A coroa é portuguesa no Arena Cross em Ilha Comprida, São Paulo

Por Assessoria Arenacross | Fotos por Lucas William/Vipcomm e Mau Haas/BRMX | 21 de junho de 2015 - 10:00

A terceira etapa da temporada 2015 do Arena Cross teve neste sábado, dia 20, corridas e disputas emocionantes que agitaram as arquibancadas lotadas em Ilha Comprida. Com a chuva que castigou o Vale do Ribeira nos últimos dias, várias equipes da Romagnolli Promoções e Eventos e Prefeitura Municipal trabalharam intensamente contra o relógio para deixar a pista pronta.

honda15ax211_wl_20062015001

Paulo Alberto – Foto: Lucas William

Logo após a cerimônia de abertura, o Prefeito de Ilha Comprida comemorou o fato da cidade sediar a terceira etapa da temporada 2015. Ele citou a exposição da cidade com esse evento.

– A prova movimenta milhares de pessoas, muita gente vem para cá conhecer a cidade. É uma exposição gigantesca com as transmissões que vão para todo o brasil e o mundo. É uma oportunidade única para nossa comunidade – Disse o prefeito.

Já Carlinhos Romagnolli, presidente da Romagnolli Promoções e Eventos, ressaltou a coragem do município em sediar a prova. Ele aproveitou para citar a parceria da prefeitura nos últimos dias com as fortes chuvas que atingiram a região.

– Quando precisamos da prefeitura, ela esteve aqui nos ajudando após as chuvas nos últimos dias. Não mediram esforços, é assim que reconhecemos os parceiros. Há que se ter coragem de sediar uma prova fora da temporada turística, oferecendo um grande evento para os cidadãos. Ilha Comprida está de parabéns – Expôs Carlinhos.

Brasil x Portugal no duelo Arena 1×1

Novidade no Arena Cross 2015, reúne os dois primeiros colocados no classificatório da MX Pró em um duelo de duas voltas. Jean Ramos, que foi o segundo colocado, e o português Paulo Alberto, dono do melhor tempo em Ilha Comprida, protagonizaram um pega sensacional para os fãs presentes.
Melhor para o luso da Honda Móbil, que venceu a disputa e faturou um ponto extra no campeonato. A prova serviu como revanche para Paulo Alberto, pois o português perdeu o mesmo duelo para Jean Ramos na etapa anterior em Jundiaí.

Jean Ramos - Foto: Mau Haas

Jean Ramos – Foto: Mau Haas

50cc
Na categoria 50cc a vitória foi de Rafael Becker. O pequeno catarinense venceu a disputa contra Vitor Borba na terceira posição e Gustavo Rodrigues em segundo.
Faltando poucos metros Becker caiu, levando os familiares ao desespero, e colocando a vitória em risco. Mas com ajuda dos fiscais de pista, conseguiu completar a prova primeiro.
– Fiquei preso na canaleta no finalzinho. Achei que não ia conseguir sair, mas ainda bem que minha diferença era grande – Disse o baixinho após a vitória.

Classificação da prova

1º Rafael Becker #7
2º Gustavo Rodrigues # 55
3º Vitor Borba #28
4º Raul Miranda #205
5º Garmichel Rodrigues #4

65cc
Na 65cc a vitória foi mineira mais uma vez. Carlos Eduardo Pereira, o Dadal, não deu chances aos seus concorrentes e foi soberano durante toda a prova, conquistando também o holeshot. Em segundo ficou Marcello Leodorico, e completou o pódio na terceira posição Carlos Eduardo Baltazar.

Classificação da prova
1º Carlos Eduardo Pereira #77
2º Marcello Leodorico – #44
3º Carlos Eduardo Baltazar – #14
4º Gabriel Andrigo – #10
5º Bernando Zappelini – #805

Júnior
Renato Paz, o Muguinho, venceu a tensa prova na Júnior. O piloto de Bragança Paulista não tomou conhecimento dos adversários e subiu ao lugar mais alto do pódio em Ilha Comprida.
A segunda posição foi de Leonardo Nunes, que também fez o holeshot da prova. Completou o pódio em terceiro o piloto Thiago Brenner, repetindo o resultado da etapa anterior em Jundiaí.

Classificação da prova

1º Renato Paz #101
2º Leonardo Nunes #989
3º Thiago Brenner 24#
4º Leonardo Cassaroti 25#
5º Renan Goto Japinha 55#

muguinho_mauhaas-1

Pódio Junior em Ilha Comprida – Foto: Mau Haas

honda15ax30_wl_20062015015

Hector Assunção – Foto: Lucas William

MX2 

Na categoria MX2 vitória inesperada de Hector Assunção, que já tinha feito o melhor tempo na classificação. Enzo Lopes, que conseguiu o holeshot, liderou por quase toda a corrida, quando se envolveu em um acidente, adiando desta forma sua primeira vitória na temporada.
Assim, Héctor conseguiu mais um triunfo para a Honda Mobil. Ele comemorou bastante o lugar mais alto no pódio em Ilha Comprida.
– Não tive uma boa largada, mas fiz uma prova de recuperação. Ainda bem que o Enzo caiu e sai com essa vitória – Comemorou o garoto de Jandira, interior de São Paulo.

Classificação da prova

1º #30 Hector Assunção
2º #97 Pepe Bueno
3º #2 Eduardo Lima
4º #282 João Pedro Ribeiro
5º #16 Enzo Lopes

MX2 em Ilha Comprida

Pódio MX2 em Ilha Comprida – Foto: Lucas William

MXPRÓ – 1ª bateria
Sem novidades na primeira prova da noite da categoria PRÓ. Vitória do português Paulo Alberto, incluindo o holeshot, com o brasileiro Jean Ramos em segundo. Essa tinha sido a sequência nas baterias da etapa anterior em Jundiaí, essa também foi a ordem no duelo Arena 1×1 em Ilha Comprida.
O ritmo do piloto luso da Honda Mobil foi forte, e ele chegava nesse momento a incrível marca de cinco vitórias em cinco baterias na temporada 2015. Pela terceira posição um duelo europeu. O espanhol Carlos Campano da Yamaha Geração superou nas últimas voltas o britânico Adam Chatfield, piloto da Honda IMS.

Largada Pró - Foto: Lucas William

Largada Pró – Foto: Lucas William

Classificação da 1ª bateria na PRÓ
1º #211 Paulo Alberto
2º #10 Jean Ramos
3º #1 Carlos Campano
4º #407 Adam Chatfield
5º #21 Welligton Garcia

MXPRÓ – 2ª bateria
Uma grata surpresa, assim pode ser definida a primeira vitória do equatoriano Jetro Salazar. Após uma corrida muito acidentada, ele soube controlar as dificuldades da pista, e cruzou em primeiro lugar. O espanhol Carlos Campano, que liderou boa parte da prova, fez o holeshot.
A segunda posição da bateria foi novamente de Jean Ramos, que no início ficou preso com Paulo Alberto em uma canaleta. O português ainda completou na terceira posição.

Jetro Salazar - Foto: Lucas William

Jetro Salazar – Foto: Lucas William

Classificação 2ª bateria da PRÓ
1º #920 Jetro Salazar
2º #10 Jean Ramos
3º #211 Paulo Alberto
4º #21 Wellington Garcia
5º #407 Adam Chatfield

Pódio da Pró em Ilha Comprida - Foto: William Lucas

Pódio da Pró em Ilha Comprida – Foto: Lucas William

Classificação geral da PRÓ em Ilha Comprida
Mesmo quebrando a incrível sequência de vitórias, o português Paulo Alberto foi o campeão da terceira etapa do Arena Cross 2015. Completaram o pódio em Ilha Comprida o brasileiro Jean Ramos e o equatoriano Jetro Salazar.

Confira o que disse cada um dos pilotos que subiram ao pódio

Paulo Alberto –
‘’Tive vários toques na segunda bateria, não pude lutar pela vitória. Saiu feliz pelo título da prova, mas ciente que tenho que manter o trabalho na próxima etapa’’.

Jean Ramos –
‘’O Paulo está fugindo na classificação, colocando a mão na taça. Tenho que estar atento aos erros dele e aproveitar as chances para lutar pelo título ainda’’.

Jetro Salazar –
‘’Estou muito feliz com minha primeira vitória (na segunda bateria) e com esse pódio. Gostaria de oferecer esse resultado ao meu pai (Jorge) que acompanha sempre meu trabalho. Não fiz uma boa primeira bateria, o que me impediu de sair daqui com a taça’’.

Classificação do campeonato após três etapas

MX PRÓ
1º – 211 Paulo Alberto – 117 pontos
2º -10 Jean Ramos – 97 pontos
3º – 1 Carlos Campano – 83 pontos
4º -407 Adam Chatfield – 82 pontos
5º 21 Welligton Garcia – 68 pontos

MX2
1º -2 Eduardo Lima – 48 pontos
2º -282 João Pedro Ribeiro – 46 pontos
3º -30 Héctor Assunção – 40 -pontos
4º- 97 Pepe Bueno – 36 pontos
5º – 16 Enzo Lopes – 36 pontos

Júnior
1º – 101 Renato Paz- 57 pontos
2º -25 Leonardo Cassaroti – 50 pontos
3º -24 Thiago Brenner – 40 pontos
4º -55 Renan Goto – 37 pontos
5º -34 Davi Rodrigues – 25 pontos

65CC
1º 77 Carlos Eduardo de Souza Barros – 57 pontos
2º 44 Marcello Leodorico Fernandes silva – 47 pontos
3º 14 Carlos Eduardo Baltazar – 45 pontos
4º 805 Leonardo Zeppelini – 30 pontos
5º 38 Rodolfo Bicalho – 30 pontos

50CC
1º 7 Rafael Becker – 57 pontos
2º 205 Raul Miranda – 44 pontos
3º 55 Gustavo Rodrigues – 43 pontos
4º 4 Garmichel Rodrigues – 41 pontos
5º 28 Vitor Hugo Borba- 33 pontos

Classificação completa em www.arenacross.com.br

A Próxima prova da temporada 2015 do Arena Cross será no dia 29 de agosto em Campinas -SP.

O evento:
O Arena Cross é o maior campeonato do motociclismo nacional de sua modalidade. Em seus 17 anos, ficou conhecido pela enorme estrutura que pode recebe cerca de 7 mil pessoas por etapa, com destaques para cenografia e acabamentos que fazem a diferença. Soma-se a tudo isso o fato de ter grandes disputas nas pistas de até 450m, onde são disputadas as provas.
O evento conta com transmissão para as emissoras de canal por assinatura Sportv, Band Internacional e Band Sports. Na internet o aficionado pelo Arena Cross pode acompanhar pela BRMTV (www.brmtv.com.br), disponível para computadores, tablets e smartphones.

Redes Sociais:
Siga o Arena Cross nas redes sociais e fique atualizado com notícias, fotos e vídeos das provas, além de bastidores do evento.
Facebook: Arena Cross Brasil
Instagram: @arenacrossbr

App: Arena Cross
Baixe o aplicativo do Arena Cross no seu smartphone ou tablet e tenha o mundo do maior campeonato do motociclismo nacional em suas mãos.
Disponível para Apple Store e Google Play.

Arena Cross 2015
Realização: Romagnolli Promoções e Eventos
Patrocínio: Top Energy Drink e Honda
Co-Patrocínio: Pirelli, Yamaha, Rinaldi, RedNose e Fox Racing.
Apoio: Prefeitura Municipal de Ilha Comprida, Revista Moto, Revista Dirt, Locaweb e Ticket3.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly