Thales Vilardi e Gustavo Roratto foram os mais rápidos nos cronometrados em Marau

Por André Charão | Foto por André Charão | 09 de maio de 2015 - 23:00

O primeiro dia de competição da etapa de abertura do campeonato Brasileiro de Motocross (50cc, 65cc, MXF e MX4) e quinta etapa do Rinaldi Gaúcho de Motocross foi agitado. Pilotos vindos de várias regiões do país desembarcaram em Marau para participar da etapa.

120_9798171860

Os detaques do evento está o paulista Thales Vilardi, que veio à Marau como preparação para o Brasileiro de Motocross Pró que começa no próximo final de semana, cravou a melhor volta do dia durante a realização do treino cronometrado da categoria MXPró (1:25.128). Gustavo Roratto (Santa Rosa) ficou logo atrás com o segundo melhor tempo (1:24.270), além do excelente tempo marcado pelo gaúcho na MX Pró, Roratto ainda cravou o melhor tempo na MX2 (1:25.412). O presidente da Confederação Brasileira de Motociclismo, Firmo Alves, veio ao Rio Grande do Sul  para acompanhar de perto a abertura do Brasileiro de Motocross.

Além dos treinos cronometrados, o sábado reservou grandes emoções na disputada de cinco categorias, todas elas válidas pelo Rinaldi Gaúcho de Motocross que teve a vitória de Leonardo Tenedini (Porto Alegre) na categoria Novatos Nacional depois de uma excelente recuperação. Leandro Folle (Montauri) venceu a quarta voltou a vencer a categoria 230cc, esta foi a terceira vitória do piloto em quatro etapas disputadas. Sem disputar o campeonato na íntegra nos últimos dois anos, Felipe Mombach (Montenegro) reapareceu no campeonato e venceu a categoria MX2 Jr de ponta a ponta. Rafael Becker teve um sábado excelente, depois de fazer o melhor tempo no cronometrado, venceu a categoria 50cc de ponta a ponta, Gabriel Bilhar ficou com a vitória na 50cc A. Na última categoria do dia Henrique Zottis (Passo Fundo), contando com uma grande torcida, conquistou a vitória na Intermediária MX1 nas últimas voltas.

Confira os melhores tempos dos treinos cronometrados:

Leonardo Tenedini (Porto Alegre) – Intermediária MX1 – (1:32.530)
Leandro Fole (Montauri) – 230cc – (1:34.918)
Mateus Kunz (Machadinho) – MX2 Jr. – (1:28.077)
Stefany Serrão (São Paulo/SP) – MXF – (1:30.367)
Rafael Becker (Itapiranga) – 50cc – (1:53.519)
Milton Becker (Joinvile/SC) – MX4 – (1:28.447)
Leonardo Dambrós (Gentil) – Intermediária MX2 – (1:26..367)
Cristiano Rasia (Três de Maio) – Intermediária MX2 – (1:27.144)
Carlos Eduardo Baltazar (Torres) – 65cc – (1:38.914)
Gustavo Roratto (Santa Rosa) – MX2 – (1:25.412)
Marcos Cordeiro (Araranguá/SC) – MX3 – (1:27.267)
Felipe Migliorini (Marau) – Júnior – (1:31.359)
Thales Vilardi (São Paulo/SP) – MX Pró – (1:25.128)

Confira abaixo os cinco primeiros colocados das provas de sábado:

Novatos Importadas
1º – Felipe Tenedini (Porto Alegre)
2º – Henrique Nicoletti (Ijuí)
3º – Marcos Marca (Fagundes Varela)
4º – José Luis Benetti (Sananduva)
5º – Anderson Magni (Ibirubá)

230cc
1º – Leandro Folle (Montauri)
2º – Danny de Oliveira (Panambi)
3º – Matheus de Souza (Santo Amaro da Imperatriz/SC)
4º – Rodrigo Mallmann (S. Sebastião do Caí)
5º – Eduardo Chuaste Júnior (Santa Maria)

MX2 Jr.
1º – José Felipe Mombach (Montenegro)
2º – Mateus Kunz (Machadinho)
3º – Felipe Migliorini (Marau)
4º – Eduardo Martelo (Marau)
5º – Bruno Schmitz (Três Passos)

50cc A
1º – Gabriel Bilhar (Guaporé)
2º – Guilherme Moaris (Marau)
3º – Eduardo de Araújo (Sãp Paulo/SP)
4º – Gustavo Nogueira (Parobé)
5º – Matheus Kappel (Marau)

50cc B
1º – Rafael Becker (Itapiranga/SC)
2º – Santiago Leiria (Frederico Westphalem)
3º – Garmichel Giehl (Dois Irmãos)
4º – Raul Miranda (Imbituba/SC)
5º – Gustavo Hatleben (M. Candido Rondon/PR)

Intermediária MX1
1º – Luis Henrique Zottis (Passo Fundo)
2º – Cristiano Rasia (Três de Maio)
3º – Leonardo Limberger (Sta. Cruz do Sul)
4º – Nicolas de Oliveira (Portão)
5º – Maurício Maritan (Passo Fundo)

Neste domingo a programação começa à partir das 08:35hs com a realização do warm up. após a realização das categorias válidas pelo Rinaldi Gaúcho de Motocross e Brasileiro de Motocross.

O campeonato Gaúcho de Motocross 2015 tem o patrocínio máster da RINALDI, IMS e apoio da MCR, Racing, Farover, Mormaii Knee Breace, Artemoto, Works Suspensões, Líder MX, M3 Parts,  Moto Style, CTLS – Centro de Treinamento Leandro Silva, Rádio Cross, MundoCross e Jornal O Podium.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly