Rio Grande do Norte sedia abertura do Brasileiro de Rally Cross Country

Por Sílvio Bilhar/ Ângela Monteiro / André Carvalho | Fotos por Fábio Davini/Renato Fernandes | 11 de abril de 2018 - 23:13

Vai ser dada a largada para o Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country 2018. O 20º Rally RN 1500 vale como abertura da competição e tem início nesta quinta-feira (12) em São Miguel do Gostoso (RN). A equipe Honda Racing entra forte na disputa dos títulos das motocicletas com o paulista 10 vezes campeão brasileiro Jean Azevedo e o gaúcho Gregório Caselani na classe Super Production, além do mineiro Tunico Maciel (classe Production Aberta) e do paulista Júlio “Bissinho” Zavatti (Brasil).

Equipe Honda de Rally Cross Country

O desafio inclui quatro dias de disputas e mais de 800 quilômetros de percurso – 568 deles de especiais (trechos cronometrados). A chegada será na cidade de Bom Jesus, sendo que o roteiro terá pernoites em Açu e Currais Novos. A prova ainda coloca em jogos as taças para as categorias de carros, UTVs e quadriciclos.

Experiência não falta ao piloto Jean Azevedo, que possui seis títulos do Rally RN 1500 e outro sete do Rally dos Sertões. Assim como Caselani e Maciel, ele vai acelerar a nova motocicleta Honda CRF 450RX. “A abertura da temporada envolve muitas expectativas, principalmente com a estreia da nova moto injetada. O modelo já é vitorioso e trouxe ainda mais evoluções em termos de tecnologia”, contou Azevedo.

Piloto Tunico Maciel (classe Production Aberta)

Na opinião dele, as terras potiguares serão um teste importante, já que trazem variados tipos de terrenos – das areias das dunas às pedras e trechos travados da região serrana. “O Rio Grande do Norte é muito propício para a prática do rally e certamente vai colocar muitas dificuldades para os competidores nesses quatro dias de evento, ainda mais levando-se em consideração que tem chovido nos últimos dias e iremos encontrar terreno molhado”, lembrou.

“Quero começar a temporada com o pé direito, vencendo as provas e mantendo a regularidade ao longo de todo o ano neste campeonato. A meta é estar sempre com a Honda nos primeiros lugares, de preferência no lugar mais alto do pódio”, concluiu Azevedo. Na categoria Brasil, que reúne motocicletas nacionais, a Honda Racing será representada por Bissinho Zavatti a bordo da CRF 230F.

O piloto é tricampeão do Rally dos Sertões na categoria. “A minha expectativa para a abertura do Brasileiro é das melhores, ainda mais em uma prova como o RN 1500. Fiz uma ótima preparação para a temporada, agora chegou o momento de mostrar o trabalho e ir atrás dos resultados. Estou bastante focado nesse objetivo”, afirmou Bissinho.

Tecnologia de ponta – A nova versão da motocicleta CRF 450RX foi muito bem recebida pelos pilotos da Honda Racing, como mostra o chefe de equipe Dário Júlio. “A motocicleta, que já era muito boa, só melhorou. Mesmo sendo mais leve, a nova versão traz motor mais forte, o que permite maior versatilidade nos trechos travados e mais velocidade nos pontos abertos do percurso. A tecnologia com injeção eletrônica oferece precisão na distribuição de potência, já que a regulagem é toda feita por computador”, completou.

A equipe Honda Racing de Rally conta com o patrocínio da Honda, Michelin, Mobil, D.I.D correntes, Edgers, BRC, Race Tech e Alex Design.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Sílvio Bilhar começou em março de 1995 o jornal O Podium, exclusivo sobre motociclismo, antes disso teve participação durante 3 anos no Jornal Pit Stop (Hoje é Revista). Estudou Relações públicas na FEEVALE em N.Hamburgo, Jornalismo em São Leopoldo e fez diversos curso de aprimoramento, entre eles de Publicidade e Marketing e de Jornalismo Esportivo, cuja aprovação foi com louvor. Ainda hoje é editor e proprietário do Jornal O Podium cujas informações é de ser o único do estilo no Brasil. Assumiu o Mundocross após o falecimento de seu grande amigo Jorge Soares, que chegou a escrever por alguns anos uma coluna no Jornal. Ambos parceiros e colaboradores nos dois veículos. Natural de Montenegro/RS, nasceu em 10 de fevereiro de 1965. Mora a mais de 25 anos em Novo Hamburgo, região da Grande POA no RS.

Desenvolvido por GetFly