Abertura da Copa Swian Zanoni de Motocross foi um sucesso e prometeu futuro para campeonato

Por Mariah Morgado | Fotos por Didi Lamacross | 19 de maio de 2015 - 12:55

No final de semana dos dias 09 e 10 de Maio, foi dada a largada da Copa Swian Zanoni de Motocross na cidade de Divino, localizada na Zona da Mata Mineira e cidade onde nasceu Swian Zanoni.

Gates lotados marcaram a 1a etapa da Copa Swian Zanoni de Motocross.

Gates lotados marcaram a 1a etapa da Copa Swian Zanoni de Motocross.

A pista de Divino passou por uma reforma para receber o evento.

A pista de Divino passou por uma reforma para receber o evento.

A Copa é uma homenagem ao saudoso ídolo do esporte, considerado o melhor de todos os tempos do Motocross brasileiro, e contou com a participação de pilotos de diversos estados e um enorme público que lotou as arquibancadas naturais que davam visão a bela pista. Também contou com uma área de exposição com motos usadas por Swian e uma surpresa, um Stock Car que ele recebeu quando foi campeão brasileiro.

Stand de exposição apresentou motos, um stock car, banners do eterno campeão.

Stand de exposição apresentou motos, um stock car, banners do eterno campeão.

Antes de começar as corridas oficiais, os organizadores fizeram uma emocionante cerimônia de abertura em homenagem a Swian, com uma oração feita por Jarbas Sulera, locutor da copa, e com uma volta de apresentação dos amigos pela pista com bandeiras representando todas as principais conquistas de Swian Zanoni. A emoção foi ainda maior com a presença do pai do Swian, Pedro Gomes, que ajudou na construção da pista para receber a etapa de abertura da copa.

Cerimônia oficial de abertura da Copa, momento de emoção que levou os presentes às lágrimas.

Cerimônia oficial de abertura da Copa, momento de emoção que levou os presentes às lágrimas.

O pai de Swian (à esquerda) compareceu ao evento e entregou troféus aos vencedores da etapa.

O pai de Swian (à esquerda) compareceu ao evento e entregou os troféus aos vencedores da etapa. Na foto, ele entrega o troféu da MX3 para o friburguense, Oziel Pai #946.

foto329505

A bandeira do estado de Minas Gerais representava a naturalidade mineira do piloto e seus campeonatos mineiros.

foto329503

Com um banner nas costas e uma moto com o numeral #7, um amigos representou quando Swian Zanoni foi campeão do Arenacross e Brasileiro em 2010.

foto329504

A bandeira municipal de Divino, cidade natal de Swian, e o numeral #112 que foi um dos que ele usou em sua carreira.

foto329501

A bandeira do Brasil, simbolizando Campeão Brasileiro e ídolo nacional.

O evento, que teve cobertura televisiva da filial da Rede Globo mineira e mais canais de emissoras locais e cobertura fotográfica do Lamacross e Silvim Damasceno, foi um sucesso  e todos que compareceram na pista de Divino não pouparam elogios aos organizadores e aos pilotos. Todos já esperam ansiosos para a segunda etapa da Copa que ainda terá a data definida.

Os troféus da Copa foram confeccionados com um design especial para a homenagear Swian Zanoni.

Os troféus da Copa foram confeccionados com um design especial para a homenagear Swian Zanoni.

O público compareceu em peso na corrida, pessoas de diversos estados visitam Divino no final de semana.

O público compareceu em peso na corrida, pessoas de diversos estados visitam Divino no final de semana.

Vejam os resultados da 1ª etapa da Copa Swian Zanoni de Motocross:

65cc

1- Bruno Martins

2- Felipe Vieira

3- Guigui

4- Tatá

5- Enzo

foto330224

A categoria 65cc teve uma representante feminina.

85cc / 150cc 

1- Davi Martins

2- Tiago Faintanin

3- Mateus Zanoni

4- Mateus Souza

5- Johnatan Galo

Davi Martins #34 venceu a 85/150cc e se empolgou com a bandeira quadriculada, zerando a mesa de chegada em comemoração.

Davi Martins #34 venceu a 85/150cc e se empolgou com a bandeira quadriculada, zerando a mesa de chegada em comemoração.

Intermediária A

1- José Dutra

2- Reginaldo Júnior

3- Marcelo Pereira

4- Augusto Henrique

5- Rodrigo Júnior

Marcelo Pereira #112 e Reginaldo Júnior #416 em disputa apertada na Intermediária A.

Marcelo Pereira #112 e Reginaldo Júnior #416 em disputa apertada na Intermediária A.

Nacional

1- Maicon Rosa

2- Marcelo Pereira

3- Gabriel Vieira

4- Eduardo Vieira

5- Maurício Rocha

Maicon Rosa #411 e Marcelo Pereira #21 comemoram na chegada da Nacional A.

Maicon Rosa #411 e Marcelo Pereira #21 comemoram na chegada da Nacional A.

MX3

1- Saulo Soares

2- Anderson Rosa

3- Rodrigão Motocross

4- Paulinho

5- Oziel Pai

Os veteranos da MX3 lotaram o gate e deram um show para o público presente.

Os veteranos da MX3 lotaram o gate e deram um show para o público presente.

MX2

1- Vinícius de Abreu

2- Patrick Capila

3- Oziel Júnior

4- Mateus Boechat

5- Maurício Rocha

Vinícius de Abreu #143 dominou a MX2 e venceu de ponta a ponta

Vinícius de Abreu #143 dominou a MX2 e venceu de ponta a ponta

MX1

1- Reginaldo Júnior

2- Tiago Brinati

3- Vinícius de Abreu

4- José Dutra

5- Oziel Júnior

Largada da MX1, a categoria mais esperada do dia.

Largada da MX1, a categoria mais esperada do dia.

O Mundocross gostaria de agradecer ao Lamacross pelo excelente trabalho que realiza nas corridas e pelas fotos do evento.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly