Broc Tickle fora do AMA Motocross 2016

Por Mariah Morgado | Foto por GuyB | 21 de julho de 2016 - 15:16

O piloto do plate #20 da equipe RCH Racing, Broc Tickle, sofreu uma lesão no último sábado em Spring Creek e vai ficar de fora das quatro últimas etapas do AMA Motocross 2016.

Tickle foi pego em um incidente de outro piloto enquanto os dois buscavam posições na metade da primeira bateria da categoria 450MX em Millville, Minnesota. E como resultado, nenhum dos dois terminaram a bateria ou voltaram para a segunda. Tickle foi examinado na terça feira e foi diagnosticado uma fratura na pelve, forçando o veterano a não participar das quatro últimas etapas da temporada do motocross.

O ex residente de Cary, Carolina do Norte, estava em sua melhor campanha na categoria principal desde que entrou na categoria em 2012 conquistando nove resultados consecutivos entre os top 10, incluindo dois pódios consecutivos em Muddy Creek e RedBud. Entre as 5a e 6a etapas, Tickle ganhou de forma belíssima, sete posições na classificação do campeonato e até o final de semana passado estava apenas a 10 pontos atrás do quarto colocado.

“Foi um infeliz incidente de corrida entre mim e Weston Peick. Obviamente, é desapontador, mas tudo que posso fazer é tirar o peso da minha pelve pelas próximas quatro a seis semanas e melhorar o mais rápido que puder. Neste momento, eu só preciso olhar pra frente, trabalhar duro na pré temporada e estar pronto para o Supercross em Janeiro. Eu vou tentar e aproveitar o tempo em off agora para preparar as coisas para 2017. Eu sou muito grato a Carey (Hart) e Ricky (Carmichael) e a todos na RCH por uma ótima temporada. Não saiu conforme esperávamos, mas nós viramos a curva e houveram muita coisa positiva. Eu agradeço muito a todos na Soaring Eagle, Jimmy John’s e na Suzuki por seu apoio e eu não teria feito nada sem meus patrocinadores pessoais, Answer, Arai, TCX, EKS Brand e é claro, Dr.G.” Declarou Broc Tickle.

Como um heptacampeão da categoria principal do AMA Motocross e sócio proprietário da RCH, RIcky Carmichael está bem familiarizado com os perigos ocupacionais associados a profissão. Carmichael perdeu a temporada do Supercross de 2004 inteira por causa de uma lesão no joelho.

“Me sinto mal por Broc porque ele estava tendo uma ótima temporada no motocross. Eu odeio ver essas coisas acontecerem. Este incidente em particular é realmente desapontador porque não foi culpa dele. Ele foi uma vítima de circunstâncias e estava no lugar e na hora errados. É uma dessas pílulas difíceis de engolir que as vezes vêm com o trabalho. Ele vai voltar para a moto quando se sentir 100% e preparado. Ele não tem nada para se envergonhar. A lesão é apenas um pequeno atraso quando você olha para tudo que aconteceu nas seis primeiras corridas. Estou muito feliz com como Broc se desempenhou neste verão e com tudo que a equipe conquistou.” Declarou Carmichael.

max_s780_070916southwickracing0301_354703

 

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly