Sessão estaleiro AMA Motocross 2016 – RedBud

Por Mariah Morgado | Fotos por Hoppenworld | 01 de julho de 2016 - 22:10

Vamos dar uma olhada nos pilotos que estão lesionados ou retornando de lesões para a 6a etapa do AMA Motocross 2016, que acontece neste sábado em RedBud.

Categoria 450MX

Cole Seely – Dedo da mão
Seely recebeu uma pedrada no dedo mínimo da mão enquanto treinava e as radiografias mostraram uma fratura que precisou ser reparada com cirurgia e não há previsão para seu retorno.

Jason Anderson – Clavícula 

Anderson quebrou a clavícula em três lugares e sofreu uma luxação leve no ombro treinando no começo da semana. Espera-se que ele perca de 6 a 8 semanas de competição.

Josh Grant – Tornozelo

Grant correu em High Point com uma lesão no tornozelo e acabou caindo nos treinos da etapa. Ele não conseguiu terminar a 1a bateria e a equipe anunciou que ele está fora do restante do campeonato. 

Trey Canard – Coluna

Canard caiu durante uma sessão de treinos em casa, Oklahoma, que resultou em uma hérnia discal. Ele volta a correr assim que receber a liberação dos médicos e não vai correr em Rebud.

Ryan Dungey – Pescoço
Bogle caiu durante a 2a bateria em Thunder Valley e fraturou uma vértebra cervical. Ele deve estar fora do restante da temporada.

Adam Enticknap – Fêmur
Enticknap quebrou o fêmur no começo do ano e já voltou a treinar. Ele já voltou a treinar e espera voltar em Washougal.

Wil Hahn – Clavícula, labrum e escápula
Hahn sofreu um acidente grave em Atlanta e sofreu diversas lesões. Ele espera voltar para as duas últimas etapas da temporada.

Tommy Hahn – Tornozelo
Hahn lesionou o tornozelo durante o supercross e recentemente se machucou novamente, reagravando a lesão. Ele está fora da temporada e  está sendo substituído por Cole Martinez.

James Stewart – Ombro
Stewart caiu durante a primeira bateria em Hangtown e deslocou o ombro. A equipe anunciou ontem que ele ficará na Flórida para acompanhar o parto de sua esposa. Ele postou ontem em seu instagram que espera voltar em Southwick.

Dakota Tedder – Ombro e joelho
Tedder machucou o ombro e o joelho na repescagem em High Point. Ele volta neste final de semana em RedBud.

Dean Wilson – Joelho
Wilson, que espera voltar ao gate na metade do AMA Motocross, caiu no começo da temporada do supercross e rompeu o LCA e o menisco e estirou o LCM. Ele espera voltar na metade do campeonato, mas rumores dizem que ele pode voltar em Spring Creek.

Dakota Tedder volta neste final de semana

Dakota Tedder volta neste final de semana

Categoria 250MX

Chris Alldredge – Pelve
Alldredge vai ficar fora da ação de quatro a seis semanas após fraturar a pelve em Las Vegas. Espera-se que ele volte antes do final da temporada.

Zach Bell – Clavícula e infecção
A recuperação de Bell sofreu um atraso quando ele contraiu uma infecção bacteriana e foi forçado a passar por uma segunda cirurgia. Ele anunciou recentemente no Instagram que a infecção está completamente curada, mas o osso está apenas 50% curado. Ele está fora de toda a temporada do AMA Motocross 2016. Uma campanha para ajudar as despesas financeiras foi lançada nas redes sociais.

Tristan Charboneau – Clavícula
Charboneau quebrou a clavícula em Glen Helen. Ele passou por cirurgia e esperava voltar em Southwick.

Christian Craig – Perna
Craig colidiu com Jordon Smith em Glen Helen e quebrou a tíbia e fíbula. Ele passou por cirurgia e espera voltar a correr nas duas últimas etapas se estiver 100%.

Alex Frye – Joelho
Frye passou por uma cirurgia esta semana depois de romper o LCA e ficará de fora do restante da temporada.

Justin Hill – Coluna
Hill lesionou a coluna há algumas semanas, mas já voltou a treinar. A equipe espera que ele volte em algumas semanas.

Michael Leib – Pé e tornozelo
Leib descobriu em meados da temporada do supercross que tinha quebrado o talus e o navicular (ossos do pé) em Janeiro. Ele passou por uma cirurgia e declarou em seu Instagram: Eu tenho um longo caminho pela frente, mas mal posso esperar para poder andar normal, ser normal e não sentir dor 24 horas por dia.” 

Jessy Nelson – LCM e contusão óssea
Nelson caiu em Thunder Valley e sofreu um entorse grau 2 no LCM e uma contusão no fêmur. Ele vai tentar correr daqui a 2 ou 3 semanas.

Michael Leib passou por cirurgia e não há uma data prevista para seu retorno.

Michael Leib passou por cirurgia e não há uma data prevista para seu retorno.

fonte: Racerx

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly