Jean Ramos comenta vitórias na segunda etapa da Copa Minas Gerais de Morocross 2015

Por Geração Racing | Fotos por Mau Haas | 01 de Maio de 2015 - 10:00
Jean Ramos conquistou sua primeira vitória pela Yamaha Grupo Geração no dia 26 de Abril em Ibirité, Minas Gerais, na segunda etapa da Copa MG de Motocross 2015.
 
O paranaense estreante no time azul em 2015 dominou o evento, que contou com os melhores pilotos do Brasil e serviu de prévia para o Brasileiro de Motocross, que começa dia 17 de maio.  
 
“Final de semana foi bastante produtivo porque usamos a moto de corrida e fizemos os acertos finais na suspensão. A pista estava boa para testar a moto, com partes de chão duro e outras de chão mole”, avalia Jean Ramos. 
 
“(Nesta pista) A largada era fundamental porque era muito difícil ultrapassar depois. Consegui boas largadas, me senti bem fisicamente e acho que estou quase 100% em forma para a estreia do Brasileiro. Além disso, estou me sentindo confortável com a moto, melhor do que na primeira etapa do Arena há algumas semanas”, comenta sobre seu desempenho com a Yamaha YZ 450F.  
Atleta da Yamaha Grupo Geração ganhou as duas principais corridas do fim de semana.

Atleta da Yamaha Grupo Geração ganhou as duas principais corridas do fim de semana.

 
Carlos Campano lamenta quedas e resultados ruins
 
Vencedor da primeira etapa da Copa MGMX 2015, Carlos Campano viveu um fim de semana de maus resultados em Ibirité, na segunda rodada. Quedas e más largadas fizeram o espanhol chegar em sétimo na categoria MX1 e décimo na Superfinal.
 
“Os resultados foram muito ruins, mas me senti rápido e confortável na pista, porém tive um pouco de má sorte. Infelizmente, na MX1 larguei mal, bati no (Rafael) Faria, vinha fazendo uma prova de recuperação e o Faria caiu na minha frente, eu bati na moto dele, caí fora da pista, peguei um bump na roda e perdi muito tempo. Cheguei em sétimo, mas tinha um ritmo bom no fim da bateria”, diz Campano. 
 
“Para a Superfinal, fiquei com uma posição de gate meio ruim, larguei em quarto ou quinto e na primeira volta tentei passar Balbi, tentei em todos os lugares, acabei me tocando com ele e saí da pista. Não cheguei a cair, mas perdi tempo e o Paulo Alberto me passou. Voltei para atacar, e aí o Paulo acabou caindo ao se chocar com Balbi. Tentei passar o Balbi em todos os lugares outra vez, mas ele fechou tudo, e acabei caindo, a moto apagou, perdi muito tempo e cheguei em décimo. Tive muito azar nas corridas, mas ainda estou na briga pelo campeonato e estou empolgado porque me senti bem na moto”, resume o atual campeão brasileiro de motocross.
Carlos Campano

Carlos Campano

Fabio Santos sobre fratura no braço
 
Fabinho “Moranguinho” Santos sofreu uma forte queda na corrida da categoria MX2 da segunda etapa da Copa Minas Gerais de Motocross 2015 e fraturou o braço esquerdo (osso Rádio, perto do pulso).
 
O piloto da Yamaha Grupo Geração foi atendido ainda no local e imobilizado. Os médicos pediram previamente 45 dias de recuperação para que o atleta volte a treinar com sua Yamaha YZ 250F. Assim, pode ficar fora da abertura do Brasileiro de Motocross e da segunda etapa do Arena Cross 2015, marcadas para os dias 17 e 23 de maio, respectivamente.
 
“Infelizmente sofri esta queda e agora devo ficar um bom tempo com a mão imobilizada. Vou a outro médico esta semana para ver se conseguimos acelerar o tratamento. Gostaria de correr a abertura do Brasileiro”, confidencia. 
 
Fabinho é um dos expoentes da nova geração do motocross nacional. Aos 18 anos, foi contratado para brigar pelos títulos da categoria MX2 com as cores do time Yamaha.
Fábio Santos

Fábio Santos

 
Resultados da segunda etapa da Copa Minas
 
 
MX1
1. Jean Ramos / Yamaha Grupo Geração
2. Balbi Junior
3. Jetro Salazar
4. Paulo Alberto
5. Adam Chatfield 
 
Superfinal
1. Jean Ramos / Yamaha Grupo Geração
2. Jetro Salazar
3. Balbi Júnior
4. Hector Assunção
5. Gustavo Pessoa
 
85cc
1. Renan Goto
2. Leonardo Zequinão
3. Renato “Muguinho” Paz / Yamaha Grupo Geração
4. Iuri Beltrão
5. Davi Martins
 
 
Classificação do campeonato após duas etapas
 
MX1
1. Jean Ramos – 41 pontos / Yamaha Grupo Geração
2. Balbi Junior – 40 pontos
3. Carlos Campano – 39 pontos / Yamaha Grupo Geração
4. Adam Chatfield – 38 pontos
5. Marcello “Ratinho” Lima – 27 pontos
 
Superfinal
1. Balbi Junior – 38 pontos
2. Jean Ramos – 36 pontos / Yamaha Grupo Geração
3. Carlos Campano – 36 pontos / Yamaha Grupo Geração
4. Adam Chatfield – 32 pontos
5. Dudu Lima – 28 pontos
 
85cc
1. Renato “Muguinho” Paz – 45 pontos / Yamaha Grupo Geração
2. Renan Goto – 41 pontos
3. Davi Martins – 34 pontos
4. Henrique Lapola – 33 pontos
5. Iuri Naves – 29 pontos

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly