Husqvarna Motorcycles anuncia equipes para 2016

Por Mariah Morgado | Foto por Husqvarna Motorcycles | 11 de novembro de 2015 - 10:22

A Husqvarna Motorcycles anunciou seu line-up para a temporada 2016 do Mundial de Motocross.

Representados por Max Nagl, Christophe Charlier, Max Anstie e Thomas Covington, a Husqvarna tem suas atenções voltadas para atingir o degrau mais alto nas categorias MXGP e MX2.

104130_nagl_iceone-lifestyle-potrait-17_3400-horz

Formando o team Husqvarna na categoria MX2 estão o britânico, Max Anstie, e o Americano Thomas Covington. E a equipe será chefiada pelo experiente Jacky Martens.

Novato na família Husqvarna, Max Anstie, que completou 22 anos em Abril deste ano, vai correr sua última temporada na categoria MX2 em 2016. Apesar de um começou irregular na campanha deste ano, Anstie provou ser um dos pilotos mais fortes e mais rápidos durante a segunda parte da temporada, conquistando nove vitórias de corridas e encerrando o campeonato em terceiro no geral. Com 2016 marcando sua última temporada na MX2, ele vai se esforçar para tentar encerrar como campeão Mundial.

Quem entra ao lado de Anstie na MX2 é Thomas Covington. Assegurando seu primeiro pódio na MX2 na penúltima etapa de 2015 no México, o americano é um piloto de grande potencial e com certeza terá resultados promissores em 2016.

O team da categoria principal é chefiado por Antti Pyrhönen e contará com a presença de Max Nagl que irá brigar pelo título depois de vê-lo escapar nesta temporada. O alemão era o líder no começo da temporada 2015 até que uma lesão na décima etapa o forçou a ficar de for a de cinco etapas e terminou na sexta posição no geral do campeonato com cinco vitórias de corridas e vários pódios. Nagl promete voltar mais rápido e mais forte.

Christophe Charlier se une a Husqvarna em 2016. Um rosto familiar dentro do paddock, o francês teve seu melhor resultado da temporada na Argentina com seu sétimo lugar. Com o apoio completo da fábrica, Charlier vai buscar ser uma figura regular entre os dez primeiros colocados durante o ano que vem.

Para 2017 e 2018, Max Anstie vai subir para a categoria MXGP e irá competir pela equipe Husqvarna, sob a tutela de Pyrhönen.

Conrad Mewse vai disputar o campeonato EMX250 pela equipe Husqvarna Factory MX2. E reforçando a equipe com jovens talentos, Mikkel Haarup vai disputar o EMX125 com uma moto IceOne.

A primeira etapa do Mundial de Motocross 2016 será no dia 27 de Fevereiro em Losail, no Qatar.

Robert Jonas: “A Husqvarna está orgulhosa em ser representada por Max Nagl e Christophe Charlier na MXGP e Max Anstie e Thomas Covington na MX2 em 2016. Max Nagl obteve resultados incríveis durante 2015 e mostrou a capacidade e força de nossa FC 450. Infelizmente, sua lesão o impediu de trazer o título mundial para a Husqvarna, mas estou confiante que ele pode conseguir. Nós temos dois pilotos muito fortes na MX2 e estou ansioso para ver o que eles podem conseguir com a FC 250. Tudo está esquematizado para uma ótima temporada.”

Antti Pyrhönen – Chefe de equipe da MXGP Husqvarna Factory Racing: “Nós temos uma equipe bem forte para 2016 com Max e Christophe. Max prvou como um dos melhores pilotos do ano. Inquestionavelmente, a categoria MXGP é super competitiva, mas é nosso objetivo fazer tudo que pudermos para apoiar Max em sua jornada para se tornar campeão no ano que vem. É ótimo também dar as boas vindas a Christophe à equipe. Ele é um piloto forte com muito potencial. Eu acredito que temos as ferramentas necessárias para ele conquistar resultados impressionantes. Em adição, saber que Max Anstie vai se unir a equipe para 2017 e 2018, garante que nós temos uma base forte para o futuro.”

Jacky Martens – Chefe de equipe da MX2 Husqvarna Factory Racing: “Estou ansioso para trabalhar com Max e Thomas no ano que vem e também com Conrad Mewse no campeonato EMX. Todos são ótimos pilotos e estimulantes de assistir na pista. Max é muito experiente e foi um dos mais rápidos nas últimas etapas da temporada 2015. Nós vamos trabalhar duro para manter o ímpeto para 2016 e ajuda-lo a conquistar seu objetivo de se tornar um campeão mundial. Thomas é outro jovem piloto mostrando muito potencial. Sua vitória no México mostrou do que ele é capaz.”

fonte: Husqvarna Motorcycles

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly