AMA Motocross 2015 – 9ª etapa – Washougal

Por Mariah Morgado | Fotos por GuyB | 26 de julho de 2015 - 20:00

Washougal marcou o início da reta final do AMA Motocross 2015. Agora restam três etapas e enquanto Ryan Dungey avança na liderança com mais uma vitória no overall, Justin Barcia e Ken Roczen se encontram empatados com 331 pontos na categoria 450MX. Embora Cooper Webb não esteja entre os três pilotos na disputa pelo título da 250MX, ele saiu de Washougal com um merecido primeiro lugar. Enquanto isso, o líder do campeonato, Jeremy Martin, ficou com a quinta posição da etapa, e Marvin Musquin ficou com a segunda posição, agora apenas quatro pontos separam os dois, deixando a disputa pelo título para as próximas etapas e ainda mais acirrada.

s1200_072615washougalrace013

Moto 1 da categoria 450MX

Não é mais surpresa ver Justin Barcia fazendo o holeshot das baterias da categoria principal. Mais uma vez, Bambam avançou na frente seguido de perto por Phil Nicoletti até que abriu uma boa vantagem e em poucas voltas já estava com mais de 15 segundos na frente de Christophe Pourcel e Ryan Dungey, que passaram boa parte da bateria brigando pela segunda posição. Chegou um momento em que Dungey conseguiu fazer a ultrapassagem, mas já era tarde para brigar pela vitória. Somente um erro de Barcia para deixa-lo se aproximar. Foi uma corrida divertida para Barcia que mostrava sua diversão mandando algumas manobras nos saltos como whips com apenas uma perna.

Justin Barcia

Justin Barcia

Enquanto isso, os outros pilotos estavam bem espalhados pela pista e não tinha disputas emocionantes. Ken Roczen teve uma largada ruim e teve que fazer uma corrida de recuperação para terminar em sétimo depois de Jason Anderson esbarrar nele quase no final da corrida.

Chegou a ter um momento assustador na bateria quando levantaram a bandeira vermelha e a Honda #41 de Trey Canard foi vista no chão na base do Horsepower Hill, mas ele estava bem e voltou para a corrida.

Resultados da Moto 1 da 450MX em Washougal

1- Justin Barcia

2- Ryan Dungey

3- Christophe Pourcel

4- Phil Nicoletti

5- Blake Baggett

6- Jason Anderson

7- Ken Roczen

8- Trey Canard

9- Fredrik Noren

10- Vince Friese

Moto 2 da categoria 450MX

Mais um holeshot para Bambam, mas dessa vez ele tinha Dungey e Roczen em seu encalço e assim a enorme batalha épica pela liderança se iniciava entre os três primeiros colocados na classificação do campeonato. E por um bom tempo parecia que algo grande ia acontecer, mas não. O alemão começou a perder o ritmo de Barcia e Dungey e depois Barcia abriu uma certa distância de Dungey. Quando parecia que Bambam venceria mais uma, ele errou e foi o suficiente para Dungey assumir a liderança. Barcia chegou a engajá-lo novamente e bem rápido até que quase caiu novamente em uma curva. Washougal é uma pista em que Dungey é considerado um especialista, seu pior resultado na pista foi um terceiro lugar na temporada 2007.

Ryan Dungey

Ryan Dungey

Resultados da Moto 2 da 450MX em Washougal

1- Ryan Dungey

2- Justin Barcia

3- Ken Roczen

4- Weston Peick

5- Christophe Pourcel

6- Phil Nicoletti

7- Fredrik Noren

8- Josh Grant

9- Trey Canard

10- Vince Friese

Resultados do Overall da 450MX em Washougal

1- Ryan Dungey

2- Justin Barcia

3- Christophe Pourcel

4- Ken Roczen

5- Phil Nicoletti

6- Weston Peick

7- Fredrik Noren

8- Trey Canard

9- Blake Baggett

10- Josh Grant

Classificação da 450MX do AMA Motocross 2015 após 9 etapas

1- Ryan Dungey – 400 pontos

2- Justin Barcia – 331

3- Ken Roczen – 331

4- Blake Baggett – 275

5- Christophe Pourcel – 247

6- Jason Anderson – 242

7- Broc Tickle – 226

8- Phil Nicoletti – 209

9- Weston Peick – 198

10- Fredrik Noren – 187 pontos

Pódio das 450MX em Washougal

Pódio das 450MX em Washougal

Moto 1 da categoria 250MX

A chuva começou a aparecer pouco antes do começo da primeira bateria das 250MX e durou até quase metade da corrida, deixando os pilotos cobertos de lama e tirando os óculos ainda no começo. A lama era tanta que em menos de uma volta, era quase impossível de enxergar os plates dianteiros e laterais das motos. Porém, essas condições não se aplicaram a Christian Craig. Craig assumiu a liderança logo no começo e se distanciou. Chegou um momento que ele tinha quase 10 segundos de vantagem sobre todos os outros, mas um pequeno erro e um escorrego deixou a liderança para Cooper Webb. Marvin Musquin estava na segunda posição e ele e o francês travaram um duelo feroz que viu os dois saindo da pista várias vezes e vários encontros com retardatários. O duelo durou boa parte da corrida, mas na última volta a moto de Webb começou a soltar muita fumaça e ele receou em tentar recuperar a liderança. A moto aguentou e ele terminou apenas a dois segundos atrás de Musquin.

Christian Craig

Christian Craig

Atrás da briga pela lvitória, Arnaud Tonus finalmente conseguiu mostrar do que é capaz e conquistou a terceira posição em sua estreia no AMA Motocross, enquanto Christian Craig ficou com a quarta posição apesar de ter caído novamente, seguido de Aaron Plessinger.

O líder do campeonato, Jeremy Martin, não teve uma boa largada e terminou em nono colocado.

Resultados da Moto 1 da 250MX em Washougal

1- Marvin Musquin

2- Cooper Webb

3- Arnaud Tonus

4- Christian Craig

5- Aaron Plessinger

6- Jessy Nelson

7- Zach Osborne

8- Mitchell Oldenburg

9- Jeremy Martin

10- RJ Hampshire

Moto 2 da categoria 250MX

A chuva deu uma trégua e as condições da pista melhoraram um pouco para a segunda bateria. O gate caiu e Jeremy Martin avançou na frente, seguido por Musquin e Webb que não perdeu tempo para ultrapassar o francês e mais tarde o líder do campeonato. Martin perdeu um pouco de tempo, mas na metade da corrida, ele estava próximo novamente de Webb e começou a pressioná-lo. Martin conseguiu passa-lo por fora quando Webb o bloqueou por dentro e assumiu a liderança, abrindo uma vantagem até que duas voltas depois, ele errou deixando Webb e Musquin passarem e dando a vitória do overall e da bateria para Webb. Martin que chegou a Washougal com uma vantagem de 19 pontos, ficou com o quinto lugar no geral e agora tem apenas quatro pontos de vantagem sobre Musquin.

Cooper Webb e Jeremy Martin

Cooper Webb e Jeremy Martin

Mais atrás, Arnaud Tonus fazia mais uma boa corrida, na sexta posição, mas algo aconteceu e ele acabou em 12º. O novato do ano, Aaron Plessinger, teve mais uma performance ótima e suas quinta e quarta posições, lhe renderam a terceira posição no geral, seu primeiro pódio da carreira profissional. Alex Martin passou a maior parte da corrida em sexto, mas Shane McElrath o ultrapassou no final. Alex Martin é um lutador e fez uma boa recuperação, terminando em sétimo depois de terminar a primeira bateria em 15º.

Resultados da Moto 2 da 250MX em Washougal

1- Cooper Webb

2- Marvin Musquin

3- Jeremy Martin

4- Aaron Plessinger

5- Christian Craig

6- Shane McElrath

7- Alex Martin

8- Jessy Nelson

9- Mitchell Oldenburg

10- Matt Bisceglia

Resultados da Overall da 250MX em Washougal

1- Cooper Webb

2- Marvin Musquin

3- Aaron Plessinger

4- Christian Craig

5- Jeremy Martin

6- Jessy Nelson

7- Shane McElrath

8- Mitchell Oldenburg

9- Zach Osborne

10- Arnaud Tonus

Classificação da 250MX do AMA Motocross 2015 após 9 etapas

1- Jeremy Martin – 375 pontos

2- Marvin Musquin – 371

3- Zach Osborne – 259

4- Joey Savatgy – 240

5- Alex Martin – 233

6- Jessy Nelson – 233

7- Aaron Plessinger – 203

8- Shane McElrath – 181

9- Adam Cianciarulo – 178

10- Cooper Webb – 174

Pódio das 250MX em Washougal

Pódio das 250MX em Washougal

Calendário do AMA Motocross 2015

08 de Agosto de 2015 – 10a etapa – Unadilla –  New Berlin, Nova Iorque

15 de Agosto de 2015 – 11a etapa – Utah – Tooele, Utah

22 de Agosto de 2015 – 12a etapa –  Indiana – Crawfordsville, Indiana

 

 

 

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly