Carlos Campano é tricampeão do Brasileiro de Motocross

Por Comunicação Ativa | Foto por Tiago Lopes Show Radical/CBM | 22 de novembro de 2015 - 18:31

Cerca de 20 mil pessoas compareceram ao motódromo da cidade de Três Rios (RJ) para a final do Campeonato Brasileiro de Motocross PRÓ realizada neste domingo, 22. A maior competição da América Latina na modalidade foi disputada em seis etapas.

campano(6)

Na principal categoria, a MX1, o piloto espanhol Carlos Campano assegurou o título e sagrou-se tricampeão brasileiro de Motocross na classe. O piloto já havia sido campeão em 2012 e 2014.

“Estou muito feliz com o resultado. Esse foi o meu melhor ano, pois o nível da categoria estava muito disputado, com pilotos andando muito forte. Agora é descansar e focar na próxima Temporada”, ressalta o Campeão.

Campano entrou na prova na liderança do Campeonato com 16 pontos de vantagem para o segundo colocado Jean Ramos. O espanhol ficou em terceiro na primeira bateria e venceu a segunda prova do dia, enquanto  o brasileiro que buscava o título sofreu quedas nas duas provas.

“Fiz uma bela Temporada. Infelizmente nesta prova não fui muito feliz, pois estava andando bem e sofri as quedas. Levo desta temporada a lição de que tenho que me arriscar mais. Muitas vezes esse ano o Campano vencia e eu ficava em segundo, pois esperava um erro dele que não acontecia. Assim ele foi ganhando pontos a cada etapa e acabei deixando o campeonato escapar das minhas mãos”, declara Jean Ramos que sagrou-se vice-campeão da MX1.

O Campeonato Brasileiro de Motocross Pró 2015 é organizado pela CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) e tem o patrocínio da Honda, Yamaha, Levorin, Petrobrás, Lubrax e IMS.

Veja como ficou a classificação do Campeonato: http://www.cbm.esp.br/sistema/classificacao-categoria.php?idCategoria=55&idCampeonato=330&organizador=CBM&idModalidade=13

1ª Bateria

O espanhol largou na frente, mas na segunda curva o português Paulo Alberto assumiu a primeira colocação e o inglês Adam Chatfield a segunda.

Jean Ramos que brigava pelo título saiu na sexta colocação, mas conseguiu a ultrapassagem sobre Balbi  Jr. e logo em seguida passou Rafael Faria para assumir a 4ª colocação e encostar no líder do Campeonato, Carlos Campano.

Jean Ramos acabou se chocando com um piloto e sofreu uma queda. Com isso o piloto perdeu muitas posições e acabou na 9ª colocação, o que deixou o piloto mais distante do Campeonato.

Campano, com a 3ª colocação,  ficou com 24 pontos de vantagem sobre Jean Ramos, a apenas um tento de conquistar o título.

Resultado:

1º – Paulo Alberto

2º – Adam Chatfield

3º – Carlos Campano

4º – Jetro Salazar

5º – Thales Vilardi

2ª Bateria

Ao contrário da primeira bateria que Jorge Babi Jr terminou em último, na segunda ele largou na frente, seguido de Jean Ramos. Jean acabou caindo no meio da prova e Campano que vinha atrás assumiu a segunda posição e logo começou a pressionar Balbi. Não demorou muito para o espanhol ultrapassar Balbi e garantir a primeira posição até o fim da prova.

Resultado da 2ª bateria:

1º Carlos Campano

2º Jorge Balbi Jr

3º Thales Vilardi

4º Jetro Salazar

5º Adam Chatfield

Resultado completo: http://www.cbm.esp.br/sistema/resultados.php?etapa=1268&organizador=CBM&idModalidade=13

Veja como ficou a classificação do Campeonato:

1º Carlos Campano

2º Jean Ramos

3º Paulo Alberto

4º Jetro Salazar

5º Antonio Jorge Balbi Jr

Veja a classificação completa: http://www.cbm.esp.br/sistema/classificacao-categoria.php?idCategoria=55&idCampeonato=330&organizador=CBM&idModalidade=13

O Campeonato Brasileiro de Motocross Pró 2015 é organizado pela CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) e tem o patrocínio da Honda, Yamaha, Levorin, Petrobrás, Lubrax e IMS.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly