Jimmy Albertson de volta as 450cc e como privado em 2017

Por Mariah Morgado | Fotos por Simon Cudby | 26 de dezembro de 2016 - 21:15

Quando a Motorcycle-Superstore decidiu não continuar patrocinando a equipe Motorcycle- Superstore Suzuki, de Jimmy Albertson, acabou deixando Jimmy e sua equipe pensando no que fazer para 2017. Infelizmente, ou felizmente dependendo do ponto de vista, Jimmy não conseguiu substituí-los e construir uma equipe completa. Ao invés disso, a FMF e a Merge Racing vão patrocinar a investida privada de Albertson enquanto ele e Georgia (sua esposa) vão para as corridas com uma van Sprinter. Mas Jimmy Albertson tem estado bem positivo sobre a situação e parece entusiasmado em voltar a ser um piloto ao invés de tentar correr e dirigir uma equipe. Ele também voltará para a categoria 450cc.

Veja a declaração completa de Jimmy abaixo:

Jimmy Albertson fará seu retorno a categoria 450cc no AMA Supercross 2017 na abertura da temporada em Anaheim, na Califórnia, no dia 07 de Janeiro. Entrando em sua 10a temporada profissional, Jimmy usará sua Suzuki RM-Z450 apoiado pela FMZ e Merge Racing. Com a ajuda de patrocinadores pessoais, Albertson viajará para as etapas em sua van Sprinter com sua esposa como um piloto privado. Quando questionado sobre a próxima temporada, Top Jimmy disse: “Estou muito ansioso para ver o que 2017 trará. Eu me dediquei muito com meu técnico Robbie Reynard e acho que veremos onde estamos quando as bandeiras balançarem em Anaheim. Meu objetivo pessoal nesta temporada é garantir que manterei as coisas leves e me divertir. Minha paixão pelas corridas está mais forte do que nunca! Eu quero ter certeza de permanecer sorrindo e curtindo a corrida. Obrigado a todos os nossos patrocinadores por ajudarem a tornarem nossos sonhos realidade.” 

Jimmy agradece seus patrocinadores Suzuki, Merge Racing Technologies, FMF< Seven, Rekluse, Dubya, 180 Decals, Acerbis, Pro Taper, X-Trig, Excel, Dunlop, Galfer, Guts Racing, Works Connection, Bell Helmets, Alpinestars, Oakley, 2XU, Bolt, Reynard Training Facility, Compound 77, Renn Fuels e HRT.

Fonte: RacerX

 

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly