Desalle na Monster Energy Kawasaki Racing por mais dois anos

Por Mariah Morgado | Foto por Monster Energy Kawasaki Racing | 07 de julho de 2017 - 14:20

O Mundial de Motocross 2017 nem chegou na reta final e o silly season já começou. Clement Desalle entrou para a família da Monster Energy Kawasaki no ano passado e depois de algumas decepções com uma lamentável lesão sofrida antes da temporada 2016, ele e a equipe juntaram as energias para desenvolver mais a novíssima Kawasaki KX450-SR. Foi uma história de sucesso com Desalle voltando ao círculo de vencedores quando ele comemorou sua primeira vitória de GP com a Kawasaki em Assen no ano passado. Trabalhando cada vez mais próximos juntos, Clement e os membros da equipe fizeram ainda mais progressos durante o inverno e já conquistaram mais dois GPs, na França e na Rússia, além de mais dois pódios nesta temporada 2017.

Atualmente na segunda colocação do campeonato após 12 etapas, Desalle permanece um dos principais protagonistas da categoria MXGP. Clement, com 22 vitórias de Grand Prix na carreira e 5 medalhas mundiais na categoria MXGP (antiga MX1), e a equipe Monster Energy Kawasaki Racing chegaram a um acordo para continuarem essa associação por mais dois anos.

“Estou muito feliz por continuar trabalhando com a Kawasaki, visto que eu gosto do meu trabalho e do trabalho que fazemos juntos. É bom que nós tenhamos chegado a um acordo para continuar trabalhando desta forma. É bom assinar contrato tão cedo na temporada, pois chega a uma fase em que você começa a pensar sobre o futuro, mas agora eu posso me concentrar inteiramente em cada corrida e cada GP para ter os melhores resultados para todos nós. Eu também estou feliz já que trabalhamos duro por 1 ano e meio para desenvolver a moto, que agora está muito boa, e nós podemos permanecer concentrados em nosso objetivo em comum que é vencer corridas.” – Clement Desalle.

“Nós estamos tão felizes por continuar trabalhando com Clement. Juntos, a KHI, a KME, a KRT, a Monster Energy e Clement trabalhamos muito ao longo dessas duas últimas temporas. Clement se encaixa muito bem em nossa equipe e agora sua KX450F-SR de fábrica está 100% ajustada de acordo com suas preferências. Você pode perceber com os resultados que ele está conquistando que continuar trabalhando juntos foi uma escolha óbvia. Ele sempre luta para ter o melhor desempenho que pode ter e ele nunca desiste. Este ano nós o vimos vencer e estamos muito felizes por isso! É ótimo que a equipe está sendo recompensada por seu trabalho árduo através dos resultados de Clement e com isso nós podemos continuar trabalhando juntos pelos mesmos objetivos no futuro.” – Steve Guttridge, Gerente de Competições da KME.

“Nós viemos trabalhando com Clement por quase dois anos e nós nos conhecemos muito bem, por isso é bom poder continuar trabalhando juntos por mais duas temporadas. Nosso primeiro ano foi difícil com ele lutando com lesões, mas ele voltou e nós podemos ver o quão confortável ele está com a moto de fábrica. Existe uma atmosfera muito boa na equipe, todo mundo está trabalhando junto e nós damos o nosso melhor para dar a ele o melhor material. No ano passado nós tínhamos uma moto nova, mas estávamos perdendo tempo para desenvolver a moto por causa das lesões de Clement. Nós trabalhamos duro na moto no último inverno e neste ano nós vimos o quão competitiva nossa KX-450F-SR é, incluindo o desempenho na largada que agora é tão importante na categoria MXGP.” – Thierry Chizat Suzzoni, dono da equipe.

 

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly