James Stewart não irá correr na Austrália

Por Mariah Morgado | Foto por MXlarge | 09 de novembro de 2015 - 12:25

Os fãs de australianos de James Stewart ficaram desapontados com a desistência do piloto da etapa do dia 28 de Novembro do Australiano de Supercross em Sydney. Os rumores são de que ele ainda vai correr em Lille no final de semana. Enquanto isso, a presença de Chad Reed continua confirmada e os organizadores irão achar um bom substituto para Bubba.

Veja a declaração de Stewart e dos organizados do campeonato.

A Yoshimura Suzuki Factory Racing anunciou hoje que James Stewart não vai participar da etapa do dia 28 de Novembro do Australiano de Supercross conforme o planejado. O várias vezes campeão do AMA Supercross e Motocross vai correr no Bercy-Lille Supercross nos dias 14 e 15 de Novembro na França.

Stewart teve um retorno forte as competições ao vencer o Red Bull Straight Rhythm no começo de Outubro. E na semana seguinte, no MEC, Stewart sofreu uma lesão no punho durante os treinos e acabou se retirando da competição após o primeiro main event. Depois de vários dias em reabilitação, Stewart voltou aos treinos para testar na semana seguinte e acabou sofrendo outro acidente na pista de treinos, lesionando o mesmo punho.

“Todos nós estamos desapontados que James não poderá correr na Australia. Estávamos ansiosos em vê-lo no gate de quantas corridas fossem possíveis antes de Anaheim, mas nós perdemos três semanas de nosso programa. Nós achamos que a quantidade de tempo que a viagem para a Australia levaria seria demais neste momento. Ele tem muito treinamento e testes de novas peças para terminar antes de estarmos prontos para A1 e agora estamos atrasados. Depois de conversar com James sobre onde ele está fisicamente e onde estamos nos testes, nós decidimos que é melhor mantê-lo aqui e continuar o programa que sabemos que o deixará pronto para A1. Obviamente, James está desapontado com a decisão de não correr, mas ele entende 100% que para estar pronto par A1, essa é a melhor opção.” Declarou o chefe de equipe, Mike Webb.

 “Estou chateado por todos os meus fãs e patrocinadores em não poder ir para a Australia. A melhor coisa em estar de volta tem sido experimentar em primeira mão todo o apoio dos fãs. Eu realmente estava ansioso em ir para a Australia, mas eu preciso olhar para o quadro completo. Nós estamos à dois meses de A1 e eu preciso chegar lá saudável e preparado. O punho está bom, pelo menos o melhor que pode estar. É apenas uma daquelas coisas que eu posso levar por meses ou anos e está bem, mas então uma única coisa errada pode retardar tudo. Eu só preciso descansar um pouco mais antes de voltar com tudo. A coisa mais importante é que eu estarei preparado para competir em Janeiro.” Declarou James Stewart.

Stewart está na Flórida se preparando para o Bercy-Lille Supercross e continuando seu treinamento para a temporada 2016 do AMA Supercross que começa em Anaheim, na Califórnia, no dia 09 de Janeiro de 2016.

“A organização do Australiano de Supercross está muito desapontada com o anúncio de hoje de manhã de James Stewart de não participar da corrida. Ele foi contratado para correr nos dias 28 e 29 de Novembro e nós estamos chocados em ouvir de seus agentes que ele não vai mais correr.”

A organização do AUS-X Open foi para os Estados Unidos hoje de manhã para resolver a situação e vai continuar atualizando os fãs que irão comparecer ao evento sobre todos os acontecimentos. O evento será o maior evento esportivo na história da Austrália, com o bicampeão mundial  e herói nacional, Chad Reed, competindo contra os melhores da terra Down Under.

O evento contará com o primeiro e único melhor evento de freestyle de motocross do mundo e da Australia, incluindo seis dos melhores pilotos de FMX do mundo (Tom Pages, Taka Higashino, Jackson Strong, Rob Adelberg, David Rinaldo e Libor Podmol).

A ação será garantida com a premiação de $150,000 em dinheiro. O palco está montado para a competição mais espetacular de esportes de ação na história australiana com shows pirotécnicos, DJs e shows de FMX colocando ainda mais fogo para a competição de Supercross e FMX nos dias 28 e 29 de Novembro.

James-Stewart

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly