Piloto mineiro é campeão do Rally da Amazônia

Por Mundo Press Assessoria | Foto por Divulgação | 11 de junho de 2012 - 18:00

Felipe Zanol concluiu a terceira edição do Rally da Amazônia com o saldo mais do que positivo. O piloto mineiro foi campeão com o tempo acumulado de 7h37min41seg, 1min16seg de vantagem sobre o segundo colocado, Dário Júlio. Depois de consistentes vitórias nos dois primeiros dias de prova, Zanol administrou a vantagem neste domingo e comemorou no lugar mais alto do pódio em Porto Velho, Rondônia.

“Hoje a prova foi arriscada e preferi manter uma distância tranquila, administrando o resultado”, contou Zanol, que corre pela categoria Super Production com uma motocicleta Honda CRF 450X e neste último dia de prova ficou empatado com Ramon Sacilotti em quarto lugar na geral. O Rally da Amazônia foi formado por 1.166,64 quilômetros, sendo 589,85 deles de trechos cronometrados (especiais).

“Foram dias extremamente produtivos por aqui. Estou muito feliz por ter vencido, já que estava fora das provas de rali desde o Dakar (em janeiro de 2012), e ainda por cima fiz um treino de luxo para o Rally dos Sertões”, lembrou Zanol. Nas duas últimas edições do Sertões, o mineiro conquistou a vice-liderança na classificação geral das motos. Ele pretende buscar a taça inédita na edição comemorativa de 20 anos, marcada para agosto.

Felipe Zanol

Felipe Zanol

 “Pude sentir o ritmo dos concorrentes e observar os acertos que preciso fazer no equipamento, já que estou em fase de adaptação com a motocicleta. Além disso, exercitei muito a navegação. Eu abri as especiais no sábado e no domingo, ou seja, não havia marcas no solo para ajudar e isso foi fundamental para eu adquirir ainda mais experiência para as próximas corridas de rali”, concluiu Zanol. O mineiro ainda se dedica às competições de enduro FIM na temporada, modalidade em que o piloto busca o oitavo título nacional da sua carreira.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

é Editor do Mundocross, site que foi lançado por causa de sua paixão por Motocross e Supercross. Em 1990 ele começou a escrever sobre motos no Jornal VS, em São Leopoldo, no RS, numa coluna onde escrevia sobre Trilhas, Enduro e Motocross. Depois também escreveu para o Jornal O Pódium, Revista Moto Action. Nestes 24 anos teve experiências em eventos internacionais, como Mundiais de Motocross, AMA Supercross, AMA Motocross, Motocross das Nações e US Open Supercross.

Desenvolvido por GetFly