AMA Supercross 2011 – 3ª etapa – Los Angeles

Por Renato Dalzochio Jr. | 23 de janeiro de 2011 - 20:07

Pontualmente as 19 horas deste sábado, 22 de janeiro, teve início a terceira etapa do AMA Supercross 2011 com toda a magnitude que foi a cerimônia de abertura no Dodger Stadium, em Los Angeles, com execução do hino nacional americano, apresentação dos melhores pilotos ao público, fogos de artifícios e luzes coloridas.

Nesta etapa as excelentes novidades foram as presenças do Rei do Supercross Jeremy Mcgrath e do rei do Freestyle Motocross Travis Pastrana. Outras lendas do Motocross, como Bob ‘Hurricane’ Hannah, Donnie Hansen (pai do piloto Josh Hansen), Marty Smith e David Bailey também estiveram presentes no Dodger Stadium.

Disputas foram intensas em Los Angeles

Disputas foram intensas em Los Angeles

Quem também esteve lá foram Ezra Lusk e o atual campeão mundial de Motocross MX1, o italiano Antonio Cairoli. Para delírio dos fãs, na cerimonia de abertura Mcgrath deu uma volta na pista e mandou o seu famoso Nac Nac.

Categoria Supercross Lites Oeste

Cole Seely, da equipe Troy Lee Designs / Lucas Oil / Honda, fez o holeshot e liderou a corrida de ponta a ponta sem sofrer pressão de ninguém, conquistando com tranquilidade a primeira vitória de sua carreira no AMA Supercross. Elic Tomac da equipe Geico Powersports / Honda finalizou em segundo, e Ryan Morais da equipe Rockstar Energy Drink / Suzuki completou o pódio na terceira posição.

Largada da final da SX Lites com Seely fazendo o holeshot

Largada da final da SX Lites com Seely fazendo o holeshot

Tickle é o segundo no campeonato mas ainda não venceu em 2011

Tickle é o segundo no campeonato mas ainda não venceu em 2011

Broc Tickle da equipe Monster / Pro Circuit / Kawasaki foi o quarto. Seu companheiro de equipe, o piloto Josh Hansen, líder do campeonato, caiu na largada, voltou quase na última posição e se recuperou até o quinto posto. O alemão Ken Roczen, da equipe oficial RedBull / KTM, chegou a largar na terceira posição, mas na terceira volta se enroscou com outro piloto e teve que se contentar com o sexto lugar.

Tomac conseguiu em LA o seu primeiro pódio no Supercross

Tomac conseguiu em LA o seu primeiro pódio no Supercross

Ryan Morais está fazendo um bom campeonato

Ryan Morais está fazendo um bom campeonato

No campeonato, Hansen ainda lidera, mas agora tem somente quatro pontos de vantagem sobre Tickle. Seely é o terceiro, Morais o quarto, e Tomac fecha os cinco primeiros.

Seely conquistou a primeira vitória da sua carreira no SX

Seely conquistou a primeira vitória da sua carreira no SX

Pódio da categoria Supercross Lites Oeste em Los Angeles

Pódio da categoria Supercross Lites Oeste em Los Angeles

Antonio Jorge Balbi Jr.
O representante brasileiro se classificou direto para a final ao obter um excelente quinto lugar na Heat1. Na final, Jorge Balbi Jr., da equipe 2B Duracell Racing / Italian Team, finalizou na décima terceira posição. No campeonato Jorginho é o décimo quarto com 25 pontos somados.

Balbi faz parte do Italian Team no AMA SX Lites Oeste

Balbi faz parte do Italian Team no AMA SX Lites Oeste

Resultado da terceira etapa da categoria Supercross Lites Oeste
1. Cole Seeley (Hon)
2. Eli Tomac (Hon)
3. Ryam Morais (Suz)
4. Broc Tickle (Kaw)
5. Josh Hansen (Kaw)
6. Ken Roczen (KTM)
7. Ryan Marmont (KTM)
8. Jim Decotis (Hon)
9. Nick Paluzzi (Yam)
10. Kyle Cunningham (Yam)
11. Martin Davalos (Suz)
12. Travis Baker (Hon)
13. Jorge Balbi Jr. (Kaw)
14. Tyla Rattray (Kaw)
15. Daniel Blair (Kaw)
16. Travis Bright (Hon)
17. Jake Canada (Kaw)
18. Casey Hinson (KTM)
19. Scott Champion (Kaw)
20. Cody Gilmore (Kaw)

Classificação da categoria Supercross Lites Oeste após três etapas
1. Josh Hansen – 66 pontos (2 vitórias)
2. Broc Tickle – 62
3. Cole Seely – 59 (1 vitória)
4. Ryan Morais – 55
5. Eli Tomac – 49
6. Tyla Rattray – 42
7. Marton Davalos – 40
8. Travis Baker – 35
9. Ken Roczen – 31
10. Nick Paluzzi – 30 pontos

Categoria Supercross

O australiano Brett Metcalfe da equipe oficial Rockstar / Makita / Suzuki, fez o holeshot e saiu na frente, seguido de perto por seu companheiro de equipe e atual campeão, Ryan Dungey. James Stewart da equipe San Manuel / Yamaha era o terceiro, Kevin Windham da equipe Geico Powersports / Honda o quarto, Justin Brayton da equipe Muscle Milk / Toyota/Yamaha o quinto, Trey Canard da equipe oficial Red Bull / Honda Racing o sexto, e o líder do campeonato Ryan Villopoto da equipe oficial Monster Energy / Kawasaki o sétimo.

Metcalfe largou na ponta da categoria principal em LA

Metcalfe largou na ponta da categoria principal em LA

Dungey era o líder mas Stewart passou o atual campeão

Dungey era o líder mas Stewart passou o atual campeão

Ivan Tedesco da equipe Dodge / Hart & Huntington / Kawasaki se enroscou com um dos blocos de espuma que cercam a pista e foi ao chao, levando junto também o australiano Chad Reed da equipe Two Two Motorsports. Reed voltou a corrida na décima nona posição. Dungey conseguiu a ultrapassagem sobre Metcalfe ainda na primeira volta, mas foi superado por Stewart na segunda.

Reed saiu das últimas posições para finalizar em sétimo

Reed saiu das últimas posições para finalizar em sétimo

O veterano Windham tem mostrado que ainda é muito rápido

O veterano Windham tem mostrado que ainda é muito rápido

Após completadas as seis primeiras voltas, Stewart, Dungey e Villopoto estavam duelando pela primeira posição. Villopoto ultrapassou Dungey na oitava volta, mas recebeu o troco duas voltas depois. Villopoto recuperou o segundo lugar na décima primeira volta. Nesta mesma volta, Stewart sentiu a pressão e cometeu um erro em uma curva para a direita e caiu, permitindo que o piloto da Kawasaki assumisse a liderança.

Justin Brayton está entre os Top 10 do AMA SX 2011

Justin Brayton está entre os Top 10 do AMA SX 2011

Depois de cair na sua Heat Canard se classificou na Last Chance

Depois de cair na sua Heat Canard se classificou na Last Chance

Stewart voltou na quarta posição, atrás de Canard, Dungey e Villopoto. Final de corrida e Villopoto garantiu sua segunda vitória no campeonato e aumentou a vantagem de pontos na lideranca. Stewart ainda conseguiu se recuperar até a segunda posição e Dungey completou o póio em terceiro. Canard foi o quarto, e Brayton fechou os cinco primeiros. Windham finalizou em sexto e Reed se recuperou até a sétima posição. No campeonato, Villopoto lidera com 72 pontos contra 67 de Stewart.

Villopoto venceu a segunda seguida no AMA Supercross 2011

Villopoto venceu a segunda seguida no AMA Supercross 2011

Pódio da categoria Supercross em Los Angeles

Pódio da categoria Supercross em Los Angeles

Resultado da terceira etapa da categoria Supercross
1. Ryan Villopoto (Kaw)
2. James Stewart (Yam)
3. Ryan Dungey (Suz)
4. Trey Canard (Hon)
5. Justin Brayton (Yam)
6. Kevin Windham (Hon)
7. Chad Reed (Hon)
8. Brett Metcalfe (Suz)
9. Andrew Short (KTM)
10. Kyle Chisolm (Yam)
11. Nick Wey (Yam)
12. Austin Stroupe (Yam)
13. Davi Millsaps (Yam)
14. Chris Blose (Kaw)
15. Tye Simmonds (KTM)
16. Kyle Regal (Yam)
17. Mike Alessi (KTM)
18. Jason Thomas (Suz)
19. Ivan Tedesco (Kaw)
20. Tommy Hahn (Yam)

Classificação da categoria Supercross após três etapas
1. Ryan Villopoto – 72 pontos (2 vitórias)
2. James Stewart – 67 (1 vitória)
3. Ryan Dungey – 58
4. Trey Canard – 56
5. Chad Reed – 48
6. Brett Metcalfe – 39
7. Andrew Short – 37
8. Justin Brayton – 36
9. Kyle Chisolm – 33
10. Kevin Windham – 32 pontos

Calendário do AMA Supercross 2011
4ª Etapa – 29 de janeiro – Oakland / Califórnia (Oak-Alameda City Stadium)
5ª Etapa – 5 de fevereiro – Anaheim / Califórnia (Angel Stadium)
6ª Etapa – 12 de fevereiro – Houston / Texas (Reliant Stadium)
7ª Etapa – 19 de fevereiro – San Diego / Califórnia (Qualcomm Stadium)
8ª Etapa – 26 de fevereiro – Atlanta / Georgia (Georgia Dome)
9ª Etapa – 5 de março – Daytona / Flórida (International Speedway)
10ª Etapa – 12 de março – Indianapolis / Indiana (Lucas Oil Stadium)
11ª Etapa – 19 de março – Jacksonville / Flórida (Jacksonville Municipal Stadium)
12ª Etapa – 26 de março – Toronto / Canadá (Rogers Centre)
13ª Etapa – 2 de abril – Arlington / Texas (Cowboys Stadium)
14ª Etapa – 9 de abril – St. Louis / Missouri (Edward Jones Dome)
15ª Etapa – 16 de abril – Seattle / Washington (Qwest Field)
16ª Etapa – 30 de abril – Salt Lake City / Utah (Rice-Eccles Stadium)
17ª Etapa – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Calendário do AMA Supercross Lites Oeste 2011
4ª Etapa – 29 de janeiro – Oakland / Califórnia (Oak-Alameda City Stadium)
5ª Etapa – 5 de fevereiro – Anaheim / Califórnia (Angel Stadium)
6ª Etapa – 19 de fevereiro – San Diego / Califórnia (Qualcomm Stadium)
7ª Etapa – 16 de abril – Seattle / Washington (Qwest Field)
8ª Etapa – 30 de abril – Salt Lake City / Utah (Rice-Eccles Stadium)
9ª Etapa – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Calendário do AMA Supercross Lites Leste 2011
1ª Etapa – 12 de fevereiro – Houston / Texas (Reliant Stadium)
2ª Etapa – 26 de fevereiro – Atlanta / Georgia (Georgia Dome)
3ª Etapa – 5 de março – Daytona / Flórida (International Speedway)
4ª Etapa – 12 de março – Indianapolis / Indiana (Lucas Oil Stadium)
5ª Etapa – 19 de março – Jacksonville / Flórida (Jacksonville Municipal Stadium)
6ª Etapa – 26 de março – Toronto / Canadá (Rogers Centre)
7ª Etapa – 2 de abril – Arlington / Texas (Cowboys Stadium)
8ª Etapa – 9 de abril – St. Louis / Missouri (Edward Jones Dome)
9ª Etapa – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Shootout Oeste x Leste Supercross Lites 2011
Etapa única – 7 de maio – Las Vegas / Nevada (Sam Boyd Stadium)

Confira como foram as etapas anteriores do AMA Supercross 2011

1ª Etapa – 8 de janeiro – Anaheim / Califórnia
2ª Etapa – 15 de janeiro – Phoenix / Arizona

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly