Jarvis vence 2ª edição do Red Bull Minas Riders

Por Equipe Red Bull | Foto por Marcelo Maragni/Red Bull | 20 de Maio de 2017 - 11:09

A segunda edição do Red Bull Minas Riders, que aconteceria entre os dias 17 e 21 de maio em Minas Gerais, teve sua final antecipada em dois dias e consagrou o britânico Graham Jarvis como o grande campeão, seguido do americano Cody Webb, estreante na prova, e do espanhol Alfredo Gomez, vencedor do evento no ano passado. Nesta sexta-feira, os pilotos iniciaram o dia nas trilhas da região de Ouro Preto, até chegarem ao ponto final, em Barão de Cocais.

Em 2016, Graham Jarvis foi segundo colocado, perdendo por pouquíssimos minutos de diferença para Alfredo Gomez. Desta vez, ele soube aproveitar as trilhas mineiras e os erros dos adversários para ficar com o título, depois de percorrer cerca de 240 km nesses dois dias de competição, pilotando por montanhas, trilhas e florestas por aproximadamente cinco horas a cada dia.

“Cody andou muito perto de mim durante a maior parte do tempo e, sinceramente, acho que isso acabou me ajudando, porque nós dois nos apoiamos e chegamos até a nos ajudar em alguns momentos. Este ano, encontrei os caminhos muito mais facilmente e sabia o que fazer, então acabei ganhando tempo. Estou muito feliz.” – Graham Jarvis

Na segunda colocação, ficou Cody Webb, em uma estreia de sucesso no Red Bull Minas Riders. Webb foi terceiro colocado no Prólogo, realizado na Praça Tiradentes, Ouro Preto, na quarta-feira, para definir as posições de largada e, logo no dia seguinte, alcançou o segundo lugar, repetindo o feito nesta sexta.

“Foi insano. Eu já participei de competições bem difíceis, mas nada comparado a uma prova em que você tem que pilotar durante cinco horas por dia em um terreno bem complicado. As montanhas aqui são malucas, eu nunca tinha andado no meio de florestas. Considero tudo como uma experiência incrível.” – Cody Webb

Entre os brasileiros, o melhor colocado na categoria principal, a Gold, foi Rigor Rico, que terminou na sétima colocação.

O romeno Martin Freinamedetz, da empresa Xventure, responsável pela organização da prova, lamentou o encurtamento da competição. “Estamos há um ano conversando com todas as autoridades ambientais e definindo o trajeto da prova e temos autorizações de todos os órgãos responsáveis. Infelizmente, no último momento, a polícia pediu para fazer mais algumas análises de risco e optamos por cooperar e antecipar o final da competição já que os pilotos não podem aguardar”.

Classificação Final

Ouro

1º lugar – Graham Jarvis – GBR

2º lugar – Cody Webb – USA

3º lugar – Alfredo Gomez – ESP

Prata

1º lugar – Romulo Bottrel – BRA

2º lugar – Rogério Zortea – BRA

3º lugar – Renan Tonon – BRA

Bronze

1º lugar – Patrik Capila – BRA

2º lugar – Diego Baesso Collet – BRA

3º lugar – Marco Túlio Faria – BRA

Iron

1º lugar – Kelder Campos – BRA

2º lugar – Laurindo Zatorski – BRA

3º lugar – René Reist – SUI

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly