Antonio Cairoli fora do Mundial de Motocross

Por Mariah Morgado | Foto por MXGP | 22 de julho de 2015 - 17:38

O Departamento de Esportes da KTM anunciou hoje que Antonio Cairoli vai tirar uma folga das pistas para permitir que sua recente lesão cicatrize completamente.

O italiano sofreu uma fratura abaixo do cotovelo esquerdo enquanto disputava o GP de Maggiora no final de semana do dia 14 de Junho. Embora o octacampeão mundial tenha competido nos três GPs seguintes, foi tudo sob dor considerável e só foi possível por causa da vontade incrível de TC222 para competir e vencer.

Depois da consulta mais recente com o especialista belga, Dr. Claes, e após discussões subsequentes com sua equipe e o diretor esportivo da KTM, Pit Beirer, Cairoli chegou a difícil decisão de tirar uma folga das competições para permitir que a fratura consolide apropriadamente. A decisão foi tomada devido a exames médicos que reveleram que a permanência do piloto na competição não estava permitindo que a fratura consolide de forma correta e que o processo de calcificação natural está sendo retardado. A decisão de TC222 não foi fácil de ser tomada devido ao fato dele atualmente ocupar a segunda posição na disputa pelo título da temporada.

Claudio de Carli, gerente da equipe dos pilotos da categoria MXGP da Red Bull KTM Factory Racing confirmou que Cairoli continuará a ter avaliações médicas a cada 15 dias e uma decisão sobre quando ele irá retornar as corridas será tomada de acordo com seu processo de reabilitação.

“Antonio tem uma determinação e coragem impressionantes e ele sempre quer correr. Mas algumas situações podem ter um impacto negativo sobre seu futuro. Para mim a saúde e bem estar do piloto é a coisa mais importante e isso está inteiramente dentro da política da KTM. Apesar da lesão, Tony estava se esforçando para manter suas chances ao título acesas, mas seu checkup médico mostrou uma piora da situação clínica que não pode ser ignorada. Ele também pode precisar de uma pequena cirurgia no cotovelo, se não tiver resposta suficiente em tirar uma folga das corridas. Atualmente não é possível estimar quando Tony vai voltar para a pista, mas eu acho que posso dizer que ele não poderá correr nos dois próximos GPs.”  Disse Claudio de Carli.

“Não tem sido nada divertido correr com uma lesão e não conseguir brigar por uma vitória, embora eu tenha tentado o meu melhor. Eu sinto muito que precise parar, mas infelizmente lesões fazem parte de nosso esporte e isso é algo que não podemos fazer nada. Eu farei tudo que posso para me recuperar o mais rápido possível e para voltar para a moto e para as pistas de corrida.” Antonio Cairoli confirmou.  

Cairoli tira essa folga em total apoio de Pit Beirer: “O que todos nós achávamos que seria a temporada mais emocionante do Motocross de todos os tempos acabou em um desastre para algumas equipes e muita decepção para os fãs do esporte. Para nós é muito triste ver e saber que Tony passou por dores terríveis desde Maggiora e ainda não pode ganhar nada do esforço impressionante que ele fez para acelerar o processo de cura. Tony venceu cinco títulos mundiais da MX1/MXGP nas cinco últimas temporadas com a gente, então nós estamos muito orgulhosos e felizes que até agora nós pudemos desfrutar de cinco temporadas perfeitas juntos. Nós agora enfrentamos um momento difícil, que na verdade vai apenas nos aproximar ainda mais. A saúde sempre vem em primeiro lugar e nós apoiamos Tony completamente em sua decisão. Ele precisa se recuperar completamente e nós queremos vê-lo de volta a moto com um grande sorriso em seu rosto. Ainda existem muitos pilotos em casa lesionados e nós desejamos a todos eles uma recuperação rápida e um rápido retorno para o paddock do GP.”

Cairoli_MXGP_12_LV_2015

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly