Fábio Santos venceu a MX2 e segue na luta pelo bicampeonato

Por CBM | Fotos por Victor Silva/CBM | 26 de novembro de 2017 - 22:30

O fim de semana foi bem vantajoso para o piloto paulista Fábio Santos da categoria MX2. Durante a 6ª Etapa do Brasileiro de Motocross, em Campo Grande, o piloto venceu as duas baterias e diminuiu a diferença para o primeiro colocado na classificação geral do Campeonato, Gustavo Pessoa. Agora, são 13 pontos de diferença entre os dois.

“Eu cheguei para esta etapa dizendo que precisava vencer as últimas quatro baterias do ano, e quero fazer isso. Venci as duas aqui em Campo Grande, agora preciso vencer as duas em Charqueada, na última etapa. Espero ser bicampeão brasileiro”, destacou o campeão da etapa, Fábio Santos.

Na MX2 Junior o pernambucano Tallys Nathan ficou em primeiro na primeira bateria, e fez a terceira colocação na segunda prova do dia. Na somatória das baterias subiu no lugar mais alto do pódio. “A primeira bateria foi mais tranquila, a segunda foi mais puxada por conta da chuva. Mas fiquei feliz com o resultado”, apontou o campeão da MX2 Junior, Tallys.

A primeira bateria do dia foi mais tranquila, sem muitas mudanças de posições, já a segunda foi mais movimentada, até porque os pilotos largaram debaixo de chuva. A largada até precisou ser atrasada um pouco, pois chovia forte e foi preciso garantir a segurança dos pilotos.

5 primeiros da Etapa – MX2

1º Fábio Santos

2º Pepê Bueno

3º Gustavo Pessoa

4º Leonardo de Souza

5º Caio Lopes

5 primeiros da Etapa – MX2 Junior

1º Tallys Nathan

2º Leonardo Nunes

3º Leonardo de Almeida

4º Leonardo Cassarotti

5º Renan Goto

1ª bateria

Caio Lopes (134) fez uma boa largada, seguido de Fábio Santos (1), Gustavo Pessoa (891) e Pepê Bueno (8).

Mas logo nas primeiras voltas Caio foi para o chão e Fábio Santos assumiu a ponta. A prova foi tranquila para o paulista que administrou a na liderança até o fim. Pessoa até que botou pressão em cima de Fábio, mas não conseguiu assumir a ponta.

5 primeiros da MX2

1º Fábio Santos

2º Gustavo Pessoa

3º Pepê Bueno

4º Leonardo de Souza

5º Caio Lopes

5 primeiros da MX2 Junior

1º Tallys Nathan

2º Leonardo Cassarotti

3º Matheus Klysman

4º Leonardo de Almeida

5º Leonardo Nunes

2ª bateria

Paulo Vitor largou na ponta. Gustavo Pessoas que não fez uma boa largada, logo assumiu a frente da disputa, mas caiu e perdeu posições. Com isso, Fabio Santos levou a melhor e assumiu a primeira posição da disputa, seguido de Pepe Bueno e Joao Pedro Ribeiro.

Aos 6 minutos de prova Pepê pressiona Fábio e conquista a primeira posição. Joao Pedro errou e perdeu posições. Leonardo de Souza aproveitou assumiu a terceira colocação.

Gustavo Pessoa foi ganhando posições passou Leo Souza e já assumiu a terceira posição. Faltando seis minutos para o fim da prova Fábio Santos assumiu a ponta de novo. Nas últimas duas voltas Pepê ainda tentou voltar a frente, mas Fabio foi mais rápido. Pepe ainda caiu alguns metros antes do arco de chegada, durante a disputa pelo primeiro lugar, mas subiu rápido e cruzou o arco em segundo.

5 primeiros da MX2

1º Fábio Santos

2º Pepê Bueno

3º Gustavo Pessoa

4º João Pdro Ribeiro

5º Leonardo de Souza

5 primeiro da MX2 Junior

1º Leonardo Nunes

2º Leonardo de Almeida

3º Tallys Nathan

4º Renan Goto

5º Thiago Cassio Fuzatti

Confira a classificação completa: http://www.cbm.esp.br/sistema/classificacao-categoria.php?idCategoria=55&idCampeonato=413&organizador=CBM&idModalidade=13&gruporesultadogeral=

O Campeonato tem patrocínio oficial de Honda, Yamaha, Rinaldi e IMS. A temporada ainda tem o apoio da Mobil. A etapa conta com apoio da Prefeitura de Campo Grande, Funesp, Governo do Estado de Mato Grosso do Sul e Fundesporte.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Desenvolvido por GetFly