Dean Ferris renova com a Yamaha para 2018 na Austrália

Por Mariah Morgado | Foto por Jeremy Hammer | 25 de outubro de 2017 - 15:50

Após as especulações de sua mudança para os Estados Unidos para correr pela Rock River Yamaha no AMA SX e MX no ano que vem, a equipe CDR Yamaha revelou que o bicampeão australiano de Motocross, Dean Ferris, vai permanecer na equipe em 2018 para os Campeonatos Australianos de Motocross e Supercross apesar de seu forte interesse de correr em outro continente.

“Minha decisão não incluiu outras equipes na Austrália. Se a oportunidade certa tivesse aparecido nos EUA, então eu teria a avaliado e pensado nela, mas se eu ficasse na Austrália, sempre seria na CDR Yamaha. Os dois últimos anos foram os melhores da minha carreira e eu criei ótimas relações com todos na equipe. Então, particularmente, eu tenho ótimos amigos aqui na CDR e profissionalmente, eu sei que a equipe vai me dar exatamente o que preciso para vencer corridas e campeonatos. Estou animado em permanecer com a CDR Yamaha e ansioso para 2018. A nova YX450F é ótima e nós mal passamos da superfície da moto. Saber que tenho um monte de pessoas trabalhadoras comigo também me inspira a continuar trabalhando duro e garantir mais campeonatos para mim e para a equipe CDR Yamaha.” – Ferris declarou.

O dono da equipe, Craig Dack, também falou sofre a contratação de Ferris para mais um ano, destacando que os dois últimos anos foram uma experiência gratificante e que o nativo de New South Wales é uma combinação perfeita para o que a CDR Yamaha luta.

“Trabalhar com Dean ao longo dos dois últimos anos tem sido uma experiência gratificante para todos aqui na CDR Yamaha. Seu profissionalismo, dedicação e pura determinação contagia a equipe toda e nós sentimos que ele é a combinação perfeita pelo o que lutamos. Ele cresceu em seu papel como piloto número 1 da Austrália e se tornou um excelente embaixador para o esporte. Ele doa seu tempo aos fãs de corrida e fica feliz em trabalhar com os meninos que se espelham nele. Ele se tornou um verdadeiro profissional em cada sentido da palavra e somos humildes por ele continuar com a CDR Yamaha e juntos podemos perseguir ainda mais sucesso de campeonatos.”

Depois de algumas temporadas correndo internacionalmente, Ferris retornou para casa na Austrália em 2016 com a CDR, conquistando os títulos australianos de Motocross em 2016 e 2017 e no ano passado terminou em segundo no supercross. O plate #111 é o atual vice colocado na classificação do Campeonato Australiano de Supercross e Ferris e a CDR seguem para a Virginia, no sul da Austrália, neste final de semana, para a 3a etapa.

 

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly