódio garantiu no geral seu manejo e desempenho.

Aleksandr Tonkov #59

Aleksandr Tonkov #59

Os fãs holandeses foram ótimos com os pilotos da casa e a boa vibe na MX2 foi dobrada com o holandês Brian Bogers, conquistando a quarta posição, duelando com Valentin Guillod que fez seu melhor para garantir a quinta posição.

Brian Bogers #189

Brian Bogers #189

Overall da MX2 em Valkenswaard

  1. 1. Jeffrey Herlings
  2. 2. Jordi Tixier
  3. 3. Aleksandr Tonkov
    4. Brian Bogers
    5. Valentin Guillod
    6. Jeremy Seewer
    7. Dylan Ferrandis
    8. Brent Van doninck
    9. Jens Getteman
    10. Max Anstie

Classificação do campeonato da MX2 após 5 etapas

  1. 1. Jeffrey Herlings – 222 pontos
  2. 2. Dylan Ferrandis – 185
  3. 3. Pauls Jonass – 148
    4. Tim Gajser – 137
    5. Aleksandr Tonkov – 133
    6. Valentin Guillod – 129
    7. Jeremy Seewer – 125
    8. Julien Lieber – 121
    9. Jordi Tixier- 115
    10. Thomas Convington – 102 pontos

Classificação do campeonato de fabricantes na MX2 após 5 etapas

  • 1. KTM – 244 pontos
  • 2. Kawasaki – 207
  • 3. Yamaha –161
  • 4. Honda – 157
  • 5. Husqvarna – 136
  • 6. Suzuki – 125 pontos

 

Pódio MX2 em Valkenswaard

Pódio MX2 em Valkenswaard

Calendário do Mundial de Motocross 2015:

Sexta Etapa – 10 de Maio – Talavera de la Reina / Espanha
Sétima Etapa – 24 de Maio – Matterley Basin / Grã Bretanha
Oitava Etapa – 31 de Maio – Villars sous Ecot / França
Nona Etapa – 14 de Junho – Maggiora / Itália
Décima Etapa – 21 de Junho – Teutschenthal / Alemanha
Décima Primeira Etapa – 05 de Julho – Uddevalla / Suécia
Décima Segunda Etapa – 12 de Julho – Kegums / Letônia
Décima Terceira Etapa – 26 de Julho – Loket / República Tcheca
Décima Quarta Etapa – 02 de Agosto – Lommel / Bélgica
Décima Quinta Etapa – 16 de Agosto – Trindade / Brasil
Décima Sexta Etapa – 30 de Agosto – Assen / Holanda
Décima Sétima Etapa – 13 de Setembro – Leon / México
Décima Oitava Etapa – 20 de Setembro – Glen Helen / Estados Unidos

27 de Setembro – Motocross das Nações – Ernée / França

fonte: MXGP

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly