Jordi Tixier fora da abertura do Mundial de Motocross 2016

Por Mariah Morgado | Foto por Facebook Oficial Jordi Tixier | 12 de fevereiro de 2016 - 23:17

Jordi Tixier, da equipe Monster Energy Kawasaki Racing, passou por uma cirurgia nesta semana e não vai disputar a abertura do Mundial de Motocross que acontece no dia 27 de Fevereiro no Qatar.

Este ano, o francês da equipe Monster Energy Kawasaki Racing e campeão mundial 2014 da MX2, subiu para a categoria MXGP neste ano devido as regras de faixa etária da categoria MX2. Com 23 anos, Tixier teve sua campanha do ano passado interrompida após um acidente durante o GP da Lombardia e assinou contrato de dois anos com o team green no começo do ano passado.

A lesão aconteceu em um acidente na Mantova, Itália, e Tixier ainda estava na fase final de recuperação quando entrou na tradicional sessão de testes com sua nova equipe em Novembro de 2015 e logo se adaptou a KX450F-SR. Com um trabalho rigoroso durante o inverno europeu, ele ainda sentia dores no punho direito e exames mais detalhados revelaram danos em um ligamento que o forçaram a ser operado em Paris pelo Professor Mathoulin, um dos especialistas de mão mais famoso do mundo.

O procedimento foi um sucesso, mas Jordi Tixier agora precisa se recuperar antes de voltar a correr.

Claro que é uma grande decepção perder as primeiras etapas do Mundial de Motocross, mas não havia outra solução já que os exames mais recentes mostraram que meu punho ainda tinha danos após a cirurgia do verão passado. O Professor Mathoulin não queria que eu corresse com infiltração já que isso pode trazer consequências dramáticas, então eu realmente não tinha outra escolha. Felizmente, ele não precisou colocar nenhum parafuso ou placa no meu punho, ele só reparou o ligamento e reparou os ossos. Eu estou com um gesso leve por uma semana e depois volto nele para fazer um check up e vou seguir seus conselhos. É uma pena que isso aconteceu tão tarde, eu sentia dor quando treinava, mas todos os médicos me disseram que isso era normal depois de uma lesão dessas. Eu quero agradecer a equipe e todos os nossos patrocinados, ninguém me pressionou e mal posso esperar para voltar a correr. A moto é fantástica e a equipe é muito profissional. É um período difícil pra mim, mas eu voltarei mais forte assim que estiver em forma novamente.” 

12733655_1268019073215027_513222736921346003_n

 

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly