Sperancini e Roldan são campeões dos UTVs no Rally do Sertões 2015

Por Mundo Press | Fotos por IC Fotos/Mundo Press | 09 de agosto de 2015 - 8:00

O piloto mineiro Bruno Sperancini e o navegador paulista Lourival Roldan são os grandes campeões dos UTVs na 23ª edição do Rally dos Sertões. O título a bordo do Can-Am Maverick Xds foi confirmado neste sábado em Foz do Iguaçu (PR), após sete dias de disputas e mais de 2.875 quilômetros de percurso – sendo cerca de 1.508 de trechos cronometrados. Este é o terceiro ano consecutivo que a família Can-Am Maverick comemora vitória e maior resistência entre os UTVs do mais importante rali do país.

x210_dia7_sertoes2015_icfotos_sperancini

Bruno Sperancini e Lourival Roldan comemoram título do Rally dos Sertões 2015 a bordo do Can-Am Maverick Xds

Campeões de 2014, os maranhenses Vinícius Mota e Rafael Schimuk confirmaram a taça da classe Turbo com o Can-Am Maverick Xds Turbo. No Top 10 do ranking geral dos UTVs, as máquinas off-road da fábrica canadense ocuparam seis posições, com destaque ainda para os vice-campeões Gabriel Varela e Gabriel Morales, de São Paulo, a bordo do Can-Am Maverick Xds.

Navegador Lourival Roldan (à esquerda) e piloto Bruno Sperancini.

Navegador Lourival Roldan (à esquerda) e piloto Bruno Sperancini.

A sétima e última etapa foi realizada neste sábado e teve início em Umuarama (PR), com 346,15 km (sendo 120,54 de especiais). Líderes desde a primeira etapa, cuja largada foi dada no dia 1º de agosto em Goiânia, Sperancini e Roldan souberam atacar e administrar no momento certo. “Foi uma disputa muito acirrada, ainda mais por envolver 30 UTVs, e foi emocionante cruzar a rampa de chegada como campeão”, comentou Sperancini, que também venceu em 2012. “O Can-Am Maverick Xds foi perfeito, não apresentou problema nenhum. Além da performance, mostrou ter um custo de manutenção muito baixo”, explicou.

Apesar da enorme experiência em ralis, este foi o primeiro título de Roldan na classificação geral de uma categoria no Sertões. “A conquista foi muito importante, estou há anos atrás deste sonho e hoje conquistei”, revelou. “O resultado é fruto de um ano de preparação e muito trabalho. Tudo valeu a pena. Andamos rápido todos os dias e abrimos o máximo de vantagem possível. Depois administramos nas últimas etapas, mas sempre nos mantendo no grupo dos mais velozes”, concluiu. O Rally dos Sertões 2015 incluiu ainda categorias para motos, quadriciclos e carros.

Categoria UTVs – 7ª Etapa (resultados extra-oficiais)
1º – #207 – RODRIGO VARELA/JOAO ARENA – 01:19:01.1 – Can-Am Maverick Xds Turbo

2º – #220 – DENI NASCIMENTO/EMILIO ROCKENBACH – 01:19:04.6
3º – #206 – ANDRE SAWAYA/DANIEL SPOLIDORIO – 01:19:09.4 – Can-Am Maverick Xds Turbo
4º – #219 – GABRIEL VARELA/GABRIEL MORALES – 01:20:02.9 – Can-Am Maverick Xds
5º – #212 – LUCAS BARROSO/LAURO SOBREIRA – 01:20:13.8 – Can-Am Maverick Xds Turbo
6º – #208 – CARLO COLLET/MARCO GOUVEA – 01:20:29.1 – Can-Am Maverick Xds Turbo
10º – #210 – BRUNO SPERANCINI/LOURIVAL ROLDAN – 01:23:48.4 – Can-Am Maverick Xds
12º – #222 – JOSE SAWAYA/MARCELO HASEYAMA – 01:25:43.6 – Can-Am Maverick Xds Turbo
14º – #217 – GABRIEL PAIVA/ANDREWS COSTA – 01:26:16.1 – Can-Am Maverick Xds
17º – #225 – DALGER JUNQUEIRA/MARCELO SOUSA – 01:32:28.6 – Can-Am Maverick Xds Turbo
18º – #201 – VINICIUS MOTA/RAFAEL SCHIMUK – 01:34:55.9 – Can-Am Maverick Xds Turbo
21º – #216 – MARCELO GASTALDI/CLAUDIO RIZER – 01:39:18.8 – Can-Am Maverick Xds Turbo
25º – 230 – RODRIGO CARVALHO/MARCELO CONCEICAO – 01:44:14.9 – Can-Am Maverick Xds Turbo

Categoria UTVs – Resultados acumulados finais (extra-oficiais)
1º – #210 – BRUNO SPERANCINI/LOURIVAL ROLDAN – 17:51:10 – Can-Am Maverick Xds
2º – #219 – GABRIEL VARELA/GABRIEL MORALES – 18:07:54 – Can-Am Maverick Xds
3º – #229 – BRUNO VARELA/MAYCKON PADILHA – 18:15:28
4º – #203 – ELSINHO CASCAO/ELSON MENEZES – 18:23:14
5º – #201 – VINICIUS MOTA/RAFAEL SCHIMUK – 18:46:08 – Can-Am Maverick Xds Turbo
6º – #207 – RODRIGO VARELA/JOAO ARENA – 19:06:26 – Can-Am Maverick Xds Turbo
7º – #222 – JOSE SAWAYA/MARCELO HASEYAMA – 19:08:37 – Can-Am Maverick Xds Turbo
8º – #212 – LUCAS BARROSO/LAURO SOBREIRA – 19:19:58 – Can-Am Maverick Xds Turbo
12º – #230 – RODRIGO CARVALHO/MARCELO CONCEICAO – 21:28:25 – Can-Am Maverick Xds Turbo
14º – #217 – GABRIEL PAIVA/ANDREWS COSTA – 24:32:47 – Can-Am Maverick Xds
16º – #208 – CARLO COLLET/MARCO GOUVEA – 25:56:48 – Can-Am Maverick Xds Turbo
19º – #216 – MARCELO GASTALDI/CLAUDIO RIZER – 26:47:27 – Can-Am Maverick Xds Turbo
26º – #215 – DENINHO CASARINI/EDUARDO SHIGA – 38:26:39 – Can-Am Maverick Xds Turbo
27º – #225 – DALGER JUNQUEIRA/MARCELO SOUSA – 40:09:24 – Can-Am Maverick Xds Turbo
28º – #206 – ANDRE SAWAYA/DANIEL SPOLIDORIO – 44:07:53 – Can-Am Maverick Xds Turbo

Sobre a BRP – A BRP (TSX: DOO) é líder global em projeto, desenvolvimento, fabricação, distribuição e comercialização de veículos esportivos e sistemas de propulsão. Seu portfólio inclui os veículos para neve Ski-Doo e Lynx, a moto aquática Sea-Doo, os veículos side-by-side e quadriciclos Can-Am, os roadsters Can-Am Spyder e os sistemas de propulsão marítima Evinrude e Rotaxwell, além dos motores Rotax para karts, motocicletas e aeronaves recreativas. A BRP dá suporte a sua linha de produtos com peças, acessórios e vestuário dedicados. Com uma renda anual com vendas de mais de CA$ 3 bilhões em 105 países, a empresa conta com cerca de 7.100 funcionários no mundo.

www.brp.com
@BRPnews

Ski-Doo, Lynx, Sea-Doo, Evinrude, Rotax, Can-Am, Spyder, Commander, Maverick, X e o logotipo da BRP são marcas comerciais da Bombardier Recreational Products Inc. ou de suas afiliadas. Todas as outras marcas comerciais são propriedade de seus respectivos donos.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly