Categoria feminina incentiva mulheres no Brasileiro de Enduro FIM

Por Comunicação Ativa | Foto por Motofield/ divulgação | 01 de julho de 2015 - 14:06

As 5ª e 6ª etapas do Campeonato Brasileiro de Enduro Fim, realizadas no último fim de semana, em Aracruz (ES), contou com as disputas da categoria Feminina. O Campeonato para a classe acontece em três provas.

A abertura foi no Dia Internacional da Mulher, dia 08 de março, em Itupeva (SP), a segunda etapa em Aracruz (ES) e a final será em Mogi das Cruzes (SP) nos dias 26 e 27 de setembro. Esse é o primeiro ano que o Brasileiro de Enduro Fim conta com uma categoria exclusiva para as mulheres.

“Criamos a categoria para incentivar as meninas. Tem muitas mulheres que gostam de andar e com essa novidade esperamos que elas participem do Campeonato. A ideia é fomentar cada vez mais esporte e em 2016 ter um número ainda maior de participantes na classe feminina”, ressalta o diretor de Enduro Fim da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo), Maurício Brandão.

Janaina Souza lidera a categoria com duas vitórias, seguida por Tainá Aguiar, que ficou com a segunda colocação nas duas primeiras provas da classe feminina. “Mais uma grande etapa do Brasileiro de Enduro FIM, realizada na cidade de Aracruz/ES. A organização não mediu esforços para garantir o sucesso do evento e pensou em todos os detalhes, sem dúvida a estrutura ficou de alto nível. A forte chuva durante a semana, fez com que o Enduro Teste fosse cancelado para a categoria feminina e regional, diminuindo assim o percurso para apenas três Cross Test, de nível bem misto, com diversos tipos de terrenos e obstáculos, pois havia desde single track de mata fechada,  troncos, pedras e incluindo  até uma passagem por trechos de motocross, mantendo assim a prova com um nível bem técnico. Me senti a vontade nas especiais e com isso imprimi um ritmo forte desde o início, melhorando assim o tempo a cada volta e garantindo um ótimo resultado ao final do dia, levando a vitória na categoria feminina e garantindo a liderança do campeonato”, conta Janaina Souza.

Jana e Tainá

“A etapa de Aracruz, me surpreendeu de diferentes formas, e todas elas positivas. A estrutura que a cidade, juntamente com a organização, nos ofereceu foi sensacional. O povo que compareceu em peso nas especiais para nos prestigiar, sem contar a beleza natural de Aracruz. Com relação à prova, haviam três cross testes com características distintas e todas elas muito rápidas e técnicas. Isso tornou a prova extremamente divertida”, declara Tainá Aguiar.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly