Stefan Everts de volta a Suzuki

Por Mariah Morgado | Fotos por Gary Freeman/Redeye images | 13 de novembro de 2015 - 15:02

Após quase um quarto de século depois que foram campões mundiais juntos, Stefan Everts e a Suzuki estão juntos novamente com o piloto melhor sucedido do Mundial de Motocross agora no controle e na organização da equipe Suzuki World MXGP.

Everts-and-wall

Aos 42 anos, Stefan Everts assumiu o papel de Diretor Principal após chegar a um acordo com Sylvain Geboers, da Geboers Racing Production, e os dois belgas agora controlam o programa de fábrica da Suzuki no Campeonato Mundial de Motocross com a RM-Z450 e também na categoria MX2 e no Campeonato Europeu EMX250 (RM-Z25). Everts será acompanhado na base da equipe em Lommel com a assistência de seu pai (e também ex campeão mundial pela Suzuki), Harry e não só irá supervisionar as operações de corrida envolvendo uma equipe dedicada e qualificada e seis pilotos, mas também contribuir para o desenvolvimento da tecnologia da RM-Z. Everts vai promover fortemente o nome da Suzuki ao nível mais alto do esporte e onde a equipe tem tido candidatos ao título desde o início do século, com a RM250 e a RM-Z450 desde 2004.

Everts-and-Geboers1

Everts se aposentou em 2006 com dez títulos mundiais e um recorde de 101 vitória de Grand Prix. Desde então, ele vem colaborando com outro fabricante para o sucesso do campeonato mundial, desenvolveu modelos chave de motocicletas e evoluiu jovens talentos de corrida com despojos notáveis. Ele agora está pronto para aliar-se a Goebers desde que ganhou o primeiro de seus títulos em 1991 com o team amarelo.

 “É um grande desfaio e uma grande responsabilidade… mas na verdade, eu acho que estou pronto para isso. Eu tenho a idade e o conhecimento. Eu estou aposentando há nove anos e graças a meu antigo trabalho, eu consegui adquirir um pouco de experiência do outro lado da cerca. Me sinto pronto! Eu amo tanto esse esporte e eu amo viajar e estar nas corridas. Eu adoro encontrar novos talentos. Eu quero sucesso com essa equipe. Muitas coisas precisam mudar, alteradas e empurradas para frente. Eu quero criar uma imagem realmente forte para a equipe. Do lado multimídia, nós podemos trabalhar mais e expandir mais o nosso perfil. A interação com os fãs é importante.” Comentou o lendário #72.
Everts-action
De sua conexão inicial com a Suzuki enquanto era ainda um adolescente e sob os olhares atentos do pai, Harry, ele disse: Eles foram meu primeiro amor. Sylvain foi quem me colocou na Suzuki. Foi onde tudo começou para mim. Aqueles foram ótimos anos e eu respeitava o que Sylvain e a Suzuki me deram.”
Geboers, um súdito leal da Suzuki ao longo das décadas e um nome sinônimo com a marca, está agora com seus 70 anos e vai permanecer onde está para dar assistência à transição e oferecer conselhos a Everts enquanto a GRP entra em uma nova era. “O que nós temos agora é uma boa oportunidade para a GRP, Suzuki e Stefan. Eu acho que ele pode ser uma grande ajuda aos pilotos e sabe o que é necessário para vencer e se tornar um campeão. A alguns anos atrás, nós, como Suzuki, perdemos Roger (De Coster) e assim muito de nosso poder. Eu acredito que agora isso está voltando através do Stefan e toda a experiência que ele tem.” Comentou.

A Suzuki World MXGP vai atacar o Mundial de Motocross 2016 com Kevin Strijbos e Ben Townley na categoria MXGP. Com Jeremy Seewer e Brian Hsu sendo as jovens armas da RM-Z250 na MX2 enquanto Bas Vaessen vai representar a equipe no Campeonato Europeu EMX250.

Everts-and-bike

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly