Willian Guimarães barra Chumbinho e vence a MX4 na 2ª Etapa do BR de MX

Por Mariah Morgado | Fotos por Tiago Lopes/CBM | 30 de julho de 2017 - 20:58

O paranaense Willian Guimarães e o catarinense Milton Becker, o Chumbinho, protagonizaram mais um grande duelo neste domingo (30) na categoria MX4, na 2ª etapa do Brasileiro de Motocross, em São José-SC. Após ultrapassar Chumbinho na última volta e vencer a MX3, no sábado, o piloto de Londrina desbancou o joinvilense mais uma vez e faturou a categoria que inclui competidores de 40 anos a 55 anos. Os dois agora estão com a mesma pontuação na MX4 com 47 pontos, mas como Willian venceu a última prova, está na liderança, no critério de desempate.

Na MX5, categoria de pilotos acima de 50 anos, que ocorreu simultaneamente, Milton Becker lidera com folga com duas vitórias nas duas primeiras etapas e 50 pontos.

Chumbinho largou na frente e suportou a pressão exercida por Willian Guimarães até os dez primeiros minutos, mas acabou ultrapassado no mesmo lugar da prova de sábado, nas costelas. O catarinense Erivelto Nicoladelli passou a linha de chegada em terceiro, seguido por Richard Berois e pelo paulista Rene de Albuquerque.

“O Chumbo é um excelente piloto, admiro muito ele. Só eu sei o tanto que eu tenho treinado para tentar andar perto dele. Ontem naquela parte da areia parecia difícil para os outros, mas para mim parecia fácil. Porque onde eu treino é uma terra vermelha dura e nós colocamos areia, então eu pulava quase as duas primeiras costelas por dentro, um pouco mais do que todo mundo estava passando e deu tudo certo.  Tive a sorte de passar ele, que também está de parabéns, e agora nós estamos empatados no campeonato e vamos para as próximas duas etapas”, comemorou Willian Guimarães.

“Ele vem atravessando uma boa fase e aquilo que, por exemplo, a gente vê nas categorias 50cc, 60cc e 80cc que normalmente que tem um ano ou dois a mais de idade se dá melhor aqui é contrário. É complicado manter a performance, você acaba tendo muitas limitações, mas o importante é fazer o que a gente gosta e o Willian é um ótimo cara. Mas vamos ver se não vem mais um título brasileiro na MX5”, projetou o catarinense que tem 24 títulos nacionais.

Resultado da prova MX4:

1º  Willian Guimarães

2º Milton Becker

3º Erivelto Nicoladelli

4º Richard Berois

5º Rene de Albuquerque

Classificação MX4 no Campeonato:

1º Willian Guimarães – 47 pontos

2º Milton Becker – 47 pontos

3º Erivelto Nicoladelli – 38 pontos

4º Vagner Lachi – 31 pontos

5º Rene de Albuquerque – 27 pontos

Resultado da prova MX5:

1º Milton Becker

2º Claudiney José Guasti

3º Dário de Oliveira Júnior

4º Carlos Gustavo Kettermann

5º Júnior Feitosa

Classificação MX5 no Campeonato:

1º  Milton Becker – 50 pontos

2º  Claudiney José Guasti – 44 pontos

3º  Dário de Oliveira Júnior – 40 pontos

4º  Júnior Feitosa – 34 pontos

5º Luis Marcos Rosa – 29 pontos

Veja a classificação completa em: http://cbm.esp.br/sistema/classificacao.php?campeonato=413&ano=&organizador=CBM&idModalidade=13

O Campeonato Brasileiro de Motocross terá patrocínio de Honda, Yamaha, Rinaldi e IMS. A temporada ainda terá o apoio da Mobil.A etapa conta com patrocínio local de Blade Energy e Grupo Geração.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly